Em cima da hora:
Fechamento de autoescola vira caso de polícia em Presidente Prudente
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 13/08/2016


    16.08.2016 22h16m
    Recomendar

    Sobe - Justiça eleitoral que determina punir com rigor agências bancárias que se recusarem a abrir contas para candidatos


    Desce - Bancos que dificultam a abertura de contas para candidatos a vereador em Feira de Santana


    Errata


    Na edição de ontem, nesta coluna publiquei que o horário de funcionamento do TRE passaria a funcionar das 13 às 19 horas de segunda à sexta-feira e aos sábados e domingos das 15 as 19h. Erramos. Na verdade o horário correto de funcionamento do TRE a partir do próximo dia 15, é o seguinte: De segunda à sexta-feira até o final das eleições, o expediente será das 12 às 19 horas e aos sábados e domingos, das 15 às 19.


    Elegível


    O ex-prefeito de Feira de Santana, Tarcízio Pimenta a partir de agora está elegível. Isso pelo fato de suas contas referentes de 2014 terem sido aprovadas pela Câmara Municipal da cidade, estas que foram reprovadas pelo Tribunal de Contas da União, porém a decisão de julgamento passa a ser do legislativo após decisão do Supremo Tribunal Federal.


    Vergonha


    A prefeitura do Rio de Janeiro será denunciada pelo Defensoria Pública da cidade, pois estaria realizando uma “limpa”. Segundo o órgão, pessoas em situação de rua vêm sendo expulsas de forma truculenta dos locais públicos em que costumam ficar. O objetivo seria escondê-la dos turistas durante a Olimpíada. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDS) nega responsabilidade em eventuais arbitrariedades.


    Ainda não é suficiente


    A ex-senadora Marina Silva (REDE) afirmou que o processo de impeachment que a presidente afastada Dilma Rousseff está enfrentando, ainda não é suficiente para “passar o Brasil a limpo”. “Houve um crime de responsabilidade. A constituição assegura que um governante pode ser deposto (nesse caso) e essa é a realidade”, afirmou. O comentário de Marina foi feito ao defender mais uma vez a cassação na Justiça Eleitoral da chapa vitoriosa nas eleições de 2014 composta pela presidente afastada, Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (PMDB).


    Tentativa de boicote


    A bancada do PMDB na Câmara se articula para esvaziar a sessão do dia 12 de setembro que analisará o pedido de cassação do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). A data da votação foi confirmada na quinta-feira, 11, pelo presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ). O movimento começa a influenciar bancadas de outros partidos da base aliada, principalmente do Centrão - grupo de siglas liderado por PP, PSD e PTB e que apoia o peemedebista. Em algumas dessas bancadas, deputados já admitem que podem seguir o exemplo do partido de Cunha. Parlamentares do PMDB avaliam que mais da metade dos 66 membros da legenda na Câmara pode faltar à votação.


    Ainda não está claro


    Atendendo uma determinação do Ministério Publico da Bahia, a empresa de telefonia Oi, terá que explicar mais claramente o período exato de promoções e ofertas. A ação foi movida pela promotora de Justiça Joseane Suzarte. A promotora requer que a Justiça determine, em caráter liminar, que a Oi detalhe o período das promoções, como é a renovação e o valor e apresente. A Oi também deverá informar aos consumidores todas as condições relativas ao serviço, com destaque para valores de preços e tarifas aplicáveis com e sem promoção; datas e regras de ajuste, valores de aquisição, instalação e manutenção dos serviços e equipamentos.


    Intercâmbio para baixa renda


    O Ministério da Educação propôs à embaixada dos Estados Unidos no Brasil intercâmbio entre os dois países para estudantes do ensino médio de baixa renda. A proposta foi feita nesta quinta-feira (12), durante reunião entre o ministro Mendonça Filho e a diplomata americana Liliana Ayalde, em Brasília. “Queremos que os alunos de escolas públicas do Brasil possam estudar inglês nos Estados Unidos por um semestre, como os garotos com alta renda já fazem hoje em dia”, afirmou o ministro. Os EUA e o Brasil já possuem um programa de intercâmbio para estudantes de 15 a 18 anos com baixa renda, o Jovens Embaixadores. 



  • 12/08/2016


    16.08.2016 18h19m
    Recomendar

    Sobe - Candidatos que cumprem rigorosamente os prazos estabelecidos pelo TRE


    Desce - Partidos que entregaram a ata da conveção partidária depois do prazo estabelecido pelo TRE


    Relação de candidatos


    A partir da edição de amanhã (sábado), o Folha do Estado começará a publicar a relação dos candidatos que requereram registro de candidatura por partido e com nome de urna. Será uma oportunidade para os especuladores possam avaliar quantos votos terá cada candidato e se seus respectivos partidos têm chance de eleger alguém e quantos.


    PCO


    O Partido da Causa Operária entregou fora do prazo a ata da sua convenção partidária. Na última reunião do TRE em Feira, com os candidatos, o juiz eleitoral alertou aos representantes partidários que o prazo para a entrega das atas seria de 24 horas após a convenção ou nos casos de finais de semanas e/ou feriados, logo no primeiro dia da abertura do Tribunal.


    Ferrados


    Aplica-se aos casos da nota anterior, o feriado do dia 26 de julho, onde os partidos que fizeram convenção no dia 25 poderiam entregar no dia 27 e os que realizaram no dia 5 de agosto, sexta-feira, teriam que entregar no dia 8, segunda-feira. Os partidos que entregaram fora dos prazos estabelecidos estão ferrados. É a determinação.


    CNPJ


    Dos quase 400 candidatos a vereador em Feira de Santana, perto de 70 já receberam os números do CNPJ, documento que dá legalidade a confecção dos materiais de campanha e abertura de contas. Os candidatos têm três dias para essa abertura passando o prazo, a Receita Federal cancela o CNPJ e os retardatários terão que requerer novo número, que demora e atrasa a campanha.


    Folha de S. Paulo


    Na coluna Painel publicada na edição de ontem (11), na Folha de S. Paulo informa que o fundador do PSD, Gilberto Kassab convocou a executiva nacional do partido com o objetivo de dar um ultimato ao senador Otto Alencar. A ameaça será: ou ele rever o voto dado contra a continuidade do processo de impeachment de Dilma ou a direção do partido lhe será tomada na Bahia. A atitude é digna da política baixa que os partidos hoje utilizam no Brasil. Kassab esteve com Dilma durante os seus dois governos e agora fica de costas para aquela que ele elogiava permanentemente. Ele, hoje, é defensor intransigente do interino Michel Temer. Se isso acontecer vai ser um desarranjo enorme na Bahia.


    Aumento, sem cortes


    O orçamento do STF para o ano de 2017 na última quarta (10) será de R$ 685 milhões, 23,3% maior do que o de 2016. O orçamento deste ano foi de R$ 554,7 milhões. O STF ainda indicou que o executivo não corte a proposta orçamentária, por tratar-se de iniciativa própria do supremo. O contingenciamento do orçamento só poderá ser analisado pelo Congresso Nacional.


    Renunciou


    Alegando razões pessoais, o presidente da Anatel- Agência Nacional de Telecomuicações, João Rezende, renunciou ao cargo nesta quarta (10). O pedido foi feito através de uma carta, que foi entregue ao presidente interino Michel Temer e ao ministro Gilberto Kassab. Rezende ficará na Agência até dia 29 de agosto. o ex-ministro das Comunicações, Juarez Quadros, poderá ser o substituto dele no cargo.


    Tem que mudar o caminho


    O ex-presidente Lula mais uma vez contraria a presidente afastada Dilma Rousseff. Para Lula, não existe necessidade de uma carta defendendo e convocando novas eleições, ele prefere que Dilma parta para o olho a olho com os senadores, para uma tentativa de reverter o cenário. Os petistas calculam um grupo de cerca de dez senadores que ainda poderiam mudar de voto. A intenção é que Dilma invista em fazer um contato maior com eles agora.


    Denunciados pelo MP


    A ex-prefeita de Barreiras, Jusmari Terezinha de Oliveira e os ex-secretário de Administração, Diran Almeida foram acionados pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA) por improbidade administrativa. Eles estão proibidos de alienar, transacionar e dispor dos seus bens e valores até o limite do prejuízo causado ao erário. Irregularidades na contratação e na realização dos serviços de reforma e instalação de projeto social no município são os motivos da denúncia.



  • 11/08/2016


    11.08.2016 12h02m
    Recomendar

    Sobe - O fomento a produção de atividades culturais na Bahia


    Desce - Mãe que matou bebê e escondeu corpo dentro de uma caixa


    Eleitoral


    O Tribunal Regional Eleitoral - TRE - em Feira de Santana terá novo horário de funcionamento a partir do próximo dia 15. De segunda à sexta-feira até o final das eleições, o expediente será das 13 às 19 horas e aos domingos, das 15 às 19. Partidos e candidatos devem estar atentos para as diligências geralmente com prazos de 24 e 48 horas para serem sanadas (falta de documentos, preenchimento irregular e as mais diversas explicações sobre documentação de partidos e candidatos são algumas delas).


    Roque


    Foi aprovado na Câmara Municipal de Feira de Santana o projeto de autoria do vereador Roque Pereira (DEM) que declara como de utilidade pública a Associação Feirense de Basquetebol. A votação aconteceu na manhã da última terça (9) e teve a aprovação de todos os vereadores presentes na Casa. A Associação foi fundada em 30 de junho de 1998 e tem sede firmada na cidade, mais precisamente no bairro Rua Nova.


    Bebidas no Joia


    O projeto de autoria do vereador Correia Zezito (PSL) que dispõe sobre a proibição de uso de garrafas e copos de vidro no interior do estádio municipal Alberto Sampaio de Oliveira, no Joia da Princesa foi aprovado. A matéria foi votada em segunda discussão na manhã desta terça-feira (09), na Câmara Municipal de Feira de Santana e foi aprovada pela maioria dos edis presentes, com voto contrário do vereador Edvaldo Lima (PP) e as abstenções dos vereadores Justiniano França (DEM), Eremita Mota (PSDB) e David Neto (DEM).


    Impeachment


    Os senadores baianos Lídice da Mata (PSB), Otto Alencar (PSD) e Roberto Muniz (PP) votaram a favor da presidente afastada Dilma Rousseff (PT) e contra o relatório do senador Antônio Anastasia (PSDB-MG), acerca do processo de impeachment. A expectativa era que Otto votasse contra, já que o senador esteve com o presidente interino Michel Temer (PMDB) e teve sua reivindicação sobre o projeto de revitalização do Rio São Francisco atendida. Apesar do posicionamento da bancada baiana no Senado, a maioria na casa optou pela continuidade do processo contra Dilma, por 59 a 21. O julgamento final será iniciado no final deste mês, em data ainda não definida.


    Dilma


    Caso seja afastada definitivamente do cargo, a presidente Dilma Rousseff pretende viajar para o exterior, segundo informações de amigos próximos, ela quer ficar cerca de oito meses entre países da América do Sul, como Chile e Uruguai. Dilma não quer ficar muito tempo fora do Brasil, principalmente pela proximidade com os netos. Ela pretende também viajar pelo interior de países europeus logo após a votação do processo de impeachment.


    Temer


    A Justiça Eleitoral contará com mais R$ 67 milhões para a realização das eleições municipais 2016. O crédito suplementar foi autorizado pelo presidente da Corte, o ministro Gilmar Mendes, que já havia conversado sobre a escassez dos recursos com Michel Temer, presidente interino. Realmente, Temer é um homem bom, pelo menos para atender aos pleitos da Justiça. 



  • 10/08/2016


    11.08.2016 12h00m
    Recomendar

    Sobe - Rafaela Silva por conquistar a primeira medalha de ouro do Brasil nas Olimpíadas


    Desce - O aumento do número de latrocínios em Feira de Santana


    Polêmica


    O polêmico comentário do deputado federal Fernando Torres durante a convenção que lançou o candidato a prefeito Jairo Carneiro (PP), onde afirmou que em Feira de Santana só existem dois vereadores honestos, mais uma vez gerou repercussão na Câmara Municipal. O vereador Roque Pereira (DEM) se defendeu da acusação, disse que além do vereador Edvaldo Lima (PP), ele também é um dos edis honestos da Casa. “Fernando não dizia isso quando vários vereadores aqui o apoiavam, porém também considero desonesto quem vem aqui oferecer dinheiro para corromper os vereadores”, afirmou Roque.


    Denúncia


    O vereador Edvaldo Lima (PP) usou a tribuna da Casa da Cidadania, para denunciar que o Governo do Município cedeu o Estádio Alberto Oliveira (Joia da Princesa) ao Fluminense de Feira, para uso durante a Série D e Copa Governador do Estado sem mandar projeto de lei para autorização da Câmara, pois precisava desse projeto uma vez que o ato se configura como renúncia de receita. O vereador defendeu que é importante a cessão ao Flu e que até ele mesmo votaria favorável, mas que a lei teria que passar pela Câmara.


    Rebateu


    O líder do Governo, José Carneiro rebateu com veemência a denúncia de Edvaldo Lima. Ele iniciou a fala dizendo que o vereador fez uma interpretação errônea do decreto. “ Existe hoje uma exigência da Federação Baiana de Futebol que os clubes de futebol que participam do Campeonato Baiano possa explorar o estádio sede do seu município. É uma exigência, vereador Edvaldo Lima, da FBF que o Fluminense possa fazer um convênio, através de decreto, e explorar serviços prestados dentro do estádio. O decreto publicado não é crime.


    Embasa


    O vereador Isaias de Diogo (PSC) usou a tribuna para criticar os serviços prestados pela Embasa em Feira de Santana. “A embasa é campeã de reclamações no Procon e em outros órgãos. Maioria das pessoas têm reclamado de que nas suas torneiras não cai uma gosta de água há uma, duas, três semanas, e nunca sabem quando vai voltar. A embasa suspende a água e não comunica, e no final do mês o valor da conta vem até mais do que o consumido”, disse.


    Embasa I


    “O contrato com a embasa venceu em 16 de julho, e não vejo com bons olhos o que vem acontecendo. Providência nenhuma foi tomada, e agora aparece um termo de cooperação técnica, não posso concordar, a Embasa continua prestando um serviço questionável em Feira de Santana merecemos um serviço de alto nível”, afirmou o vereador Welligton Andrade (PSDB).


    Tonhe Branco


    O vereador do PHS toda semana faz queixa de concorrentes que visitam o Aviário pedindo votos, onde ele julga que é um reduto exclusivo de sua propriedade. O vereador não tem coragem de dizer o nome desses candidatos. Se tivesse apresentaria uma denúncia ao Ministério Público, não pela concorrência porque eleitor não tem dono, mas pelo fato desses candidatos estarem comentendo crime eleitoral ao pedir os votos antes do prazo legal. O pior que termina sobrando para o prefeito porque ao brigar com os concorrentes expôe o prefeito que nada tem a ver com a história, quando diz que não está sendo atendido por ele nas demandas do bairro.


    Cobrança


    “Edvaldo fala aqui do governo municipal, mas não olha para o governo do estado. Desrespeito é quando vemos as pessoas sendo assaltadas nas sinaleiras no centro da cidade, pois o governo do estado coloca apenas 1.600 policias em Feira de Santana, para dar segurança a uma cidade com mais de 800 mil habitantes. Deveríamos estar cobrando isso para a nossa cidade, faltam policias, faltam viaturas, armamento, estrutura. Esse governo estadual só vem aqui buscar votos e não tem compromisso com o povo”, criticou o vereador David Neto (DEM). 



  • 09/08/2016


    09.08.2016 15h20m
    Recomendar

    Sobe - A brilhante atuação da seleção brasileira de futebol feminino nas Olimpíadas do Rio


    Desce - Caçadores distraídos de pokemon que foram vítimas de assalto em São Gonçalo dos Campos


    PCO


    O Partido da Causa Operária mudou sua convenção do dia 28 para o dia 5 (sexta-feira passada) e lá definiu pela candidatura a prefeito de Leornardo Pedreira e o vice, Orlando Andrade. O PCO contará ainda com três candidatos a vereador. É intenção do partido fazer uma campanha discutindo as demandas da cidade e já antecipa que será uma candidatura de oposição. Com o PCO na disputa, o número de candidatos a prefeito em Feira de Santana é de 6 pretendentes.


    Na porta do céu


    O deputado Zé Neto semanalmente é recebido por bispos e pastores evangélicos. Na terceira semana o encontro aconteceu no último sábado (06), onde Zé Neto mais uma vez recebeu orações e aproveitou para tratativa de interesse dos evangélicos. Alguns acham que a relação está tão estreita que a conversão de Zé Neto está a um passo de acontecer. Amém!


    Sim e não


    “Vejo a capa do jornal Folha do Estado do último sábado (6), onde mostram as duas convenções realizadas na sexta (5), que parecem ser um evento só, onde todos se uniram para ter mais forças. E agora ainda apareceu um candidato a prefeito tentando ressuscitar, e nem em Feira de Santana mora. Ele tem o meu apoio para deputado, mas para a prefeitura não”, afirmou o vereador David Neto (DEM).


    Cangaia


    “Quero dizer a Isaias de Diogo, que ele não sabe a cangaia que está cheia de grampos que vou colocar no lombo dele. Ele é contra a cultura, os artistas de Feira precisam se valorizar, pararem de tocar de graça para fazer vitrine para os outros, Feira tem cultura, mas esta escondida em baixo dos tapetes. Querem que os músicos de Feira fiquem igual a sapos, cantando de graça na beira da lagoa”, afirmou o vereador Tonhe Branco (PHS).


    50 reais


    “Alguns vendedores vieram falar comigo, pois foram extorquidos no jogo do Vitória aqui. Cobraram R$ 50 reais para eles entrarem no Joia, isso é uma vergonha, é uma falta de respeito deixar que o Vitória mande aqui, quem manda em Feira é Feira. Vieram sugar o dinheiro do nosso povo, não podemos deixar que isso aconteça, a direção do Joia ainda disse que não podia fazer nada, que é lei”, disse o vereador Correia Zezito (PSL).


    Choradeira


    “Após as convenções, agora temos que ouvir as choradeiras, ouvimos que é o governo do chicote, mas não reconhecem que é o governo dos 80% de aprovação popular. Reconheço que Jairo é um homem limpo e integro, mas é um carneiro limpo no deserto, entrou numa barca furada, iludido”, disse o vereador José Carneiro (PSDB).


    Milagres


    O líder do governo, vereador José Carneiro (PSDB) parabenizou a matéria do jornal Folha do Estado desta segunda (8), sobre a cidade de Milagres-BA. “O prefeito Galego fez um milagre em Milagres, conseguiu transformar a cidade. Confesso que desconheço uma cidade tão arrumada, arborizada e bem administrada como aquela”, afirmou.


    Definitivamente


    O clima político já esquentou na Câmara Municipal de Vereadores de Feira de Santana. Os três oposicionistas não perdem a oportunidade de alfinetarem a administração do prefeito José Ronaldo, o que enseja mais trabalho para o líder Zé Carneiro Rocha. Além de defender, mostra ações do governo e, em alguns momentos, colegas governistas o ajudam. Há de se reconhecer que a oposição é uma minoria ruidosa e que dá trabalho. 



  • 06/08/2016


    09.08.2016 15h18m
    Recomendar

    Sobe - A bela festa de abertura das Olimpíadas do Rio 2016


    Desce - Os partidos políticos que não encantam mais os eleitores para participarem de convenções, que antigamente chegavam a multidões


    Eleição 2016


    Vinte e sete partidos disputarão eleição esse ano em Feira de Santana. Eles estão com chapas de vereadores distribuídos em cinco coligações e nove partidos isoladamente, na proporcional para vereadores. Estes partidos se dividirão em apoio a cinco candidaturas a prefeito. O número de candidatos a vereador inscritos nas convenções chegam a 410. Esta eleição de 2016 será muito movimentada tendo como base o número de candidatos a vereador e prefeito.


    Vereadores


    A previsão é que retornem a Câmara Municipal de Feira de Santana para a próxima legislatura entre 10 e 13 vereadores. Os pequenos partidos se organizaram e avançam para ocupar vagas significativas, enquanto candidatos fortes das duas principais coligações poderão ocupar vagas de quem detém o mandato. É uma tarefa difícil, mas não impossível.


    Justificativa


    O PRB justificou sua ausência na convenção do DEM que confirmou a candidatura de ACM Neto à reeleição na manhã de ontem (5). Segundo o presidente municipal da legenda, Sidelvan Nóbrega, a legenda precisava de tempo para explicar aos seus militantes e pré-candidatos que permaneceria como aliado democrata. Ele ainda negou a negociação de qualquer “barganha” para não provocar uma divisão na base do governo. Também hoje, o PRB uma convenção classificada pelo próprio partido como “de última hora”.


    Fortalecido


    O presidente municipal avaliou que a sigla saiu mais fortalecida do encontro. “Não desistimos do espaço, mas levamos em consideração um apelo feito pelo prefeito para as eleições de 2018. Não somos intransigentes. Não consideramos os anseios pessoais, mas o coletivo. O PRB, através da Secretaria de Manutenção (Seman), tem participação efetiva na transformação da cidade, e esse projeto vai continuar”, esclareceu Sidelvan. O PRB defendia João Roma como candidato a vice na chapa de ACM Neto. No entanto, o prefeito escolheu Bruno Reis (PMDB) para o posto.


    A verdade


    O PRB, partido ligado a Iurd, tem como tradição apoiar exclusivamente candidaturas a prefeito que já estejam no poder. Antes das convenções alardeiam valentia buscando espaço na chapa majoritária e depois afinam pedindo secretarias. Sendo um partido previsível, as lideranças das outras legendas não levam a sério as suas ameaças, o que termina sobrando para o PRB, as migalhas de segundo e terceiro escalão e assim vai escrevendo a sua história.


    Cor


    Os candidatos a prefeito das quatro últimas convenções preferiram a cor branca para as suas camisas. Uma lástima para as fotografias, que não são realçadas pelas cores fortes. Jhonatas, Ângelo, Jairo e Zé Neto, não se projetaram nas fotos com a ajuda das camisas. Até Ronaldo, o primeiro a fazer convenção usou uma camisa azul fraquinha que beirava o branco. Foi-se o tempo que o PT se orgulhava da camisa vermelha e o DEM das camisas de listras horizontais.


    Homenagem


    Por iniciativa do vereador Pablo Roberto (PHS), a Câmara Municipal de Feira de Santana realizou na noite de ontem (05), uma sessão solene para outorga dos Títulos de Cidadão Feirense aos médicos Juliano Alves Queiroz e Alessandro Alves Queiroz, e também da Comenda Maria Quitéria à professora Alaíde Barreto Carneiro. 



  • 05/08/2016


    05.08.2016 10h14m
    Recomendar

    Sobe - O MEC por mostrar que ‘o Enem é mais importante do que o Pokémon Go’


    Desce - Lei que garante foro priviligiado para políticos


    PMDB


    O prefeito José Ronaldo de Carvalho participou de uma reunião com os candidatos a vereador pelo PMDB na noite da última quarta-feira (03). Ronaldo esteve presente com o seu candidato a vice-prefeito, o ex-deputado Colbert Martins, também peemedebista.


    Privilégios


    O juiz Sérgio Moro defendeu o fim do foro privilegiado na quinta-feira (4), durante audiência pública na Câmara dos Deputados para debater as dez medidas de combate à corrupção. Na visão do magistrado, a prerrogativa que garante a autoridades julgamento em tribunais superiores fere preceitos democráticos, com a ideia de que todos devem ser tratados como iguais. “O foro privilegiado fere a ideia básica da democracia de que todos devem ser tratados como iguais”, defendeu Moro.


    Impeachment


    A Comissão Especial do Impeachment aprovou ontem (4), o relatório final do senador Antônio Anastasia (PSDB-MG), favorável à saída definitiva da presidente afastada Dilma Roussef, com 14 votos a favor e cinco contrários. O relatório será agora analisado pelo plenário da Casa na próxima terça-feira (9), na apreciação prévia, denominada “pronúncia do réu” - com o procedimento, os congressistas decidem se a presidente se tornará realmente ré e a acusação deve apresentar o fato criminoso passível de condenação.


    Pokémon Go


    O Ministério da Educação (MEC) usou seu perfil no Facebook para brincar com a popularidade recente do jogo Pokémon Go, alertando jovens sobre a necessidade de foco na preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Faltam cerca de três meses para as provas, que serão aplicadas em 5 e 6 de novembro. Já o jogo, que se tornou febre pelo mundo, foi lançado no Brasil na quarta-feira (3).


    Cunha


    O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, deu três dias de prazo para a Câmara dos Deputados se manifestar sobre a ação do deputado afastado e ex-presidente da Casa Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que tenta impedir que o parecer favorável à cassação de seu mandato seja levado ao plenário. De acordo com os advogados de Eduardo Cunha, um deputado não pode responder a um processo de cassação por quebra de decoro se estiver afastado do mandato.


    EBC


    O diretor-presidente da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Ricardo Melo, determinou a abertura imediata de sindicância interna para apurar as responsabilidades sobre a publicação de texto no twitter @ebcnarede, que faz menção irônica à confirmação da ida do presidente interino, Michel Temer, à abertura dos Jogos Olímpicos 2016, no Rio de Janeiro.


    Vaias


    O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, afirmou ontem (4), que o presidente interino, Michel Temer, não teme hostilidades por parte dos brasileiros que estarão presentes hoje (5), no Estádio do Maracanã, por ocasião da solenidade de abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Padilha ressaltou que o evento de abertura é um acontecimento do Brasil e de todos os brasileiros e que o direito de manifestação é livre. 



  • 04/08/2016


    05.08.2016 10h06m
    Recomendar

    Sobe - O alto rigor na legislação eleitoral para as próximas eleições


    Desce - Violência constante que assola Feira de Santana


    Jacaré


    Ontem, nas galerias da Câmara de Vereadores, o assunto corrente foi que o candidato a vereador em 2012, Josafá Ramos Dantas Filho, o Jacaré (PRTB), não fez prestação de contas, pois o partido teve a inscrição da chapa de candidatos a vereador cancelada. Errados. Jacaré fez a prestação final de contas no dia 28 de outubro de 2012, às 9h53min, portando dentro do prazo final definido por lei. Ele pode ser candidato sim, pelo PSD e é um dos nomes cotados para se eleger. O seu pai, Tutinho, deverá ser o candidato a vice-prefeito na chapa de Jairo Carneiro.


    Violência


    O vereador Isaias de Digo chamou a atenção das autoridades e da Polícia Militar para a violência constante que assola Feira de Santana. “Vários jovens entram neste caminho muitas vezes porque não possuem oportunidades de emprego, então precisamos abrir os caminhos, para que estes jovens venham a ter o seu sustento e de sua família, assim como as autoridades também precisam tomar medidas urgente para combater tanta violência”, afirmou.


    Edvaldo


    “Se vossa excelência lesse a constituição e o regimento interno desta Casa, jamais diria aqui que pongo nas obras do governo, é o meu dever e o seu fazer o que a constituição, a lei orgânica e o regimento mandam. Deu um tiro no próprio pé, eu não ponguei, fiz o que manda a lei, tenho direito de indicar, cobrar e fazer projetos aqui”, alfinetou o vereador Edvaldo Lima (PP), sobre declaração do líder do governo José Carneiro (PSDB).


    Carneiro


    “José Carneiro está acostumado a ficar quatro anos na Câmara e quando faltam seis meses, corre pra trabalhar, sai atrás de votos. Eu fiquei quatro anos nesta Casa trabalhando, sem parar, andando nestas ruas, povoados, distritos e praças mostrando o trabalho”, disse o vereador Edvaldo Lima, referindo-se a o edil José Carneiro (PSDB).


    Marionete


    Ao total tenho 254 projetos, indicações e requerimentos nesta Casa, agora desafio o líder do governo, quero ver se ele fez mais nesta casa. Quanto o senhor fez? Vossa excelência não fala a sua língua, fala o que o governo manda falar, está andando com a cabeça e as pernas de alguém e este alguém vai puxar o seu tapete e sua cabeça. José carneiro está com a boca costurada pelo governo que está com os dias contados e vai descer na primeira esquina, não mais retornando. “O povo de Feira de Santana, não é besta e não vai deixar este perseguidor voltar “, afirmou Edvaldo Lima (PP), em crítica a José Carneiro (PSDB).


    Excesso


    “Estive no centro de abastecimento, junto com os artesãos, fiquei surpreso em virtude do contingente de guarda municipal no local para coagir as pessoas que ali ganham o seu pão. Além da guarda, tinham mais ou menos uns 40 homens, civis sem identificação no local. Quero saber qual a razão de toda essa guarda estar lá, será que vão tirar o pessoal na pancada? Afinal é a marca do governo José Ronaldo, a truculência. Não buscam dialogar, aquele espaço era pra ser revitalizado. Governo truculento e que não discute com a comunidade, pessoas estão desesperadas sem ter uma resposta do poder público”, disse o vereador Alberto Nery, em relação a construção do Shopping Popular.


    Proteção


    José Carneiro (PSDB) respondeu que a ida dos guardas foi para garantir o patrimônio publico do município e não para retirar as pessoas. “O shopping popular é uma realidade, a população pede a construção, as entidades que representam o comércio querem, os ambulantes também, e os artesãos não serão desamparados, terão o seu espaço e vão trabalhar dignamente, para ganhar o pão de cada dia. O governo é sensível e não iria prejudicá-los”, afirmou.


    Privatizou, piorou


    Roque Pereira (DEM) criticou os cartórios civis. “Hoje vemos que a privatização dos cartórios civis é uma realidade, para tirar um simples registro ou segunda via de certidões é uma verdadeira peregrinação, estes cartórios privatizaram, mas não estruturaram para dar assistência à população que tanto precisa destes serviços. Privatizou para pior. Que eles estruturem, contratem pessoas para que melhore a demanda que existe, não é um serviço barato, tirou da mão do estado, mas tornou-se um serviço caro e está de péssima qualidade”, disse. 



  • 03/08/2016


    03.08.2016 14h53m
    Recomendar

    Sobe - Graciete Moreira, por representar a Bahia nos jogos olímpicos Rio-2016.


    Desce - Candidatos beneficiários do INSS que tentam burlar a lei para ocupar cargo de vereador.


    Não falem, trabalhem!


    “Sabemos que agora haverá muitos discursos, reclamações, mas o segredo para retornar a esta Casa é o trabalho, ao invés de estarem brigando, discutindo, vão trabalhar. Feira é uma cidade grande onde existem muitos problemas a serem resolvidos, por isso têm os vereadores para irem a campo e trabalhar. cada vez mais se aperta a política, se o vereador não tiver trabalho e não tiver presente na comunidade ele terá dificuldades. Tá chegando a hora da onça beber água, é hora daqueles que cruzaram os braços e que querem uma vaga aqui lutarem”, disse o vereador Eli Ribeiro (PRB).


    Ainda não cumpriu


    O vereador Pablo Roberto (PHS), em seu discurso falou sobre os serviços prestados pela Embasa em Feira de Santana. “Várias reuniões e audiências públicas foram realizadas e até então nenhuma providência foi tomada. A lei está em vigor e deve ser respeitada, a Embasa deve reduzir a taxa de cobrança do esgoto em 40%. Precisamos fazer com que a embasa respeite a lei que foi aprovada nesta casa. A câmara precisa tomar providências para que a embasa possa respeitar os direitos do povo”.


    Shopping popular


    “Os comerciantes do centro de abastecimento vivem momentos difíceis, pais de família revoltados com a postura da administração pública municipal. No final de semana, um domingo, o governo que tanto persegue a população, mandou para o centro um aparato de seguranças e máquinas para perfurar e começar a obra do shopping popular. Esta casa deu R$ 13 mi para esta empresa que ninguém sabe de onde veio, com a ilusão de um falso shopping popular que de popular não tem nada e certamente a população pagará caro”, afirmou o vereador Edvaldo Lima (PP).


    Não existe perseguição


    “A partir de agora até dois de outubro vamos viver a era do desespero, da choradeira, e sem duvida vamos ver aqui muitos desesperados fazendo acusações e etc. Edvaldo, queria dizer que o governo que tem mais de 80% de aprovação popular não pode ser governo da perseguição, não pode ser taxado como um governo de perseguição, vossa excelência se equivoca quando diz que o governo o persegue, pelo contrário, vejo constantemente o senhor querer “pongar” nas obras desse governo, quando vem aqui dizer que obra tal do governo foi sua indicação, é totalmente contraditório”. Disse o líder do governo, José Carneiro (PSDB).


    Sem energia


    O vereador Marcos Lima (PRP) chamou a atenção da Coelba em seu discurso. “Queria chamar a atenção da Coelba, que presta um péssimo serviço a comunidade e os serviços sempre deixam a desejar. Quedas de energia constantes, necessidade de trocas transformadores e postes. As solicitações são constantes, mas os postes estão caindo sozinhos e não fazem nada, não tem fiscalização para tentar solucionar esta demanda. Precisamos que a direção da Coelba tome uma atitude em relação aos equipamentos queimados das pessoas, as constantes quedas de energia e de postes”, criticou.


    Faça o seu


    Temos aqui 21 colegas, todos candidatos a reeleição e nesse momento existem muitas denuncias em todos os lugares onde passamos, devemos cada um construir a nossa caminhada, cada um tem seus espaços e seus trabalhos, nós temos que ter responsabilidade. Quando tiverem as denuncias, levem direto ao ministério público e não tragam pra cá, pois desgasta a imagem desta casa”, afirmou o vereador Alberto Nery (PT).


    Fez história


    “Quero fazer um elogio ao treinador do Fluminense, Arnaldo Lira, temos que ter a humildade de reconhecer que ele é altamente um treinador inteligente, conseguiu fazer do Bahia de Feira campeão, a diretoria do FLU foi feliz em trazer ele, o time está agora na série D, jogando bem, ganhando os jogos, nós confiamos na inteligência deste treinador, não tenho acesso a ele, mas se tivesse pegaria seu currículo e sua biografia para prestar uma homenagem nesta casa”, disse o vereador José Carneiro sobre o técnico do Fluminense de Feira, Arnaldo Lira. 



  • 02/08/2016


    02.08.2016 11h40m
    Recomendar

    Sobe - Flu de Feira pela passagem para 8ª de finais da série D do Brasileirão.


    Desce - A violência envolvendo espancamento em estacionamento de shopping de Feira de Santana.

     

    PSC


    O empresário Bahia do ônibus definiu por sua candiatura a vereador em Feira de Santana pelo Partido Social Cristão, onde está filiado desde os últimos dias do mês de março. O nome dele não constou na ata de convenção do partido, no último dia 25, mas terá seu registro encaminhado em lista de remanescentes do partido nos próximos dias à Justiça Eleitoral. Ele é suplente de vereador e teve no último pleito mais de dois mil e cem votos. Além de Bahia, mais de 20 candidatos disputam a eleição pelo PSC. Ele terá como companheiros na disputa o policial militar Bira, Cadmiel Pereira, pastor Pedro, Isaias de Diogo e o ex-vereador Sargento Joel. Além de outros quase 20 colegas que almejam ocupar vagas na Câmara de Vereadores. Bahia é um representante da zona rural tendo sua base principal nos distritos Maria Quitéria e Matinha.


    Edvaldo e Carneiro


    Depois que o vereador Edvaldo Lima insistiu, sem êxito, no pedido de vistas do pedido de cassação do prefeito do municipio, o vereador José Carneiro (PSDB), disse que o oposicionista está tentando de tudo para sair do anonimato. “Hoje estamos vivendo mais um capítulo da novela quero sair do anonimato, alguns que querem de alguma forma denegrir a imagem do governo, ele lê, mas interpreta totalmente ao inverso. A coisa não é mais política, estando para o lado pessoal. Se quer sair do anonimato, faça por merecer, trabalhe pelo povo”, concluiu.


    Novos ares


    “O PP vem forte para ganhar as eleições de Feira de Santana, com Jairo carneiro, a nossa convenção está agendada para o próximo dia 5. Nome novo, novo sangue e feira dará a volta por cima, elegendo um homem de competência eleitoral e caráter. Jairo ama Feira e tem trabalhos prestados nesta terra”, disse o vereador Edvaldo Lima (PP).


    Não desistiu


    “Penso que independente de posição política é nosso papel receber denúncias e investigar, principalmente quando se trata da gestão pública a exemplo do processo contra o prefeito José Ronaldo, acusado de improbidade administrativa e crime de responsabilidade fiscal. Não irei me intimidar com o rolo compressor governista, levarei as denúncias ao Ministério Público para que medidas cabíveis sejam tomadas”, afirmou o vereador Beldes Ramos (PT).


    Desconfiança


    Em relação à questão levantada pelo vereador Isaias de Diogo (PSC), sobre algumas empresas de RH estarem enganando as pessoas, o vereador David Neto (DEM) afirmou que já desconfia também da Casa do Trabalhador. “Estou desconfiado da casa do trabalhador de Feira de Santana, o ministério público tem que começar a investigar, pois é um órgão que tem que servir ao povo”, disse.


    Ouvindo a população


    O vereador Carlito do Peixe(DEM) participou domingo passado (31), de um encontro com moradores da comunidade de Bom Viver em Humildes. Na oportunidade os moradores solicitaram a intervenção de Carlito para levar melhorias para aquela comunidade, principalmente na energia elétrica da localidade, na escola, no transporte e na segurança pública.


    Aprovados


    Foram aprovados por unanimidade na Câmara Municipal de Feira de Santana, três projetos de Decreto Legislativo, na manhã desta segunda-feira (01), na Câmara Municipal de Feira de Santana. O primeiro projeto, de nº 49/16, é de autoria do vereador Robeci da Vassoura (PHS) e dispõe sobre a concessão da Comenda Maria Quitéria a Edvaldo Souza Marques. O segundo, esse de nº 50/16 e de autoria do vereador Correia Zezito (PSL), dá a mesma honraria a Lúcio Rodrigo de Jesus Neves. O terceiro, esse de nº 51/16, concede o Título de Cidadão Feirense ao Coronel da PM Francisco Luiz Telles de Macedo. Essa matéria também é de autoria do vereador Correia Zezito. 



  • 29/07/2016


    02.08.2016 09h32m
    Recomendar

    Sobe - A reabertura de vagas no comércio de Feira de Santana.


    Desce - Tentativas de sabotagem aos equipamentos na Vila Olímpica, no Rio de Janeiro.


    Torres


    O Deputado Federal Fernando Torres (PSD), em entrevista à Rádio Sociedade, no Acorda Cidade, exagerou na sua avaliação. “Na eleição para Prefeito em Feira, quem disser que vai fazer campanha com R$ 1,5 milhão, que é o teto estabelecido pela Justiça eleitoral, mente, porque só é possível fazê-la se tiver um adicional de caixa 2”. O deputado perdeu a medida: sem experiência em núcleo de campanha de chapa majoritária, não poderia fazer esta avaliação. Ele deve lembrar que a campanha foi reduzida à metade com o período e os horários e é logico que todo o conjunto do marketing de campanha.


    Apoio


    O Prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo de Carvalho, participou na última quarta (27) da convenção do Partido Social Democrata Cristão (PSDC), que aconteceu no Clube Alibabá, no bairro Tanque da Nação. O partido é presidido na cidade por Álvaro Rios e também apoia a candidatura de Ronaldo à reeleição. O PSDC apresenta chapa completa de candidatos a vereador, sendo 22 candidatos do sexo masculino e 10 do feminino.


    Prefeita inelegível


    A Prefeita da Cidade de Porto Seguro está na lista de inelegíveis do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). Cláudia Oliveira (PSD) teve suas contas da gestão de 2013 e 2014 rejeitadas, conseguindo por meio de recurso movido contra o TCM reverter a situação do ano de 2013. “Ainda que não se considere a aprovação das minhas contas pelo Legislativo, obtive uma sentença de mérito proferida pela 7ª Vara da Fazenda Pública de Salvador, onde o juiz expressamente declara a nulidade desse Parecer Prévio, o que talvez não tenha ainda chegado ao conhecimento do TCM”, declarou Cláudia.


    Segurança nas eleições


    O Presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Ministro Gilmar Mendes, pediu ao Presidente em exercício, Michel Temer, que mantenha as Forças Armadas no Rio de Janeiro até o fim do período eleitoral, para garantir a segurança pública na cidade. “Há muita insegurança no Rio de Janeiro. O próprio presidente nos pediu que fizesse intervenção. E nós cuidamos de traduzir essa preocupação ao Ministro Raul Julgmann, da Defesa, para que pelo menos parte dessas forças lá permaneçam depois das Olimpíadas e alcancem o período eleitoral”, afirmou o presidente do TSE.


    Atual X Ex


    Após o anúncio da demissão de 81 funcionários com cargos comissionados no Ministério da Cultura, na última terça-feira (26), o ex-ministro Juca Ferreira e o atual, Marcelo Calero, trocaram farpas na internet. O baiano acusa o gestor escolhido por Michel Temer de mentir sobre o aparelhamento da pasta, para justificar tais medidas. “A mentira tem pernas curtas. Calero está querendo bancar o sabido, justificando suas arbitrariedades e incompetências com essa história de aparelhamento. Mentira”, escreveu o ex-ministro de Dilma Rousseff.


    Queriam folga


    A Justiça Eleitoral em Minas Gerais abriu processo contra 105 servidores públicos federais, estaduais e municipais no Estado, que se candidataram na disputa municipal de 2012 apenas para obter licença remunerada de três meses, como prevê a legislação. O levantamento foi feito pela Procuradoria Regional Eleitoral. Em alguns casos ficou constatado que nem o próprio candidato votou em si mesmo.


    Contra a parede


    A reunião entre o Prefeito ACM Neto (DEM) e o presidente nacional do PRB, Marcos Pereira, não conseguiu apaziguar os ânimos nas relações entre o gestor e a sigla. Com o impasse sobre as eleições em Salvador, o PRB iniciou uma rodada de conversas na tarde de ontem (28) com caciques do PSDB, com a possibilidade de formação de uma chapa encabeçada pela Deputada Dederal Tia Eron (PRB-BA) e tendo como vice um nome tucano. O movimento, ainda que não termine com resultado prático, coloca o Prefeito ACM Neto contra a parede e pode modificar o equilíbrio de forças na base aliada do gestor - além de PRB e PSDB, que participam da disputa da vice dele com João Roma e Sílvio Pinheiro ou Paulo Câmara, o PMDB e o PV também almejam a vaga, com Bruno Reis e Luiz Carreira, respectivamente.  



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia