Classivendas
Em cima da hora:
Baile Municipal de Bezerros vende ingressos para show de Araketu
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 31/08/2016


    31.08.2016 18h24m
    Recomendar

    Sobe - O advogado da presidente Dilma Rousseff José Eduardo Cardozo, que de forma técnica, apresentou uma defesa que se não sensibilizou àqueles que tinham ideia fixa pode render no STF


    Desce - Senadores, que em um processo tão importante para o País, durante a fala da presidente e do seu advogado se dedicaram a dedilhar o celular pouco se importando com perguntas e respostas


    Luto


    O vereador Eli Ribeiro (PRB) publicou em sua página numa rede social uma nota de falecimento em virtude do passamento do ex-vereador José Pedroso dos Santos. Pastor Pedroso, como era popurlamente conhecido, foi vereador em Feira de Santana entre os anos de 2000 a 2004. A última aparição pública de ex-vereador fez um ano no último domingo, 28 de agosto, quando, por indicação de vereador Eli, ele foi laureado com o título de Cidadão Feirense outorgado pela Câmara Municipal de Feira de Santana em 28 de agosto de 2015. O enterro está marcado para acontecer hoje (31) no Cemitério São Jorge, no horário provável das 10h da manhã. Este colunista também se solidariza à família enlutada.


    Traíra


    E o vereador Tonhe Branco estava irado na sessão de ontem (30) dizendo que ofereceram dinheiro para ele declinar de sua candidatura para a reeleição. Tonhe não gostou nenhum pouco da proposta que lhe fizeram e disse que se candidatar à reeleição é uma questão de honra e dignidade. Nervoso, ele disse que mesmo sem o assessor será reeleito vereador. Quanto aos comentários sobre seu desempenho nas urnas ele disse que perdendo ou ganhando não irá falar mal de José Ronaldo. Ao terminar o discurso, Tonhe deixou um recado: “Vereador Carlito do Peixe, você fisgou uma liderança minha achando que era um peixão, mas na verdade pescou foi uma traíra”.


    Traíra I


    Tudo isso por que o então assessor de Tonhe Branco teria recebido proposta de outros 4 vereadores para trabalhar e no fim das contas deixou Tonhe a ver navios e partiu para apoiar Carlito do Peixe, este disse que não ofereceu dinheiro algum. “Comigo é assim, só ofereço trabalho, dinheiro não. Ele me procurou dizendo que não ia ficar com outro vereador. Não lhe traí Tonhe, e não fiz proposta nenhuma para ficar com o seu assessor. Procure-o e resolva sua vida com ele”, disse.


    Resposta


    O vereador Carlito do Peixe afirmou que, além do assessor de Tonhe Branco, que o procurou, conversou com o ex-vereador Alcione Cedraz, que também o havia procurado, dizendo que não ficaria mais com o vereador Roque Pereira, a quem apoiou na última eleição e com ele também fechou apoio. “Estou no meu sétimo mandato seguido e nunca vi isso, jamais procurei Alcione Cedraz pra dizer nada. Ele me ligou pra conversar e fui ouví-lo, entre as conversas ele disse que estava analisando que não ia continuar com Roque e acabou fechando comigo”, disse Carlito.


    Mais traíra


    O vereador Roque Pereira (DEM) disse que a verdadeira “trairagem” aconteceu com ele, alfinetando o ex-vereador Alcione Cedraz, que até então apoiava o seu nome, mas acabou passando para o lado do vereador Carlito do Peixe (DEM). “Alcione prejudicou muitas pessoas ligadas a mim, me garantiu que não seria candidato e não apoiaria outra pessoa. Se existe alguém traído aqui, foi a minha pessoa. Homem tem que ser homem, ainda mais depois dos 50 anos. Tinha um compromisso comigo desde 2012”, disse.


    Fogo amigo


    “Tenho um depoimento no meu celular, dizendo que deram mil reais a um monte de gente na Rua Nova, para fazer campanha. Esse mesmo candidato está procurando quem deve IPTU na prefeitura com a oferta que tira o valor a pagar pela metade, dividindo o que economizou. Eu coloquei quase 150 perfurades em diversos carros e não dei uma gasolina a ninguém. Se provarem eu renuncio o meu mandato. Se eu ficar pra suplente, vou gravar tudo, e vou denunciar mesmo, pra perder o mandato e eu entrar no lugar, “ denunciou o vereador Correia Zezito (PSC).


    Alfinetada


    O vereador José Carneiro (PSDB), alfinetou o vereador Alberto Nery (PT) dizendo que o candidato a prefeito de Feira de Santana, Zé Neto (PT) está com vergonha de usar o nome do partido em seus programas eleitorais. “Fiquei preocupado com seu candidato a prefeito, Alberto Nery, que fazia questão de dizer o nome do PT, agora acabou. Não tem mais PT na propaganda dele, acabou, deve estar com vergonha. Antes era “Zé Neto 13 PT”, agora é “Zé Neto 13”, concluiu.


    Desconversa


    Alberto Nery desconversou e disse que tem muito orgulho em fazer parte do PT, mas culpou a má fase do partido ao chamado por ele de “golpe”, o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. “A presidente não poderia estar sendo caçada de forma política, pois ali só tem ladrão e corrupto”, concluiu. 



  • 30/08/2016


    30.08.2016 09h36m
    Recomendar

    Sobe - Câmara Municipal por valorizar trabalho voluntário de resgate de vida desenvolvido por obreiros cristãos.


    Desce - A violência em Feira que fez novas vítimas na cidade.


    Denominação


    Foi aprovado, em segunda discussão e por unanimidade dos edis presentes, o projeto de lei de nº 76/16, de autoria do vereador Justiniano França (DEM), que dispõe sobre a denominação de logradouro público na cidade de Feira de Santana. O projeto foi votado na manhã de ontem (29), na Câmara Municipal de Feira de Santana. De acordo com a proposta, a rua situada na Via Coletora, no bairro Pedra do Descanso passará a se chamar Rua Empresarial e as despesas com a execução da presente lei correrão por conta das dotações orçamentárias vigentes.


    Instituto Lula


    A Receita Federal decidiu suspender a isenção tributária do Instituto Lula referente ao período de 2011 a 2014 por “desvios de finalidade”, o que resultará na cobrança de imposto de renda e contribuições sociais, além de multa. A medida ocorre em decorrência do fim da investigação realizada pelo Fisco desde dezembro de 2015 sobre as atividades da entidade, fundada em 2011, pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O instituto será notificado nesta semana.


    Correria


    O vereador Beldes Ramos (PT) esteve com o candidato Zé Neto (PT) no final de semana, em vista às feirinhas do Sobradinho e Estação Nova, e mais uma vez aproveitou para criticar o governo municipal. “A atenção e insatisfação do povo em relação ao atual governo feirense, fortalece o desejo do povo de querer mudar a gestão da nossa cidade, que há mais de 20 anos maltrata e persegue os trabalhadores das feirinhas, artesanato, ambulantes e comerciantes da nossa Feira”, disparou.


    Cadastro


    O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) lançou o Cadastro Nacional de Condenados por Ato de Improbidade Administrativa e por Ato que implique Inelegibilidade (CNCIAI). O cadastro facilita o acesso a informações públicas. O cadastro é associado a outros serviços e produtos oferecidos ao público, sem a necessidade de consulta individual. A alimentação do cadastro é feita pelos próprios juízes responsáveis pelos processos em que há condenação por improbidade administrativa ou atos que impliquem em inelegibilidade.


    Sem tempo


    O presidente interino Michel Temer disse ontem (29) que não teve “tempo” e “satisfação” de acompanhar o depoimento da presidenta afastada Dilma Rousseff no julgamento final do processo de impeachment no Senado, ao ser questionado por jornalistas no Palácio do Planalto. Temer deu a declaração durante evento no Palácio do Planalto, quando se encontrou com cerca de 60 atletas olímpicos. No encontro, Temer garantiu mais recursos para desenvolver o esporte brasileiro.


    O que está em jogo


    O senador Roberto Requião (PMDB-PR), companheiro de partido do presidente interino Michel Temer, usou seu tempo de cinco minutos, na manhã desta segunda-feira (29), para criticar o processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff. Ele rejeitou o argumento da acusação, de que Dilma tenha cometido um crime de responsabilidade. “Estamos discutindo um sistema de governo, que começou com tentativa de introdução do parlamentarismo”, disse. 



  • 27/08/2016


    30.08.2016 09h33m
    Recomendar

    Sobe - Sessão em homenagem ao trabalho voluntário desenvolvido pelos obreiros cristãos em Feira de Santana.


    Desce - A falta de amor presente na era contemporânea por intensificar as ações de violência no mundo moderno.


    Obreiro Cristão


    Por iniciativa do vereador Eli Ribeiro (PRB), a Câmara Municipal de Feira de Santana promoveu, ontem (26) à noite, uma sessão solene, no plenário da Casa da Cidadania, em comemorarão ao Dia Municipal do Obreiro Cristão. O evento reuniu obreiros, ministros e pastores da Igreja Universal do Reino de Deus - IURD - e de outras denominações evangélicas, além de autoridades civis, políticas e religiosas. Eli Ribeiro é vice-presidente da Comissão de Educação e Cultura, na Casa da Cidadania e está em seu primeiro mandato.


    Transporte público


    O vereador Beldes Ramos (PT) mais uma vez criticou o governo municipal em suas redes sociais, desta vez em relação ao transporte público. “Como se não bastasse o desgoverno sofrido pela nossa Feira, o governo já garantiu que logo depois das eleições a passagem sofrerá um novo reajuste e passará a custar R$ 3,60. Acredito que o povo dará o troco no próximo dia 02 de outubro”, disse.


    Perseguição


    Tonhe Branco (PHS) desabafou no seu perfil do Facebook e disse que está sendo perseguido por candidatos a vereador, que segundo ele, estariam denegrindo a sua imagem no bairro Aviário. “Eu cobrei muitas melhorias ao Prefeito José Ronaldo de Carvalho, que atendeu aos pedidos deste Vereador , na medida do possível e tenho certeza que se Deus me der a oportunidade de me reeleger, prometo a todos vocês que grandes obras virão para o nosso Bairro, pois eu sei que o nosso prefeito trabalha de dia à noite por uma Feira de Santana melhor”, afirmou.


    Muita pressão


    O Candidato do PSC à prefeitura do Rio de Janeiro, Flávio Bolsonaro (RJ), passou mal durante o segundo bloco do debate realizado na noite desta quinta-feira (25) na TV Band Rio. Em seu momento de responder a uma pergunta, ele começou a tremer e oscilar, sendo segurado pelos concorrentes Jandira Feghali (PCdoB) e Carlos Osório (PSDB). Após perceber que Flávio passava mal, o apresentador encerrou o bloco e chamou os comerciais.


    Pressa


    O líder do PMDB no Senado, Eunício Oliveira (CE), disse que vai orientar a bancada a não fazer perguntas para a presidente afastada Dilma Rousseff durante sua defesa no processo de impeachment na próxima segunda-feira (29). A estratégia faz parte do plano dos aliados do presidente em exercício, Michel Temer, para acelerar o desfecho do julgamento do impeachment. O PMDB tem hoje a maior bancada do Senado, com 19 senadores.


    Em baixa


    Marcos Lula, filho do ex-presidente Lula, conseguiu arrecadar para a sua campanha de reeleição a vereador pelo PT em São Bernardo do Campo apenas R$ 5 mil até agora, de acordo com informações prestadas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os únicos dois doadores, até aqui, aparecem como funcionários de seu gabinete na Câmara de Vereadores. Nas eleições de 2012, a situação de Marcos Lula foi bem diferente. Ele declarou ter arrecadado ao final da campanha R$ 286 mil.


    Ombro amigo


    O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai ao Senado na próxima segunda-feira (29) para acompanhar o depoimento da presidente afastada Dilma Rousseff no julgamento do impeachment. “Conversamos com o ex-presidente Lula e ele disse que estaria aqui na segunda-feira para acompanhar o depoimento da presidente Dilma e que, se fosse necessário, estaria à disposição para vir para Brasília no domingo”, disse o líder do PT na Casa, senador Humberto Costa (PE). Lula deve assistir ao depoimento de Dilma em algum gabinete, e não no plenário, onde Dilma falará aos senadores.


    Sem concorrência


    Ao menos 97 cidades do país não terão uma disputa propriamente dita à prefeitura neste ano. É que em todas elas há apenas um candidato concorrendo. Isso ocorre especialmente em cidades pequenas, mas há também municípios médios, como Jales, no interior de SP, que tem quase 50 mil habitantes, e Nova Mutum, em MT, que tem 40 mil pessoas. O Rio Grande do Sul é o estado com o maior número de municípios com políticos disputando sozinhos o posto: 32. São Paulo tem 17, Minas Gerais, 16, e Paraná, 14. 



  • 26/08/2016


    26.08.2016 18h07m
    Recomendar

    Sobe - O MPF do Amazonas por ajuizar ação pública contra o Exército por conta da morte de onça em extinção


    Desce - Candidatos que podem ter candidaturas impugnadas em Milagres


    Proibida


    A empresa Sabore, registrada em nome de Carolina Tocchetto Paupério - irmã do ex-secretário de Gestão de Salvador, Alexandre Paupério - e Maria Josilene Silva de Jesus, está proibida de efetuar contratos com o governo do estado por cinco anos. A decisão foi publicada no Diário Oficial da última terça-feira (23) e considera a Sabore inidônea e culpada por falsificação de documentos e prática de ato fraudulento para obter contrato no Hospital Roberto Santos. A empresa fornecia alimentação para o HRS e para o Hospital Ana Nery, ambos em Salvador.

     

    Moro


    O juiz federal Sérgio Moro decidiu devolver o passaporte de Cláudia Cruz, jornalista e esposa do deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ). A decisão contraria o Ministério Público Federal (MPF), que em petição alertou para a possibilidade de risco de fuga da investigada e ré na Operação Lava Jato. As investigações indicam que Cláudia foi beneficiada, por meio de contas na Suíça, por parte de valores de uma propina de cerca de US$ 1,5 milhão recebida pelo marido. A jornalista responde pelos crimes de lavagem de dinheiro e evasão de divisas.


    Impeachment


    As testemunhas que prestarão depoimento durante o julgamento do impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff, que começa nesta quinta-feira (25), ficarão isoladas por conta de um esquema especial de segurança, conforme previsto no Código de Processo Penal, executado pela Polícia Legislativa do Senado. A Secretaria-Geral da Mesa da Casa divulgou que as testemunhas ficarão hospedadas em um hotel na região central de Brasília, com valor médio de diárias de R$ 200. Os custos com hotel e deslocamento serão pagos pelo Senado.


    Pressa


    O presidente do Congresso Nacional, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), disse em um jantar com o presidente interino Michel Temer (PMDB) que o julgamento de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff (PT) pode ser concluído antes do previsto. Segundo Renan, o processo pode acabar na madrugada de terça-feira (30), um dia antes do estimado cronograma. A possibilidade interessa o presidente interino, que pretende viajar na noite de terça-feira (30) para reunião do G-20 na China.


    Gastos Públicos


    O Congresso Nacional deve modificar a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) do teto dos gastos públicos para aumentar em R$ 28 bilhões o piso mínimo que a União é obrigada a gastar com Saúde no próximo ano. Embora seja uma mudança significativa na proposta do novo regime fiscal, o movimento não encontra grande resistência no governo. Pelo texto enviado, se a PEC for aprovada, o piso das despesas com a Saúde em 2017 será de R$ 90,6 bilhões, o correspondente ao orçamento deste ano corrigido pela inflação estimada em 2016.


    13º


    Os beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começaram a receber ontem (25), a primeira parcela do 13º salário. O pagamento será feito até 8 de setembro, sendo iniciado por aqueles que recebem um salário mínimo e têm cartão com final 1, desconsiderando o dígito. A segunda parcela do benefício deverá ser paga em novembro.


    Exército


    O Ministério Público Federal do Amazonas (MPF-AM) ajuizou ação pública na Justiça Federal contra o Exército por conta da morte da onça Juma, que foi abatida após o desfile do revezamento da tocha olímpica, em Manaus, em junho. O órgão requer a responsabilização do Exército pela morte e pede indenização de 100.000 reais pelo incidente e mais 1 milhão de reais por danos morais coletivos. 



  • 25/08/2016


    25.08.2016 11h48m
    Recomendar

    Sobe - Polo de Cultura Digital, na Biblioteca Muncipal de Feira, que proporciona idosos o acesso a informática


    Desce - Candidatos a vereador que não botaram a campanha na rua para sensibilizar eleitores


    Vereadores


    Apesar da campanha eleitoral, esta semana, os vereadores em Feira de Santana cumpriram suas atividades na casa plenamente, requerimentos, projetos e indicações completaram os trabalhos depois de debates acalorados entre vereadores de situação e oposição. Pesquisa foi o tema preferido dos governistas que atacaram a segurança pública. Já a oposição tratou da pesquisa para desqualificá-la e atacaram a situação da saúde no município.


    Requerimento


    O vereador Reinaldo Miranda, Ronny (PHS), é autor do requerimento de nº 49/2016 que solicita da superintendente do Procon em Feira de Santana, Suzana Mendes, cópias dos autos de infração, dos termos de queixa, notificações, defesa e decisões administrativas do órgão pelo descumprimento da Lei Municipal de nº 3.622/2016, que dispõe sobre sanções administrativas a estabelecimento bancário por tempo de espera para o atendimento pelos usuários, referente ao período de 27 de maio de 2016 até a presente data.


    Alertou


    O vereador lembrou que o prazo de tolerância para os bancos está no final. “Reintero que a partir do dia 26 de agosto, o prazo de tolerância para adequação dos 25 minutos por parte das agências bancárias será expirado, desse modo, solicito que o Procon fiscalize diariamente o seu cumprimento em nosso Município”, completou Ronny. O requerimento foi aprovado por unanimidade dos edis presentes, na sessão de ontem (24), na Câmara Municipal de Feira de Santana.


    Criticou


    O vereador Carlito do Peixe chamou a atenção para os constantes assaltos que estão acontecendo no bairro Irmã Dulce e criticou a falta de condições de trabalho para a Polícia Militar. “A polícia aparece, dá uma volta e vai embora, e os ladrões continuam atuando. O módulo policial vive fechado, agora pergunto ao governo do estado se a segurança em Feira satisfaz a ele? Pois ao povo de Feira não. É vergonhoso um fato deste. Não é culpa da polícia e sim de quem deve prestar a estrutura”, disse.


    Gratuidade


    O vereador Isaias de Diogo (PSC) pediu aos vereadores da Casa que agissem para derrubar uma liminar imposta pelo SINCOL de Feira de Santana, que restringe a gratuidade no transporte público para idosos apenas acima de 65 anos. Já existe uma lei aprovada pela Câmara Municipal que permite a gratuidade aos 60 anos, mas por conta da liminar, não está em vigor. Isaias está atrasado, pois o Sincol não representa mais as empresas de Feira de Santana.


    Comentários


    Em parte, o vereador Welligton Andrade (PSDB) também disse que o Legislativo feirense precisa reagir contra a liminar. Vossa Excelência deve buscar meios de derrubar a liminar do Sincol, para que o passe livre volte a ser aos 60 anos”. O vereador Alberto Nery (PT) também comentou o assunto. “Quero parabenizar Vossa Excelência pelo discurso. Existiu uma lei aprovada na Casa, na época, o Sincol entrou na Justiça para que revogasse a lei, que teve sua eficácia suspensa e hoje só permanece a gratuidade a partir dos 65 anos. Gostaríamos de ver essa lei sendo cumprida, até porque não são as mesmas empresas que estão atuando hoje”, salientou.


    Conversa


    Já o líder do governo José Carneiro (PSDB) disse que o governo municipal não poderia adivinhar que as empresas teriam prejuízos e que não tem culpa do ocorrido. “As empresas atendiam todas as exigências. O secretário Pedro Boaventura que disse no rádio que os veículos foram para recall, ele que deve explicações. Deste secretário vejo muita conversa e pouca ação”, afirmou Carneiro.


    Prevenção


    Correia Zezito (PSC) defendeu o grampo telefônico para os presidiários, disse que se a polícia agisse com esta medida, muitas tragédias planejadas de dentro para fora dos presídios seriam evitadas. “A polícia militar na Bahia está de mãos atadas e não têm um apoio do governo do estado, que não dá condições deles fazerem o que sabem. Mesmo com dificuldade a Militar e a Civil sempre vão honrar a população baiana”, afirmou. 



  • 24/08/2016


    24.08.2016 10h36m
    Recomendar

    Sobe - As ações desenvolvidas pela APAE em Feira de Santana.


    Desce - O preconceito que ainda persiste contra pessoas especiais.

     
    Agendas


    Nesta quarta-feira, o candidato à reeleição José Ronaldo de Carvalho cumprirá agenda administrativa tanto pela manhã quanto à tarde. Já à noite, a partir das 19h30, realiza Caminhada no bairro Cidade Nova. O candidato do PT, Zé Neto, faz visita na Rua de Aurora (10h) com concentração no Posto Moura. Às 14h, ele grava programa eleitoral e às 19h, participa de agenda política com candidata a vereadora no bairro Nova Esperança. Ângelo Almeida, candidato da coligação por uma cidade criativa, às 9h, grava programa eleitoral e as 19h30, participa de Caminhada no bairro Chácara São Cosme com candidato a vereador. Os demais candidatos não enviaram a agenda para esta quarta-feira.


    Local de votação


    O vereador Edvaldo Lima (PP) cobrou respostas do governo municipal em ralação à entrega das obras da escola Ana Brandoa. O edil mostrou-se preocupado, pois o Ana Brandoa é um colégio eleitoral e com a proximidade das eleições ele pediu explicações e a confirmação da realização das votações na escola, que por sinal é o local de votação do vereador.


    Local de votação I


    Em resposta, o vereador José Carneiro (PSDB) afirmou que o Ana Brandoa ficará pronto e será entregue antes das eleições, e que inclusive a secretária de Educação Jayana já passou todas as informações para a Justiça Eleitoral. “Vereador não se preocupe, pois o seu local de votação não mudará”, alfinetou. Já o vereador Welligton (PSDB) disse que Edvaldo Lima (PP) ficará tão feliz com o resultado das obras, que acabará votando em José Ronaldo.


    Eli Ribeiro


    Durante seu discurso na Casa da Cidadania, ontem, o vereador republicano Eli Ribeiro (PRB) parabenizou a matéria do Jornal Folha do Estado sobre a chacina ocorrida na comunidade da Vista Alegre, conhecida como “Portelinha”, e lamentou o fato de todas as vítimas terem sido jovens. “A nossa juventude está sendo dizimada em todo o país, ficou muito triste com isso”, concluiu pontuando que é preciso reverter essa situação e que a juventude precisa de mais políticas públicas para se desenvolver.


    Promessas


    O vereador José Carneiro (PSDB) cobrou mais uma vez do governo estadual a construção do Centro de Convenções de Feira de Santana, do Hospital Municipal e da UPA do Clériston Andrade. “O povo não acredita mais nas mentiras do PT e Rui Costa”, afirmou o líder do governo.


    Eu acredito!


    O vereador Alberto Nery (PT) disse que estas eleições serão como as últimas para governador, onde um candidato vencia nas pesquisas e no fim saiu derrotado. “Alguns funcionários públicos estão sendo obrigado a ir às caminhadas de José Ronaldo, se não forem são penalizados. Até bingo de mentira estão inventando em prol de igrejas, para atrair as pessoas”, criticou.


    Governo sem rumo


    Roque Pereira (DEM) criticou o que segundo ele é um descaso do governo do estado com Feira de Santana. Afirmou que os bandidos possuem armas de grossos calibres, enquanto a polícia nem munição têm. “O governo do estado perdeu totalmente o controle, e agora com a saída de Dilma não terá mais o que apresentar”, afirmou.


    Tudo e nada


    Em resposta, o vereador Alberto Nery (PT) diz que o governo estadual ainda tem dois anos para construir o Hospital Municipal em Feira de Santana e que irá inaugurar a UPA do Clériston antes das eleições. O Edil também aproveitou para criticar a trincheira construída pelo governo municipal nos cruzamentos das Av. Maria Quitéria com a Getúlio Vargas. “O sistema está falido em Feira e duvido que o governo vai pagar o 13º salário dos funcionários públicos”, afirmou. 



  • 23/08/2016


    23.08.2016 16h14m
    Recomendar

    Sobe - A Semana do Folclore no Mercado de Arte por resgatar tradições culturais de Feira de Santana


    Desce - A rivalidade entre facções em Feira de Santana que resultou em chacina no último final de semana


    Agendas


    Hoje, o prefeito José Ronaldo estará em Brasília cumprindo compromissos em ministérios. Já o petista Zé Neto, às 10h, realiza Caminhada na Rua Marechal Deodoro e às 15h, realiza atividades parlamentares na Assembleia Legislativa. Os demais candidatos não enviaram a agenda do dia.


    Sem água


    O vereador Isaias de Diogo (PSC) afirmou que esteve no distrito de Bonfim de Feira e que ficou muito triste, pois foi constatado que os moradores estão sem água há mais de 20 dias. O vereador criticou também as estradas da localidade e denunciou um suposto funcionário da Embasa. “Fui informado de que a pessoa que cuida da Embasa lá na região faz boicote quando é denunciado, o povo não pode reclamar, denunciar, pois a pessoa vai na casa do morador e diz várias sugestas”, disse.


    Embasa


    Ainda sobre a situação de Bonfim de Feira, a vereadora Neinha Bastos (PTB) criticou a Embasa e os seus gestores, aproveitou também para pedir providências imediatas das autoridades do estado. “O povo está bebendo lama, pois não tem água, a Embasa é só fantasia, em Bonfim de Feira já não cai uma gota de água há mais de 20 dias, ninguém pode viver sem água”, concluiu.


    Não faz diferença


    Justiniano França (DEM) criticou candidatos que tentam tirar os votos de outros e contou que tentaram culpá-lo de ter afirmado que o partido PSC estaria impugnado. Em suas palavras, Justiniano deixou bem claro que para ele o PSC “nem fede, nem cheira”. “Minha preocupação com o PSC é zero. Não tenho nada contra, que continuem o trabalho deles”, alfinetou, concluindo que deseja que o vereador Isaias de Diogo (PSC) seja reeleito.


    Tô fora!


    Já o vereador David Neto (DEM) disse que nunca precisou falar de ninguém, mas que Isaias de Diogo (PSC) entrou na Casa da Cidadania “excomungando” os vereadores de mandato. “Já realizo trabalhos em Feira há mais de 20 anos, nunca precisei denegrir ninguém”, concluiu.


    Seguidora fiel


    A vereadora Neinha Bastos (PTB) encheu o prefeito José Ronaldo de elogios, e afirmou que ele serve de exemplo para ela. “Temos um líder que podemos confiar, estou no governo de José Ronaldo e não vou subir no palanque para envergonhá-lo. Sou discípula dele e não é por força nem com violência que se ganha uma eleição, o povo sabe quem sou, sabe cada vereador que tem”, disse ela.


    Passe livre


    Beldes Ramos (PT) afirmou que nas próximas sessões irá apresentar um projeto para ampliar o número de pessoas que poderão ter direito ao passe livre para o transporte público de Feira de Santana. Ele ainda afirmou que por onde passa, tem recebido cobranças da população para a resolução deste problema, e concluiu pedindo o apoio dos pares.


    PIS


    Balanço do Tesouro Nacional mostra que, entre novembro de 2015 e julho de 2016, período de realização da campanha de divulgação do Programa de Integração Social e Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PIS/Pasep), quase 885 mil beneficiários desses programas se dirigiram às agências do Banco do Brasil (BB) e da Caixa Econômica Federal e sacaram os valores de cotas disponíveis em suas contas individuais. Esse montante representa uma ampliação de 349 mil saques (ou 65%) em relação ao observado entre novembro de 2014 e julho de 2015. 



  • 20/08/2016


    22.08.2016 17h56m
    Recomendar

    Sobe - A continuidade, mesmo no cenário de crise, do maior festival literário do interior baiano, Feira do Livro.


    Desce - O pontapé tímido da campanha eleitoral em Feira de Santana.


    Agendas


    O Folha do Estado avisa que vai publicar as agendas dos candidatos a prefeito de Feira de Santana de todas as coligações. No entanto, só terão as agendas publicadas aqueles que enviarem à Redação do Jornal comunicado informando a data, horário e o nome do evento a ser realizado até às 16h do dia anterior. O candidato que assim não proceder, não terá sua agenda divulgada nesse veículo.


    Reforçando apoio


    O prefeito José Ronaldo de Carvalho participou dos lançamentos das candidaturas das duas atuais vereadoras da cidade, Cíntia Machado (PMB) e Neinha Bastos (PTB). Nos dois eventos, o prefeito mostrou-se otimista e comprometido com a reeleição de ambas. Ronaldo ainda afirmou estar muito satisfeito e orgulhoso de ter as vereadoras trabalhando junto com ele por uma cidade melhor.


    Faltam empregos


    Durante o lançamento da candidatura à reeleição do vereador Beldes Ramos (PT), o candidato a prefeito Zé Neto (PT), afirmou que Feira de Santana é a capital baiana do desemprego, e que seu principal foco caso eleito, será a criação de mais empregos para os mais necessitados. O candidato defendeu também o incentivo e organização das feiras livres nos bairros, a utilização de mão de obra local nas obras públicas e criação de uma nova zona industrial.


    Fichas-sujas correm risco


    Ao menos 4.849 políticos que tentam concorrer nas eleições municipais deste ano no País podem ter os registros de candidatura impugnados por serem considerados ficha-suja perante a Justiça Eleitoral. A análise foi feita sobre as 467.074 candidaturas já validadas pelo Tribunal Superior Eleitoral até quinta-feira, 18.


    Ainda em dúvida


    Com apenas uma semana do anúncio da recriação do Ministério do Desenvolvimento Agrário, o presidente interino Michel Temer poderá recuar. A pasta poderá agora ser fundida ao Ministério do Desenvolvimento Social. Pesam no recuo de Temer as críticas à falta de enxugamento da máquina administrativa. Com a recriação do MDA, seu governo passaria a ter 27 ministérios, apenas cinco a menos que o da presidente afastada, Dilma Rousseff.


    Caindo no gosto do povo


    A popularidade do presidente interino Michel Temer só aumenta com o passar do tempo, no estado do Paraná, chega a 46,4%. Na região sul, o peemedebista é aprovado por 34% dos moradores. Os dados são de pesquisa feita pela Federação das Indústrias do Paraná (Fiep). A aprovação é motivada pela posição favorável dos paranaenses ao impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff (PT).


    Primeiras privatizações


    O governo interino de Michel Temer (PMDB) deverá anunciar o primeiro pacote de concessões e privatizações em setembro. A espera é em decorrência do aguardo na aprovação, pelo Congresso, da medida provisória que criou o Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), responsável pela gestão da iniciativa. A intenção é transferir para a iniciativa privada, inicialmente, quatro aeroportos, duas ferrovias e um terminal portuário. A expectativa é de arrecadar entre R$ 20 bi e R$ 30 bilhões com os leilões.


    Aulas para se explicar


    A presidente afastada Dilma Rousseff irá ao plenário do Senado no próximo dia 29 e já começou a se preparar para a sabatina. No Palácio da Alvorada, ela participará de um treinamento político para que seja capaz de rebater questionamentos duros, sem sair da linha. A “aula” jurídica será dada por José Eduardo Cardozo, o advogado responsável por sua defesa. 



  • 19/08/2016


    21.08.2016 11h47m
    Recomendar

    Sobe - Os painéis temáticos em homenagem aos distritos de Feira no Parque de Exposição


    Desce - Os pontos que prejudicam os trabalhadores aposentados na reforma previdenciária

     

    Reformas garantidas


    O então presidente interino Michel Temer, garantiu que se conseguir ser efetivado como chefe da nação, logo após o afastamento definitivo de Dilma Rousseff, leverá a agenda de reformas adiante. Aécio Neves, um dos tucanos que participaram de jantar promovido por Temer no Palácio do Jaburu, disse que o presidente em exercício fará um pronunciamento com a defesa de reformas estruturais após o julgamento do impeachment da presidente afastada, Dilma Rousseff.


    Sob suspeita


    A campanha da chapa composta por Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (PMDB) em 2014 pode ter pago R$ 122 milhões a 40 empresas de fachada. Um cruzamento feito pelo Tribunal Superior Eleitoral identificou o pagamento às empresas, que naquele ano não apresentaram ao Ministério do Trabalho a lista de funcionários formalizados. Isso porque pode indicar que as empresas não tinham capacidade operacional para entregar serviços e produtos correspondentes a valores tão altos, o que é visto como indicativo de empresa de fachada.


    Lava-Jato


    O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou nesta quarta-feira (17), o bloqueio de bens do ex-presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, e de outros ex-dirigentes da companhia, como o ex-diretor da Petrobras Renato Duque. A decisão incluiu também bens das empreiteiras OAS e Odebrecht e dos executivos Rogério Santos de Araújo e César Ramos Rocha (Odebrecht), e José Aldemário Pinheiro Filho e Agenor Franklin Medeiros (OAS), além do empresário Marcelo Odebrecht, preso pela Operação Lava Jato. O bloqueio, no valor de R$ 2,1 bilhões, valerá por um ano.


    Precisa de garantia


    O presidente interino Michel Temer (PMDB) tem mobilizado a base aliada para tentar antecipar o fim da votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), previsto para o dia 31 de agosto. Temer receia que o processo atrapalhe sua primeira viagem internacional, também prevista para o dia 31, para a China. A expectativa do peemedebista seria encerrar a votação de impeachment no máximo até o dia 29, para deixar o solo brasileiro já como presidente oficial.


    A outra parte


    A ex-prefeita de Dias D`Ávila, Andréia Xavier Cajado Sampaio, se defendeu, através de nota emitida a imprensa nessa quarta-feira (17) , das acusações de irregularidades na contratação de uma empresa para a execução de obras de manutenção e conservação de ruas em 2011. “A ex-prefeita esclarece que houve falhas no software utilizado pela Secretaria de Obras da época, que incluiu o aluguel de contêineres como único item do contrato firmado com a empresa Leblon, desprezando outros itens que são inerentes à manutenção de ruas danificadas pelas chuvas”, afirma o texto.


    Ações centralizadas


    O presidente interino Michel Temer (PMDB) retirou dos governadores do Nordeste a execução de obras destinadas ao combate à seca para transferí-la ao Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs). O órgão é controlado predominantemente por peemedebistas. O valor repassado a Estados governados pelo PMDB, como Sergipe e Alagoas, também sofreu aumento. A decisão do Palácio do Planalto ocorreu depois de uma reunião no Jaburu, no domingo (14), entre Temer e Helder Barbalho, ministro da Integração Nacional.


    Defesa universal


    O PT lançou um documento em quatro idiomas (português, inglês, espanhol e francês) defendendo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva das acusações contra ele na Justiça brasileira e afirmando que há uma “caçada judicial” do político no País. O documento reproduz o conteúdo de uma postagem divulgada pelo Instituto Lula no dia 20 de julho em seu site. Segundo a assessoria de imprensa do PT, o partido bancou a impressão de 5.000 exemplares do documento, que tem oito páginas e está sendo enviado para alguns veículos de imprensa e parlamentares. 



  • 18/08/2018


    21.08.2016 11h44m
    Recomendar

    Sobe - TRE por disponibilizar um aplicativo que viabiliza denúncias imediatas de crimes eleitorais


    Desce - O desentendimento entre vereadores e secretários


    Mais limites


    O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) atualizou o limite de gastos de campanha para o cargo de vereador em sete municípios. Nessas localidades, os limites estavam superiores ao previsto para o cargo de prefeito. Foram verificadas inconsistências nos valores declarados pelos candidatos em suas prestações de contas das eleições de 2012 nos municípios de Manaus (AM), Piracanjuba (GO), Gonçalves (MG), Nova Lacerda (MT), Castanhal (PA), Paranaguá (PR) e Belford Roxo (RJ).


    Misturando as coisas


    Na sessão de ontem (17), na Câmara Municipal, os vereadores Justiniano França (DEM) e Zé Carneiro (PSDB) discutiram o possível uso das estruturas de secretarias municipais para apresentação de candidatos a vereador. “Façam o seu trabalho, e se continuar, vou falar com o prefeito”, disse Justiniano. Já José Carneiro afirmou que secretários não são cabos eleitorais. “Não é permitido usar a estrutura de uma secretaria para fazer campanha eleitoral”, concluiu.


    O rejeitado


    O vereador Tonhe Branco (PHS), mais uma vez “pegou ar” com uma secretaria municipal, desta vez foi a de Serviços Públicos. Tonhe afirmou que até hoje nunca teve nenhuma solicitação atendida pelo secretário da pasta. “O secretário Ícaro só atende pedidos do vereador Isaias, pois tem interesse em eleger nomes do PSC”, alfinetou.


    Trabalhem mais


    Justiniano França (DEM) chamou a atenção dos colegas para que façam uma campanha limpa e que principalmente respeite o povo. França disse que todos têm que se manter a disposição da população, pois não têm a certeza de retorno. “O importante é que consigamos garantir mais ganhos para a população”, afirmou.


    Tratem de resolver


    As cobranças em relação às taxas exigidas pelo Fluminense de Feira de Santana para que os vendedores ambulantes exerçam o trabalho dentro do estádio ainda são fortes por parte do vereador Correia Zezito (PSL). “Estão roubando os camelôs, pelo amor de Deus Gerinaldo (presidente do Fluminense de Feira) estão metendo a mão no bolso do povo”, disse.

     

    Terei que ir à justiça?


    Ainda sobre o assunto, Correia Zezito (PSL) disse que se o Fluminense não tomasse nenhuma providência para que as taxas deixem de ser cobradas, que ele irá tomar medidas na justiça, pois tem sido pressionado pela população. “Que o time aumente os ingressos, mas não tire de quem menos tem, vou até o prefeito resolver isto”, afirmou.


    Políticos não entendem de contas


    O vereador José Carneiro (PSDB) criticou o Tribunal de Contas da União, afirmando que lá não existe se quer um profissional formado em contabilidade, que todos são políticos indicados por segundo ele “cardeais políticos”. Querem questionar o poder das câmaras municipais, mas ficou decidido, quem tem o poder de votar as contas somos nós e não estes privilegiados, acusados de atos ilícitos, repudio a ação destes senhores”, concluiu. 



  • 17/08/2016


    17.08.2016 11h58m
    Recomendar

    Sobe - Programa Saúde na Escola por lançar campanha de prevenção à hanseníase e verminoses


    Desce - A falta de interesse da maioria dos parlamentares em acabar com a corrupção no Brasil


    Irritação no PSC


    Sobre os boatos de impugnação nas candidaturas do PSC, na manhã de ontem (16), o vereador Isaias de Diogo (PSC) discursou um pouco irritado, na Câmara, afirmando que teria sido uma informação mentirosa, de pessoas que estão incomodadas com o partido. Isaias ainda disse que está cansado de tanta discórdia e que vem com força total para mais uma vitória. O vereador está certo no que se refere à impugnação. Na verdade, ainda não houve o julgamento, mas um fato é concreto e está no mural do TRE: O PSC entregou a ata da convenção um dia depois do prazo final estipulado ferindo a determinação constante da emenda constitucional que trata da mini-reforma política, sancionanda pela presidente da República.


    Horário eleitoral


    Na próxima quinta-feira (18) às 14 horas, o juiz eleitoral Dr. Cláudio Santos Pantoja Sobrinho vai realizar uma reunião para definir a distribuição do horário eleitoral gratuito no rádio e na TV. O evento acontece no Fórum Eleitoral de Feira de Santana, localizado na Av. José Falcão da Silva, s/n - Queimadinha. Os interessados em participar da reunião devem, antes, obter maiores informações sobre o encontro através do telefone (75)36236206 ou no Cartório da 155ª Zona Eleitoral.


    Festa de lançamento


    O vereador Ronny Miranda, que também exerce a função de presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana, realizou na noite de ontem (16), o lançamento da sua candidatura em uma casa de eventos. Estiveram presentes lideranças políticas e amigos do vereador, que busca a reeleição para o seu terceiro mandato.


    Contra invasores


    O vereador Alberto Nery (PT) disse estar indignado com os “invasores” de áreas públicas. Mais uma vez o edil cobrou providências das autoridades para construções irregulares e aproveitou para denunciar uma construção na subida do Najé, próximo à avenida de Canal, segundo ele, um muro está sendo erguido no meio da rua.


    Zona rural pede socorro


    Segundo o vereador José Carneiro (PSDB), o governo do estado tem feito retaliações e só libera recursos conforme os partidos. Ele afirmou que moradores da zona rural de Feira têm sofrido com constantes assaltos e invasões às residências. Carneiro pediu uma providência do governo e do comando da Polícia Militar, para que intensifique as rondas para maior segurança da população.


    Falta investimento


    José Carneiro também culpou o governo do estado pela não realização da Caminhada do Folclore e do Festival de Sanfoneiros, o edil lamentou e disse que não existe apoio para a cultura na cidade. “É esse o governo que temos na Bahia, que vive pregando em versos e prosas que é o governo do povo, mas o povo da Bahia precisa acordar”, concluiu.


    Cadê a faixa?


    E não é que dessa vez roubaram até a faixa presidencial? Quando pensamos que tudo já aconteceu por Brasília, eis que mais uma vez somos surpreendidos. O valor material, cerca de R$ 55 mil nem chega perto das fortunas que por lá são desviadas, e justamente pensando nisso, quem a levou, aproveitou também para garantir um pouquinho mais com os presentes ganhados pelo ex-presidente Lula e por Dilma Rousseff.


    Paralisados


    E a partir de hoje, os agentes penitenciários da Bahia irão paralisar as suas atividades por 72 horas. Uma das reivindicações é a contratação dos agentes que foram aprovados no último concurso. Apenas 30% do efetivo dos agentes penitenciários vai trabalhar durante a paralisação realizando o atendimento às necessidades básicas dos presos. As visitas de familiares estão suspensas neste período.  



  • 16/08/2016


    17.08.2016 11h56m
    Recomendar

    Sobe - Circuito cultural por levar teatro às escolas municipais


    Desce - A inserção de mulheres jovens no tráfico de drogas


    Candidatos


    Os candidatos a prefeito terão neste ano metade do tempo de exposição no horário eleitoral fixo no rádio e na televisão. Contudo, eles terão direito a mais inserções, as peças de 15 ou 30 segundos que são exibidas ao longo da programação das emissoras. Mudanças na legislação eleitoral reduziram de 45 para 35 dias a duração da propaganda eleitoral no primeiro turno. O tempo total do horário fixo cairá de 19 horas e 30 minutos para 10 horas no decorrer de toda a campanha.


    Busca


    A presidente afastada Dilma Rousseff ainda busca focar na possibilidade de reverter votos contra o processo de impeachment. Pelo menos nove senadores que votaram a favor do relatório do senador Antônio Anastasia (PSDB-MG) na semana passada são considerados ‘não tão convictos’ e buscará por mais sete votos, pessoalmente, em conversas com os senadores ainda indecisos.


    Maior


    O número de eleitores neste ano será maior que o número de habitantes em 348 cidades brasileiras. Para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a diferença acontece pois nem sempre o domicílio eleitoral é o mesmo que o domicílio civil. A cidade com maior disparidade é Canaã dos Carajás, no Pará. A estimativa populacional para 2015 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que o município tem 33.632 habitantes. No entanto, o IBGE registra 39.832 eleitores.


    Trabalho


    O crescimento das vagas de trabalhos formais em 2016 no Brasil foi até 24 anos. Apenas duas faixas etárias conseguiram um resultado positivo. Até 17 anos, foram criadas 100.672 vagas. Já entre 18 e 24 anos, houve 85.856 contratações a mais que demissões. A faixa etária com pior resultado no primeiro semestre deste ano foi entre 30 e 39 anos, com a perda de 225.982 vagas.


    Remanejamento


    O mutirão de cirurgias que será realizado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) a partir do mês de setembro prevê inicialmente a realização de 13 mil procedimentos, mas de acordo com o governador Rui Costa, será feito um remanejamento de recursos para se alcançar uma nova meta de 20 mil cirurgias. São seis tipos de cirurgias eletivas que serão realizadas no mutirão: cirurgia de vesícula, de câncer de próstata, hérnia, útero (miomas ou câncer), e câncer de mama.


    Propaganda


    O número de ações por propaganda eleitoral antecipada diminuiu em 11 estados este ano. Entre as causas apontadas para a queda estão a legislação atual mais branda, e a crise política. O caso mais expressivo é o do Rio Grande do Sul, onde o TRE recebeu apenas duas ações no primeiro semestre deste ano, contra 80 no mesmo período de 2012.


    Redução


    Quase 15% dos deputados federais quer abandonar Brasília em 2017. As vinte maiores siglas da Câmara lançarão ao menos 69 congressistas a prefeito em outubro. Donos das duas principais bancadas, PMDB e PT lideram no número de candidatos, nove cada. As legendas, no entanto, têm objetivos distintos: peemedebistas tentam se alavancar com a chegada de Michel Temer ao poder; petistas querem usar as administrações municipais para evitar uma derrocada maior do partido.


    Moro


    O juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal Criminal de Curitiba, recebeu denúncia na Operação Lava Jato contra ex-tesoureiro do PT Paulo Ferreira, o ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato Duque e outras 12 pessoas. O despacho foi registrado na noite da última sexta-feira (12).


    Moro 2


    Ao todo, 14 pessoas são acusadas de crimes de corrupção, cartel e lavagem de dinheiro por fraudes no contrato de obra do Centro de Pesquisa e Desenvolvimento Leopoldo Américo Miguez de Mello (Cenpes), da Petrobras, no Rio de Janeiro, onde são feitos estudos sobre a exploração de petroleo em águas profundas.


    Aquecimento


    O Ministério das Cidades quer retirar a obrigatoriedade da instalação de aquecimento solar para unidades habitacionais do programa Minha Casa Minha Vida. A informação foi dada pelo ministro Bruno Araújo, durante agenda em Recife. 



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia