Em cima da hora:
Enchente atinge bananais em três cidades do Vale do Ribeira, SP
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 30/01/2015


    30.01.2015 12h10m
    Recomendar

    Sobe – Ações inéditas contempladas na programação da FUNITEC.


    Desce – Desvios de dinheiro investigados na Operação Lava Jato cuja estimativa é de R$ 2 bilhões.


    Interditado


    O complexo policial da cidade de Cruz das Almas se encontra interditado a pedido do Ministério Público (MP-BA) desde setembro, por superlotação e instalações precárias. Ciente da situação, o deputado estadual Pedro Tavares (PMDB) encaminhou indicação à Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP-BA) solicitando a reforma do complexo. “O Estado deve garantir a segurança da população e adotar medidas para o início dessa reforma o quanto antes, garantindo também boas condições de trabalho aos policiais que atuam na cidade”, disse.


    Desistência

    A eleição da presidência da Assembleia Legislativa da Bahia (Al-BA) se aproxima e o favoritismo do atual presidente Marcelo Nilo (PDT) pode fazer o adversário Rosemberg Pinto (PT) declinar. O deputado teria admitido ao jornal A Tarde, que no 1º de fevereiro a bancada petista se reunirá com a Executiva para decidir se manterá a candidatura e a não-participação dos petistas nas eleições para a Mesa.


    Teoria


    De acordo com Rosemberg, existem meios jurídicos para impedir um quinto mandato consecutivo de Nilo. Confirmando, nenhum parlamentar do PT votará ou indicará o candidato à 4ª vice-presidência da Casa, cargo criado para garantir a presença de um representante do PT na Mesa Diretora. A assessoria de comunicação de Rosemberg negou ao Bahia Notícias que o parlamentar tenha declarado tais informações ao jornal.


    Senado


    A eleição para a presidência do Senado acontece próximo domingo (1º). O senador Luiz Henrique (PMDB-SC) anunciou que será candidato, que possivelmente terá como concorrente ao pleito o senador e atual presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), do mesmo partido. Há possibilidade de surgir ainda candidatura dos senadores Waldemir Moka (PMDB-MS), Ricardo Ferraço (PMDB-ES), e Randolfe Rodrigues (PSOL-AP).


    Proporcional


    O PSB ainda não lançou nomes e a bancada do partido vai definir se apoiará o peemedebista eleito em Santa Catarina ou lançará a candidatura do socialista Antônio Carlos Valadares (PSB-SE), que manifestou interesse na presidência. A líder do partido no Senado, Lídice da Mata, não descartou a possibilidade de apoiar Luiz Henrique (PMDB), a fim de manter a regra de proporcionalidade, porém debaterá com o senador a Reforma Política, pauta dos socialistas.


    Criação


    Apesar dos rumores de que articula a criação do Partido Liberal na Bahia (PL), o deputado estadual Marcelo Nilo (PDT) negou ter ido a Brasília conversar sobre este assunto com o ministro da Defesa e ex-governador baiano Jaques Wagner (PT), afirmando que a conversa foi política “de maneira geral” e que não tem previsão de sair do PDT. “Meu único problema é com o presidente do partido na Bahia, Felix Mendonça Jr. O restante me dou muito bem. Não estou articulando criação do PL. Fui conversar sobre vários temas e matar a saudade do amigo”, desconversou à Tribuna.


    Confirmação


    A sigla serviria de ‘abrigo’ para o PT e para o PSD, partido do senador eleito na Bahia, Otto Alencar. Anteriormente, o ex-deputado estadual Cleovan Siqueira, um dos articuladores da criação do PL baiano, havia confirmado Nilo como coordenador do processo de refundação da sigla. “Só conversei até agora em Nilo pelo telefone, mas teremos uma reunião em breve, em Brasília e Salvador”, disse na ocasião.


    Comemoração


    A presidenta Dilma comemorou o restabelecimento das relações entre os Estados Unidos e Cuba e defendeu o fim do embargo econômico entre eles. No discurso em plenária da Cúpula da Comunidade dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac), ela defendeu a criação de um fórum de empresários dos países-membros como um projeto de cooperação para enfrentar os problemas da economia internacional e retomar um crescimento “robusto”. Dilma elogiou a “coragem” e “responsabilidade histórica” dos presidentes Barack Obama e Raul Castro e afirma que com o gesto, “começa a se retirar da cena latino-americana e caribenha o último resquício da Guerra Fria”.


    No bar


    Os benefícios do ex-deputado federal pelo PTB Romeu Queiroz, condenado por envolvimento no mensalão, foram suspensos e ele pode voltar do regime semiaberto para o fechado. A decisão foi tomada pela juíza da Vara de Execuções Criminais de Ribeirão das Neves, Miriam Vaz Chagas, após Queiroz ser flagrado bebendo em um bar na capital mineira em uma das saídas da prisão. Após condenado, o ex-deputado foi transferido para cumprir a pena por corrupção passiva e lavagem de dinheiro numa penitenciária em Belo Horizonte, de onde saía diariamente para trabalhar em uma de suas empresas.



  • 27/01/2015


    27.01.2015 11h09m
    Recomendar

    Sobe – Prefeitura de Feira pela publicação da nova concorrência pública para o transporte coletivo.

     

    Desce – Petrobrás com a gasolina mais cara do mundo, 69% a mais do que em outros países.

    Falecimento

    O médico Aloysio Campos da Paz Júnior, fundador da Rede Sarah, morreu no domingo (25), aos 80 anos, de insuficiência respiratória. Campos da Paz, nascido no Rio em 1934 e sediado em Brasília no início dos anos 60, deixou três filhos. Foi na administração do cirurgião-chefe da rede que o Centro de Reabilitação Sarah Kubitschek, conhecido pelo método de tratamento de pacientes com dificuldade motoras, abriu unidades em São Luís, Salvador, Belo Horizonte, Fortaleza, Macapá, Belém e Rio de Janeiro.

    Lamento

    A presidente Dilma Rousseff lamentou a morte de Campos da Paz nas redes sociais: “Campos da Paz dizia que sua filosofia era trabalhar para que cada paciente fosse tratado com base no seu potencial e não nas suas dificuldades. Foi com está fé na potencialidade de cada paciente que a Rede Sarah ajudou a melhorar a qualidade de vida de milhares de brasileiros”, declarou.

    Gratidão


    Os moto-taxistas de Feira de Santana ficaram satisfeitos com a indicação do vereador Tonhe Branco(PSC), apresentada na Câmara Municipal, em que solicita ao prefeito José Ronaldo a implantação de abrigos com assentos e coberturas nos pontos onde os pilotos aguardam clientes. O moto-taxista José Carlos Teixeira espera que o pedido seja atendido e informou que a Prefeitura de Alagoinhas já implantou o sistema, fato que protege os profissionais enquanto exercem a profissão.
     

    Beneficente

    O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Zé Neto (PT) teve aprovado seu projeto de possibilitar às entidades de direito privado, sem fins lucrativos, o recebimento de subvenções, auxílios e contribuições do Poder Público Estadual. Segundo o deputado, as entidades contribuem para a sociedade prestando serviços essenciais de educação, cultura, saúde, assistência social, justiça, meio ambiente, ciência e tecnologia, entre outras áreas consideradas de interesse público. Entre os favorecidos estão organização, união e associações de Salvador, Campo Formoso, Jeremoabo, Mirante, Cansanção, Banzaê, Antas, Abaré, Brumado e Uruçuca.

    Fusão

    O colunista Felipe Patury da revista Época, alimenta a história da fusão entre o DEM, partido do prefeito ACM Neto de Salvador, e o PDT. Segundo Patury, a negociações de Neto para se filiar ao PDT avançaram por três fatos: 1. A criação da Secretaria de Trabalho nomeando Andrea Mendonça (PDT) para chefiar a pasta. 2. A orientação do prefeito aos deputados do DEM para votarem no candidato do PDT ao comando da Assembleia baiana. 3. O rompimento do PDT com o governo da Bahia, principal adversário de ACM Neto.

    Planos

    O PDT baiano terá novas eleições para definir seu comando. O deputado Félix Mendonça deverá concorrer com o presidente da Assembleia e deputado estadual Marcelo Nilo (PDT). O possível ingresso de ACM Neto pode atrapalhar os planos de Nilo, que é ligado ao governador Rui e tem interesse de levar o partido de volta à base governista.

    Perdão

    Apesar de ter sido coordenador na campanha para candidatura ao governo do Estado de Lídice da Mata (PSB), chegando inclusive a acusar os prepostos de Rui de impor restrições a financiamento de campanha da candidata do PSB, Antônio Carlos Tram é um dos dois representantes do partido cotados pelo governador Rui Costa (PT) para ocupar um cargo no segundo escalão do governo estadual.

    Comodismo

    O governador Rui Costa e o secretário de saúde Fábio Vilas Boas extinguiram a Dires (Diretorias Regionais de Saúde) na Reforma Administrativa da Secretaria de Saúde (Sesab). Com isso, serão tirados da atuação em serviços administrativos cerca de mil profissionais - mais de cem médicos, dentre os quais 20 obstetras, além de 58 dentistas, mais de trezentos técnicos e auxiliares de enfermagem.

    Dívida

    A Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) deve aos municípios baianos cerca de R$ 30 milhões, referentes a sete meses de atraso de repasse de verbas. Em entrevista ao Bahia Notícias, o secretário Fábio Vilas-Boas afirmou que é possível que o repasse comece a ser feito em três meses. O presidente do Conselho Estadual dos Secretários Municipais de Saúde e vice-presidente a nível nacional, Raul Molina, no entanto, comemorou a garantia de que os recursos de 2015 serão transferidos sem atraso.



  • 24/01/2015


    24.01.2015 11h19m
    Recomendar

    Sobe - O empreendedorismo do feirense Felipe que criou rede social cujo número de membros já ultrapassa os 80 mil.

     

    Voo

    O governador Rui Costa e o secretário de Infraestrutura do Estado, Marcus Cavalcanti, serão passageiros do primeiro voo de Campinas (SP) para Feira de Santana, que está marcado para o dia 2 de fevereiro. Irão decolar do aeroporto Viracopos às 12h16 com previsão de desembarque, no João Durval de Carneiro, às 13h35, conexão realizada pela companhia Azul Linhas Aéreas. Com embarques diários, de segunda à sexta-feira, a população feirense passará a contar com outros 46 destinos, nas cinco regiões do Brasil, a partir da conexão com a cidade paulista.

    Dívida

    O acúmulo e atraso do pagamento de mais de US$ 6 milhões na contribuição financeira com o Tribunal Penal Internacional (TPI), das Organizações das Nações Unidas (ONU), causou ao Brasil a perda temporária de direitos como votar na escolha de novos juízes na Assembleia. Segundo informações do Estado de S. Paulo, a suspensão é a primeira punição sofrida pelo Itamaraty desde que os cortes orçamentários começaram no órgão que comanda a política externa do País. A brasileira é a segunda maior dívida de um país nas Nações Unidas. 

    Emprego

    O ministro do Trabalho, Manoel Dias, declarou ao jornal O Estado de S. Paulo: "não estamos com demanda para criar 20, 50, 100 mil empregos", mas sustenta que o Brasil permanece com economia sólida, inflação sob controle e boas expectativas de investimento externo e consumo doméstico. "Mantendo o nível de emprego, criando vegetativamente o número necessário (de vagas), nós responderemos, pelos menos nesse período", sinalizou que, no segundo semestre, haverá fôlego maior na criação de empregos pois o ajuste fiscal promovido pelo Governo começará a ter efeito.

    Rivalidade

    O clima de rivalidade entre o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Marcelo Nilo (PDT), e o presidente estadual do PDT, deputado federal Felix Mendonça Jr., se agravou após a retirada do partido da base de sustentação do governo estadual. Nilo não concordava com o apoio duplo entre Estado e Prefeitura de Salvador e liderando um apoio dos deputados, almeja se tornar presidente da sigla ou de uma nova a ser criada.

    Multicargo

    Félix respondeu à Tribuna que é muito cedo para analisar sobre o apoio que os deputados deram ao governador após a sigla sair da base, sem querer entrar em detalhes. Mas sobre Nilo declarou: "A forma como ele age, ele quer ser tudo: governador, vice-governador, presidente de partido, presidente da Assembleia e até Rei Momo. Quer ser candidato a tudo, e existe uma ânsia por cargos e poder, e eu não tenho isso".

    Casual

    O PRB já sinalizou interesse em voltar à base aliada do Governo - apesar do apoio às candidaturas de Paulo Souto (DEM) para o governo baiano e de Geddel Vieira Lima (PNDB) para o Senado em 2014 -, pode estar articulando a aliança junto ao secretário estadual de Planejamento e vice-governador João Leão (PP) que jantou, segundo ele, informalmente, com o presidente nacional do PRB Marcos Pereira Marcos na noite de terça-feira (21).

    Presos

    Os principais políticos condenados no mensalão já está praticamente todos fora da cadeia. O ex-presidente da Câmara dos Deputados João Paulo Cunha (PT-SP) e o delator e ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) cumprem pena em regime semiaberto. O pedido de Cunha para migrar para o regime aberto foi negado porque o ex-deputado ainda não pagou a estimativa de R$ 536.440,55 dos recursos desviados. Jefferson, que alegou ao Supremo sofrer de problemas de saúde, teve seu pedido de prisão domiciliar negado porque ainda não cumpriu o tempo mínimo previsto para mudar de regime que é de, pelo menos, um sexto da pena.

    Soltos

    O ex-chefe da Casa Civil José Dirceu (PT-SP), o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, o ex-presidente do PT José Genoino e o ex-presidente do PL (atual PR) Valdemar Costa Neto cumprem o restante da pena em regime aberto, em prisão domiciliar. Em todos os casos, os ministros do Supremo entenderam que houve o cumprimento mínimo de pena e que os réus tiveram bom comportamento carcerário.

    Integral

    O deputado Leur Lomanto Júnior (PMDB) indicou ao Estado, na Assembleia Legislativa, a solicitação do anseio dos jequieenses, transmitido pelo vereador Joaquim Caires, para instalação de um complexo educacional de tempo integral concedendo para o município o imóvel da antiga Escola de Menores, para abrigar a unidade. Segundo o deputado, "o objetivo é a melhoria do rendimento do ensino, para a prática da atividade esportiva, do desenvolvimento de hábitos saudáveis e de maior capacidade e dinamismo nas relações".  



  • 23/01/2015


    23.01.2015 10h41m
    Recomendar

    Sobe – A solidariedade de doadores que aumentou essa semana o estoque de sangue para o Hemoba em Feira.


    Desce – A insistência do governo federal ao tomar posição contra a Indonésia pela execução do traficante transgressor das leis vigentes naquele país e em grande parte da Ásia.


    Falecimento


    Faleceu na última quarta-feira (21) o médico Bernardo Spector. Reformado como coronel da Polícia Militar, ocupou a Secretaria de Saúde de Salvador (1967 -1971), a Secretaria do Trabalho do Estado da Bahia (1971/1975 - 1979/1983) e também foi conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, até se aposentar aos 70 anos de idade. Toda sua carreira política foi construída ao lado de Antônio Carlos Magalhães, seu colega de turma na faculdade de medicina. Spector ainda foi o primeiro grão-mestre estadual do Grande Oriente Estadual da Bahia – Maçonaria (1964) e fundador da instituição no estado.


    O retorno


    Na próxima eleição para a Câmara Municipal ex-vereadores voltarão a disputar o pleito. Maurício Carvalho, ex-líder do governo Zé Ronaldo e atual aliado do deputado federal Fernando Torres, disputará a eleição pelo PSD. O ex-presidente da Câmara, vereador Ribeiro, que apoiou Fernando em 2014, é outro que pode deixar o PDT e se filiar ao PSD do deputado.


    Governistas


    Ligados ao prefeito José Ronaldo se tem como certas as candidaturas de Roberto Tourinho, Antônio Carlos Daltro Coelho e Alcione Cedraz, que dividirão espaço com os vereadores de mandatos ligados ao executivo municipal. Os dois novos secretários deverão disputar a eleição, Welligton Andrade e Rafael Cordeiro. A escolha dos partidos desses candidatos será definida até o final de setembro próximo.

     

    Independentes


    Dois candidatos independentes, que já ocuparam uma cadeira na Câmara, também buscam novo mandato. É o caso do empresário Joãozito Borges e do médico Getúlio Barbosa, que teve dois excelentes mandatos e que desistiu de disputar a última eleição.


    Vai e Vem


    Ligado ao PT, o professor Marialvo Barreto retorna à disputa e, pode acontecer um fato novo tendo como base os comentários de que: Eremita Mota assumiria agora um cargo de direção em um dos órgãos do governo do estado, o que proporcionará a ascensão à Câmara do ex-vereador Sebastião Bastinho, que só terá esse presente se apoiar o candidato a prefeito do PT no município.


    Derrotados


    Na última eleição, os candidatos derrotados ligados ao grupo político do prefeito Zé Ronaldo foram: Colbert Filho, eu, Zé Chico e Lulinha. Nenhum chorou publicamente. Pela comodidade da distância, só um interessado foi para o Pé do Caboclo no Campo Grande, em Salvador, e não foi nem para chorar, foi só para xingar. A revolta é porque quando foi reduzida a força política procurou muleta para se escorar eleitoralmente, tendo como consequência apenas calo no sovaco, gerando mágoas até hoje.


    Abandono


    Quando exigido que o PDT escolhesse um lado para apoiar exclusivamente, o partido rompeu com o governo Rui Costa. Ao invés da prima Fernanda Mendonça indicada à Secretaria Estadual de Agricultura, que só permaneceu na posse durante 20 dias, o presidente do partido, deputado federal Felix Júnior (PDT) decidiu manter a irmã, Andréa Mendonça, como secretária do Trabalho na gestão municipal de ACM Neto (DEM). Parte da ala abandonará o PDT e seguirá ao comando do presidente da Assembleia, o deputado estadual Marcelo Nilo, para a possível legenda a ser criada, o PL.


    Ocupações


    O secretário estadual de Relações Institucionais, Josias Gomes, confirmou ontem que o presidente estadual do PTN, o “doutor engenheiro” Maurício Bacelar, ocupará o cargo de diretor-geral do Departamento de Trânsito do Estado da Bahia (Detran). Apesar da especulação de que as negociações com o Detran seriam feitas com a ocupação de todos os cargos do órgão ou pasta pelo PTN, informações garantem que ao menos duas superintendências ficarão sob o comando do PP, que atualmente controla o Detran.


    Agressor


    Segundo informações, motivada pelas “palavras de baixo calão” proferidas pelo presidente Marcelo Nilo contra a secretária Andréa Mendonça (PDT), na reunião em que o PDT decidiu contrariar a orientação estadual permanecendo ao lado do prefeito de Salvador, a secretária teria contratado o criminalista Gamil Föppel a fim de processar o presidente da AL-BA com base na Lei Maria da Penha. 



  • 22/01/2015


    22.01.2015 10h35m
    Recomendar

    Sobe – O Ministério da Saúde por lançar campanha nacional contra Hanseníase.


    Desce – A presidente Dilma que vetou o aumento de 6,5% na tabela do imposto de renda para pessoas físicas.


    Algo estranho


    Como pode o governador gaúcho, Ivo Sartori, depois de ter o seu salário fixado em R$ 25,3 mil, reduziu seu salário e do seu vice para R$ 17,3 e R$11,5, respectivamente, por pressão da imprensa? A cobrança foi porque, ao assumir o mandato, Ivo declarou que recebia o estado com problemas financeiros. Os secretários do Estado tiveram aumento em seus salários, passando a receber R$ 18,9 mil, mais que o governador. Será que alguém pode imaginar que a suposta economia de oito mil reais do governador vai sanar as finanças do Estado?


    Populismo barato


    O orçamento gaúcho para 2015 é de R$ 57bi, e faz-se uma pergunta: se o governador reduziu seu salário para economizar para o erário, porque não impôs igual sacrifício para seus secretários? O nome que tenho para isso é ‘populismo chinfrim’. É tentar passar uma imagem austera e altruísta que termina deixando dúvidas. O executivo de uma empresa que fatura R$ 1bi por ano, tem ganhos mensais de, no mínimo, R$ 100mil - além de prêmios pelo desempenho operacional. É claro que isso não serve de parâmetro para o poder público, mas é justo remunerar bem que tem tamanha responsabilidade.


    Conselho


    O deputado estadual Zé Neto (PT) respondeu a “picuinha que insiste em fazer” o presidente estadual do PMDB Geddel Viera lima, na entrevista à Rádio Metrópole terça (20), alertando que se continuar “com um discurso sem qualidade e sem conteúdo ele terá dificuldade até mesmo para se eleger chefe de quarteirão”. O deputado, que acha que Geddel não assimilou a derrota nas urnas nem “ter sido escanteado por ACM Neto”, defende a humildade, esforço e educação do governador Rui Costa, aconselhando: “O que a população espera é que a oposição faça propostas e aponte caminhos que ajudem o governo a corrigir suas eventuais falhas”.


    Amigos


    Deputado estadual do PTN, partido aliado do governo da Bahia, Carlos Geilson tem área de influência eleitoral em Feira de Santana, assim como o deputado Zé Neto (PT). “Tanto em Feira como em Salvador, vamos fazer tudo para ter conforto em relação a isso. Conversei com Geilson por telefone, falei para ele que não vou poupar esforços e trabalhar para ele ficar confortável”, revelou Zé Neto à redação do Bahia Notícias.


    Insensível


    Em mensagem transmitida ontem (21) via WhatsApp, o ex-secretário estadual de Saúde, deputado federal Jorge Solla (PT) atacou o governo Rui Costa (PT) por causa das 200 demissões de pessoas que, possivelmente, tenha indicado para a pasta. Segundo Solla, são centenas de famílias que estão sob o impacto do desemprego e da falta de perspectiva. “O governo toma uma atitude insensível e absurda, sem oferecer alternativas a estas pessoas, algumas delas com anos de trabalho e dedicação ao serviço público”, defende.


    Desmonte


    Solla, que se desentende com Rui desde a escolha da nova equipe na qual o cardiologista Fábio Villas Boas o sucedê-lo na gestão da Sesab, observa a pretensão de recuperar a economia com corte nos cargos mais baixos que sustentam o trabalho estadual, uma vez que há 20 anos não acontece um concurso para a área administrativa da Bahia. Solla aponta serviços comprometidos em áreas como “assistência farmacêutica, unidades de coleta e transfusão de sangue” e acrescenta: “Sequer tiveram o cuidado de procurar saber o que estes profissionais faziam!!! Não pode continuar este desmonte em uma área tão estratégica como a saúde em NOSSO GOVERNO!”, declarou.


    Avisado foi


    “O país das mil maravilhas, que estava no rumo certo, como está provado e nós denunciávamos, só existia na propaganda eleitoral da presidente”, observou o deputado federal Jutahy Jr. (PSDB), apontando que em 20 dias de segundo mandato, Dilma Rousseff (PT) conseguiu elevar os impostos, aumentar os juros, mudar os programas sociais, submeter o país a um apagão, transformar a gasolina do país na mais cara do mundo, fazer o desemprego crescer, ampliar a tarifa da energia elétrica e ‘mandar dizer’ que todas as medidas impopulares estão sendo adotadas para restabelecer a confiança do país juntos aos banqueiros internacionais.


    Reconhecimento


    O principal executivo do Banco Pactual, André Esteves, disse ontem (21), na Suíça, que os mercados financeiros estão no estágio inicial de reconhecer as mudanças positivas, que incluem maior disciplina fiscal, trazidas pela nova equipe econômica liderada pelo ministro da Fazenda, Joaquim Levy, que também participa do Fórum Econômico Mundial. “O ministro Levy começou muito bem, as medidas anunciadas nesses últimos 30 dias são simples e fáceis de executar e de entender, tanto na área de otimização de custos quanto na de aumento de receita”, declarou Esteves.


    Abandono


    Em reunião, na qual foi exigida exclusividade de apoio, o PDT rompeu com o governo Rui Costa. Ao invés da indicação da prima Fernanda Mendonça à Secretaria Estadual de Agricultura, o presidente do partido, deputado federal Felix Júnior (PDT) decidiu manter a irmã, Andréa Mendonça, como secretária do Trabalho na gestão municipal de ACM Neto (DEM). Parte da ala abandonará o PDT e seguirão ao comando do deputado estadual Marcelo Nilo para outra legenda, possivelmente o PL, a ser criado.  



  • 02/01/2015


    02.01.2015 17h22m
    Recomendar

    Auxílio moradia
    Além do novo salário de R$ 25,3 mil, os deputados estaduais baianos receberão, a partir da próxima legislatura, um bônus mensal de R$ 4.377 como auxílio-moradia, praticamente o dobro dos atuais R$ 2.250. O decreto legislativo foi aprovado na madrugada desta final da noite da última segunda-feira (29), junto com os reajustes dos proventos dos próprios parlamentares, do governador, do vice e dos secretários estaduais. De acordo com o presidente da Assembleia Legislativa (AL-BA), deputado Marcelo Nilo (PDT), o valor do auxílio-moradia foi equiparado ao montante pago a desembargadores. “É o auxílio-moradia, que eu igualei a desembargador. Não tem sentido o desembargador ganhar mais que deputado”, justificou Nilo.

    Empresas bloqueadas
    A Petrobras anunciou que fará o bloqueio cautelar de empresas de grupos econômicos citados como participantes de cartel. Os nomes foram documentados em depoimentos para a 13ª Vara Federal do Paraná de executivos e ex-executivos presos em novembro último, em fase da Operação Lava jato da Polícia Federal. De acordo com a Agência Brasil, o bloqueio fará com que as empresas fiquem temporariamente impedidas de serem contratadas e participarem de licitações da estatal. Segundo nota da estatal, a adoção de medidas cautelares tem o objetivo de “resguardar a empresa e suas parceiras de danos de difícil reparação financeira e prejuízos à sua imagem”.

    Aliados
    A ida do PDT para a administração do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), não foi digerida pelo governo do PT. O futuro secretário de Relações Institucionais, Josias Gomes, deve conversar com o presidente estadual da legenda, deputado federal Felix Mendonça Jr.. Em conversa, Josias afirmou que o governo Rui Costa quer exclusividade no apoio. “Precisamos de aliados exclusivos”, frisou. Josias informou que antes do anúncio, que ocorreu na manhã da última terça, ele já havia se reunido com o ex-deputado federal Felix Mendonça e a bancada do PDT.

    Orçamento 2015
    Deputados opositores não chegaram a um acordo na noite da última segunda-feira (29) e pediram vista ao projetos orçamentários do estado para 2015. Com a prorrogação de 48 horas, apenas na próxima segunda-feira (5) haverá votação da matéria em primeiro turno. O segundo, que seria apreciado no dia 6 também será prorrogado. Segundo o líder da oposição, Elmar Nascimento (DEM), as declarações do líder governista José Neto (DEM), na imprensa local de que ônibus seriam objetos de negociação para aprovação da LOA, não agradaram os mesmos fazendo com que a votação fosse adiada.

    Sem culpa
    O governador Jaques Wagner (PT) disse, na manhã da última terça-feira (30), que escolheu Rui Costa (governador eleito) para disputar vaga no governo por contas dos serviços prestados em seus dois mandatos, sobretudo, à frente da Casa Civil. Ainda em sua explicação, Wagner citou dois nomes fortes, o de Walter Pinheiro e José Sérgio Gabrielli que poderiam ter ido para o embate contra o demista Paulo Souto. "Claro, nós não pudemos comparar nomes, tinha Walter Pinheiro, José Sérgio Gabrielli. Gabrielli vai provar que não teve nenhuma culpa nisso", afirmou, referindo-se às denúncias de corrupção na Petrobras, estatal que tem Gabrielli como ex-presidente.

    Missão
    No centro de uma situação emblemática, a ex-secretária de Ciência e Tecnologia do Estado da Bahia (Secti) e ex-vereadora de Salvador, Andrea Mendonça terá nova missão a partir de agora. Filiada ao PDT, partido que é capitaneado na Bahia pelo seu irmão Félix Mendonça Jr., Andrea foi anunciada na última terça-feira (30) por ACM Neto (DEM) como nova secretária de Desenvolvimento, Trabalho e Emprego. A questão principal na nomeação é que seu partido ocupará duas secretarias no governo Rui Costa (PT), adversário político do DEM de Neto.

    CPI Mista
    A Operação Lava Jato, da Polícia Federal, provocou fortes impactos políticos no país e pode ainda atingir novos agentes públicos em 2015. Até o momento, o desdobramento mais impactante da operação se deu nas denúncias de corrupção envolvendo ex-diretores da Petrobras e dois deputados federais. Os desdobramentos resultaram na instalação de duas comissões parlamentares de inquérito, pelo Congresso Nacional, e na prisão de diversos executivos das maiores empresas de engenharia do país, acusados de corrupção, fraude a licitações e crimes financeiros, pelo Ministério Público Federal (MPF).
     



  • 1
Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia