SECOM - BAHIA AQUI É TRABALHO
Em cima da hora:
População detém suspeito de roubar menor no Centro de São Carlos, SP
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 29/03/2019


    29.03.2019 17h42m
    Recomendar

    Sobe - Prefeitura por querer desapropriar o Feira Tênis Clube para transformá-lo em um mega centro de educação com foco na cultura e no esporte.


    Desce - Participantes do esquema de fraude da campanha do desarmamento do Ministério da Justiça na cidade de Feira de Santana condenados esta semana pela Justiça.


    O apóstolo


    Durante a Convenção demista falaram apenas o presidente, João Marinho, o ex-prefeito José Ronaldo, Gerusa Sampaio e o ex-deputado Lázaro. Esse último se escalou. “Eu estou sendo convidado pelo meu partido, PR, para ser candidato a prefeito em Salvador, mas o meu coração está em Feira de Santana. Se o Democratas continuar me apoiando, eu vou longe aqui em Feira de Santana”.


    O Mestre


    Quando disse o Democratas, é claro que passou pela cabeça de Lázaro, José Ronaldo. Lázaro já chegou a dizer que é liderado de Ronaldo, em uma das entrevistas quando foi questionado se seria candidado a prefeito de Feira de Santana, se Zé Ronaldo o apoiasse.


    A ressurreição


    O Lázaro daqui quer escrever sua história junto a Zé Ronaldo como foi a do Lázaro da Bíblia junto a Jesus, que tinha conceituação de proximidade com o Mestre. Quem sabe, se Lázaro não ressuscita com uma vitória, depois da última derrota, apoiado por Ronaldo? O outro ressuscistou também com Jesus. O que marcou é que pela primeira vez, Lázaro falou, mas não cantou, decepcionando a plateia que esperava a cantoria.


    Caldeirão


    O repórter Paulão durante a Conveção de ontem, do DEM, entrevistando o ex-prefeito Tarcízio Pimenta lhe perguntou: “José Ronaldo confia mais em você ou em Targino Machado para ser sucessor de Colbert, na próxima eleição?”. Tarcízio entalou. Depois de olhar para a esquerda e para a direita, respondeu: “Rapaz, veja bem, quem decide quem vai ser o candidato é Ronaldo que é a liderança de todos nós. Como é que a gente vai saber quem ele vai indicar? Quem ele indicar a gente apoia”.


    Deixou o cargo


    O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou, na noite da última quarta-feira (27), que Paulo César Teixeira, diretor de Avaliação da Educação Básica, pediu demissão. A diretoria que ele coordenava é responsável pela realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). É a 13ª baixa no alto escalão do MEC e do Inep desde o início do novo governo.


    Maia para Bolsonaro


    O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), fez um pedido na última quarta-feira (27), ao presidente Jair Bolsonaro: “Pare, chega, peça ao entorno para parar de criticar”. Maia deu a declaração poucas horas após dizer que, enquanto o país tem milhões de desempregados e registra milhares de assassinatos todos os anos, Bolsonaro está “brincando de presidir”.


    Demissão negada


    O presidente Jair Bolsonaro (PSL) negou na noite da última quarta (27), que o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, tenha sido demitido do cargo, rebatendo informação divulgada pela jornalista Eliane Catanhêde, na GloboNews. A saída do ministro, segundo Cantanhêde, se daria após uma série de crises, demissões e recuos que têm paralisado a pasta nos três primeiros meses de governo. A suposta queda de Vélez também foi negada pela Casa Civil. No Twitter, Bolsonaro acusou a jornalista de propagar fake news.


    Fotos leiloadas


    Fotojornalistas doaram 50 imagens históricas de Luiz Inácio Lula da Silva para um leilão em prol do instituto do ex-presidente, segundo a coluna da jornalista Mônica Bergamo, da Folha. Segundo a publicação, todas as imagens foram autografadas pelo petista. Entre elas estão obras de Bob Wolfenson, Marisa Carrião, Juca Martins, Nair Benedicto e João Bittar. O lance mínimo é de R$ 1.313. O leilão online funciona até o domingo (31). A etapa presencial será no dia 3 de abril.



  • 28/03/2019


    28.03.2019 11h55m
    Recomendar

    Sobe - Santa Casa de Misericórdia por completar 160 anos prestando inestimáveis serviços à população de Feira de Santana e região.


    Desce - O Governo Bolsonaro, que capitaneado por ele, tem criado dificuldades permanentes com a Câmara dos Deputados.


    Crítica


    No uso da tribuna, na sessão ordinária de ontem (27), na Casa da Cidadania, o vereador Cadmiel Pereira (PSC) criticou o financiamento do Governo do Estado para eventos que, segundo ele, não promove a cultura popular na Bahia. Ele lembrou que, em 2011, no aniversário de 40 anos da Embasa, a empresa pagou quase R$ 300 mil para um show de Daniela Mercury num teatro em Salvador. Foram R$ 10 milhões de patrocínio para o filme ‘Marighella”, de Wagner Moura. No seu ponto de vista, a Embasa destruir o serviço público.


    Agradecimento


    Zé Filé (PROS) agradeceu ao secretário José Pinheiro por atender à indicação de sua autoria. A solicitação foi uma operação tapa-buraco na rua principal do bairro Jussara. Zé disse que recebeu um ofício dele informando que a obra já foi realizada. Para o edil, essa “deveria ser uma ação de praxe”.

     

    Solicitação


    Zé Curuca (DEM) solicitou ao Comandante de Policiamento da Região Leste (CPRL), em Feira de Santana, coronel PM Luziel Andrade o envio de uma viatura para o distrito de Humildes. Ele disse que foi procurado por alguns moradores do distrito de Humildes, que o disseram que o distrito está sem viatura há 40 dias e que os policiais estão fazendo rondas à pé.


    Edvaldo sobre Daniela


    Edvaldo Lima (PP) voltou a criticar a contratação da cantora Daniela Mercury para a Micareta de Feira de Santana este ano. Ele diz que dá “zero ponto” ao evento, pois segundo ele, não traz nenhum benefício à cidade.


    Afirmação


    Exonerado da presidência do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Marcus Vinicius Rodrigues afirmou, em entrevista ao Globo, que o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, é “gerencialmente incompetente” e “não tem controle emocional” para comandar a pasta. Segundo o ex-dirigente, Vélez arrumou um “pretexto” para tirá-lo do posto. A demissão foi justificada pela portaria que suspendeu a avaliação da alfabetização no país este ano.


    Análise sobre Bolsonaro


    Para o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), a articulação política do governo Jair Bolsonaro (PSL) com o Congresso está indo de mal a pior. A afirmação foi feita em entrevista ao site bahia.ba, na manhã de ontem (27). Para ACM Neto, uma eventual crise entre o Planalto e o Legislativo neste momento seria muito prejudicial para o país.


    Aprovação da PEC


    A proposta que diminui o poder do Executivo sobre o orçamento foi aprovada por todos os deputados baianos, de acordo com site Congresso em Foco. Ainda de acordo com o portal, apenas seis deputados rejeitaram a proposta: um do PSDB, dois do Novo e apenas três do PSL, do presidente Jair Bolsonaro. Para ser aprovada, a PEC foi analisada em dois turnos. No primeiro turno, 448 deputados votaram a favor, e 3, contra. No segundo turno, o placar foi 453 votos a favor, e 6, contra. Com a aprovação, o texto segue para o Senado.


    União da oposição


    Enquanto a direção municipal do PT já começa em pensar e articular nomes para a Prefeitura de Salvador em 2020, o governador Rui Costa prefere não comentar a escolha de possíveis prefeituráveis. O petista tem dito que “nomes não podem vir antes de um projeto para a cidade”. Em entrevistas recentes, ele voltou a enfatizar que os partidos precisam se unir para debater o futuro da cidade, mas que ainda é “prematuro” falar em nomes.



  • 27/03/2019


    28.03.2019 11h50m
    Recomendar

    Sobe - A direção do Conjunto Penal de Feira por adotar políticas públicas que valorizam o trabalho prisional e a assistência profissionalizante.


    Desce - Os altos índices de feminicídios registrados na Bahia nos primeiros meses de 2019.


    Denúncia


    No uso da tribuna, na sessão ordinária de ontem (26), na Casa da Cidadania, a vereadora Neinha (PTB) levou ao conhecimento de todos que os funcionários do Hospital Geral Clériston Andrade estão há três meses sem receber salário e pediu ajuda à justiça. Segundo ela, o Estado emprega pessoas e não paga.


    Solicitação


    Isaías de Diogo (PSC) pediu que a secretária Municipal de Educação, Jayana Ribeiro, solucione o conflito entre Município e APLB, com o objetivo de findar a greve dos professores na cidade. Ele ainda parabenizou os secretário Justiniano França e Paulo Aquino por terem ido à Secretaria de Educação tentar resolver o problema, o que, segundo o edil, não compete a eles e, sim, a Jayana.


    Sobre a Micareta


    João Bililiu (PPS) lembrou que é o autor do projeto de Lei nº 055/2018, que tornou a Micareta Patrimônio Cultural Imaterial do Município. Segundo ele, um dos objetivos é promover o resgate da festa, que tem perdido destaque no cenário nacional nos últimos anos. E isto inclui o respeito pelos artistas da cidade. Ele pediu que, nos próximos anos, “tenham mais carinho e respeito aos artistas feirenses que elevam tanto o nome da cidade e da festa”, em referência aos artistas locais que perderam espaço na edição deste ano da festa.


    Sugestão


    Eremita Mota (PSDB) falou sobre o caso do estudante do Instituto de Educação Gastão Guimarães, suspeito de compartilhar mensagem no WhatsApp com ameaças de chacina. Eremita salientou a necessidade das escolas da rede pública Municipal e Estadual contratarem profissionais das áreas de psicologia e serviço social.


    Nery sobre feminicídios


    A Audiência Pública que debateu o feminicídio e a violência contra as mulheres em Feira de Santana foi o tema do pronunciamento do vereador Alberto Nery (PT). O evento foi organizado pelo deputado federal Zé Neto e o deputado estadual Robinson Almeida (ambos do PT). Nery salientou que o número de casos de feminicídio tem crescido assustadoramente e afirmou que é preciso cobrar medidas mais duras do Congresso Nacional e do Judiciário nos casos de violência contra as mulheres.


    Manutenção de parque


    A tentativa de remoção de um parque infantil da Praça Pastor Severino Soares, no bairro Cidade Nova, gerou manifestação dos moradores. Edvaldo Lima (PP) informou que, na última segunda (25), foi chamado ao local para resolver o conflito. Ele explicou que um abaixo-assinado infundado feito por uma família foi protocolado na Prefeitura pedindo a retirada do equipamento. E profissionais estavam fazendo a remoção. Edvaldo entrou em contato com o secretário Municipal de Serviços Públicos, Justiniano França, que foi até o local ouvir as solicitações dos moradores. O parque infantil foi mantido na praça, sendo realocado para a área central. Edvaldo elogiou a postura do secretário Justiniano e salientou a importância de áreas de lazer ao ar livre para as crianças.


    Parabenizou


    Lulinha (DEM) parabenizou o secretário de Trabalho Turismo e Desenvolvimento Econômico, Antônio Carlos Borges Júnior, que provisoriamente, vai atender no Centro de Abastecimento, para ouvir as demandas da população.


    Pacote de Obras


    Lulinha também anunciou que, em breve, será lançado um pacote de obras pelo prefeito Colbert Martins Filho. E acrescentou que está na expectativa para que suas indicações sejam contempladas no pacote “para continuar o desenvolvimento de bairros como Conceição, Mangabeira, Santo Antônio dos Prazeres, da Matinha, de Jaíba e de outras comunidades”.



  • 26/03/2019


    28.03.2019 11h45m
    Recomendar

    Sobe - Brasil por criar 173 mil empregos em fevereiro deste ano, maior resultado para o respectivo mês desde 2014.


    Desce - População e autoridades por não conseguirem conter o avanço da dengue que já cresceu 224% no País.


    Sindicância


    De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, o relatório da Sindicância que apura a conduta de uma equipe do SAMU por ter conduzido um cadaver e deixando na sala da casa da família já está pronto. A publicação do documento, depende, segundo o órgão municipal da definição de uma data que será acordada entre o prefeito da cidade, Colbert Martins Filho e a Secretária de Saúde, Denise Lima Mascarenhas.


    Reajuste aprovado


    Em segunda discussão e por unanimidade dos presentes, foi aprovado ontem (25), na Câmara Municipal, o projeto que dispõe sobre o reajuste dos vencimentos dos professores, especialistas em educação e secretários escolares da rede municipal de ensino de Feira de Santana, do Poder Executivo. Vale ressaltar que o reajuste salarial é de 4,17%, sendo 2% pagos em março, retroativo a janeiro, e 2,17% pagos em julho.


    Edvaldo sobre missionários


    Edvaldo Lima levou ao conhecimento dos presentes na sessão o estado de missionários feirenses na cidade de Beira, em Moçambique, na África, atingida por um ciclone. Ele disse que cidades africanas já foram devastadas pela lama por conta de ação de um ciclone e a Marinha já alertou para a chegada de ciclone também na Bahia.


    Visitas relatadas


    Roberto Tourinho (PV) informou que visitou os conjuntos Habitacionais do Minha Casa, Minha Vida Campo Belo, no bairro Campo do Gado Novo; Solar Laranjeiras, na Avenida Iguatemi e Rio Santo Antônio, no final da Avenida Iguatemi, onde viu e ouviu as necessidades dos moradores destes locais. O vereador se disse “estarrecido com o abandono que os moradores sofrem do município”. Problemas no transporte coletivo e na saúde do local foram repercutidos.


    Rui sobre Temer


    O governador Rui Costa (PT) afirmou ontem (25), que a prisão do ex-presidente Michel Temer (MDB) trata-se de mais um “espetáculo midiaticamente produzido”. Para ele, não necessitava de uma operação tão grande para prender o ex-presidente e disse que pareceu “um capítulo de novela”.


    Isidório pré-candidato


    O deputado Isidório disse que vai concorrer à Prefeitura de Salvador nas próximas eleições, em 2020. O parlamentar declarou, na manhã de ontem (25), que foi convidado pelo governador, Rui Costa.


    Projeto vivo


    Rejeitado na Comissão de Constituição, Justiça (CCJ) do Senado, o projeto que extingue o percentual mínimo de vagas para candidaturas femininas não está morto, afirma Angelo Coronel (PSD), autor da proposta. Na última quinta-feira (14), o senador Fabiano Contarato (Rede) rejeitou o texto do parlamentar baiano. Para voltar a tramitar na Casa, o voto de Contarato precisará ser derrubado. A legislação atual obriga partidos a destinar ao menos 30% das vagas e dos recursos para mulheres.


    Crítica a Bolsonaro


    O deputado federal Jonga Bacelar (PR) criticou o presidente, na manhã de ontem (25). Para o parlamentar, Jair Bolsonaro precisa “descer do palanque e aprender a se relacionar”, com o Congresso.


    Equívoco


    O deputado federal Igor Kannário (PHS-BA) cometeu um equívoco ao apresentar dois projetos de indicação ao governo federal. Ele se referiu a Morro de São Paulo como um município. Na verdade, o local é distrito de Cairu, no litoral baiano. Uma das propostas endereçada ao Ministério da Saúde pede a destinação de recursos para construção do sistema de esgotamento sanitário da favela do Buracão. Outro projeto requer uma creche Proinfância Tipo 2, para atender as crianças da mesma localidade.



  • 23/03/2019


    23.03.2019 15h37m
    Recomendar

    Sobe - Os novos critérios utilizados pela Secretaria de Cultura para selecionar bandas e artistas para se apresentarem na Micareta.


    Desce - Bandas e artistas que não possuem sequer documentação básica para disputar vaga na Micareta.


    Primeira noite preso


    A primeira noite do ex-presidente Michel Temer na prisão foi em uma sala especial na Superintendência Regional da Polícia Federal (PF), no Rio de Janeiro. O local foi definido, segundo o Ministério Público Federal (MPF) no Rio de Janeiro, porque a defesa do ex-presidente argumentou que ele teria, pelo cargo exercido, direito a ser acomodado na PF, assim como o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que está detido em Curitiba, no Paraná.


    Bolsonaro sobre Damares


    O presidente Jair Bolsonaro disse na última quinta-feira (21), que a titular da pasta de Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, é “uma ministra com importância não muito grande”. O comentário foi feito durante uma transmissão ao vivo no Facebook, realizada diretamente de Santiago, no Chile, onde fica em viagem oficial até sábado. Na ocasião, Bolsonaro comentava a proposta de reforma da previdência dos militares, dizendo que havia escutado seus auxiliares antes de apresentá-la, na quarta (20), ao Congresso Nacional.


    Adiamento


    O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu acolher os pedidos da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e suspender as oitivas do petista ontem (23), no inquérito da Polícia Federal feito com base nas delações premiadas do ex-ministro Antonio Palocci Filho. O ex-presidente havia sido intimado a depor pelo delegado da Lava Jato em Curitiba Felipe Pace. Lula prestaria depoimento juntamente em outros três inquéritos que tramitam no Paraná.


    Vídeo apagado


    Após ter causado polêmica nas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro apagou o vídeo escatológico e pornográfico que publicou durante o Carnaval. Ele também removeu o tweet no qual perguntava o que era “golden shower”, fetiche de urinar na frente de um parceiro ou sobre ele. As publicações foram apagadas sem explicações oficiais do Palácio do Planalto. Na última terça (19), a defesa dos dois homens que aparecem nas imagens entrou com um pedido de mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF), requerendo a exclusão do vídeo. De acordo com a Folha de S. Paulo, Bolsonaro ficou incomodado com a repercussão negativa causada pelo vídeo e admitiu ter agido por impulso ao compartilhar o material.


    Supremo em alerta


    O Supremo Tribunal Federal (STF) entrou em alerta e voltou as atenções aos rumores de que uma delação premiada pode atingir, ainda que indiretamente, o ministro Luiz Fux. Segundo a revista Veja, a existência de um anexo na delação do empresário Jacob Barata, conhecido como o “rei do ônibus” do Rio de Janeiro, apontam envolvimento de um ex-assessor do membro da Corte.


    Wagner sobre CPI


    O senador Jaques Wagner (PT) explicou o motivo de não ter assinado o requerimento para a criação da CPI da Lava Toga, no Senado, que pretende investigar o ativismo político no Judiciário. Em entrevista ao programa “Balanço Geral”, da TV Record, Wagner acha que a CPI foi pensada para ser usada de palanque.


    Dilma surpresa


    A ex-presidente Dilma Rousseff (PT), alvo de impeachment com o apoio de Michel Temer, seu vice à época, ficou perplexa com a notícia de que ele havia sido preso, segundo a coluna Painel, da Folha. Sem entender o motivo, a petista perguntou se havia “algum fato novo” que justificasse a medida.


    Pessimismo


    Relator da reforma da Previdência de Michel Temer, o deputado federal baiano Arthur Maia (DEM) disse que a reforma proposta pelo governo de Jair Bolsonaro (PSL) dificilmente deve obter o apoio dos parlamentares. Segundo ele falou para o jornal Folha de São Paulo, ainda que o governo recue sobre os pontos mais polêmicos, como o BPC e a aposentadoria rural, “essa imagem ficou gravada”.



  • 22/03/2019


    22.03.2019 13h48m
    Recomendar

    Sobe - As instituições que desenvolvem ações inclusivas para portadores da Síndrome de Down, em Feira de Santana.


    Desce - Ex-presidente Michel Temer por ter sido preso dentro da Operação Lava Jato.


    Indicação


    O novo superintendente do Procon, Ícaro Ivvin, em entrevista a um programa de rádio, disse que sua indicação foi do presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana, José Carneiro Rocha (PSDB). Sendo assim, se, por algum motivo, o novo superintendente pedir demissão ou for exonerado, fica claro, e bem claro, que a indicação do substituto continuará sendo do vereador José Carneiro.


    Juiz de Paz


    Em uma situação rara na administração pública, o secretário e vereador licenciado, Pablo Roberto, titular da Secretaria de Prevenção à Violência, deu um “carão” público no seu colega, Edson Borges, da Cultura, Esporte e Lazer. Se isso prosperar dentro do governo, tudo indica que pode ser criada a Secretaria do Juiz de Paz, para conter conflitos entre colegas.


    Saúde


    Tenho dito nos programas de rádio que participo, que a grande corrupção no setor público brasileiro não está contida dentro da Operação Lava-Jato, mas no conjunto das prefeituras brasileiras, especialmente nos setores de saúde e educação. Querem testar? Os senhores promotores devem se debruçar sobre contratos no setor de saúde com mão-de-obra, aquisição de medicamentos... Na educação, vão atrás de transporte escolar, merenda, carteiras escolares, jornada pedagógica, fardamento... Isso é só uma dica. É claro que não são todas as prefeituras. Apenas algumas incorrem nesse erro miserável. Só cerca de 90%, suponho!


    Saúde I


    Não é que, em Salvador, a CGU, o MP e a Polícia Federal pegaram, com a “boca na botija”, envolvidos em esquema de corrupção na Secretaria de Saúde daquele município!? É bom lembrar que essas mesmas empresas e outras instituições prestam o mesmo serviço em outros municípios da Bahia e do Brasil. E, para não esquecer, lembro que presta também o mesmo serviço aos governos estaduais. Quem viver verá.


    Greve mantida


    Professores da APLB-Feira ocuparam a Câmara Municipal de Feira de Santana, na manhã de ontem (21), e realizaram uma assembleia. O resultado: a greve dos professores da rede municipal de ensino continua.


    Crítica


    O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), fez críticas ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, na última quarta-feira (20). O parlamentar afirmou que o projeto anticrime apresentado pelo ministro é uma cópia da proposta que foi apresentada pelo ministro Alexandre de Moraes, do STF.


    Opinião de Aécio


    Deputado federal pelo PSDB de Minas Gerais, Aécio Neves afirmou que a prisão do ex-presidente Michel Temer (MDB) tem que ser “compreendida”. Ele, inclusive, recentemente, teve R$ 1,6 milhão bloqueados pela justiça em processo relacionado às suspeitas de propina paga pela JBS.


    Coincidência


    O levantamento do Ibope que indica a queda da popularidade do presidente Jair Bolsonaro coincidiu com a irritação de parlamentares com o governo. Segundo a coluna Painel, da Folha, os deputados se queixam não apenas da forma como são tratados pelos ministros, como também com as atitudes da bancada do PSL. Siglas naturalmente favoráveis à reforma da Previdência, como o PSDB e o DEM, também são afetadas pela situação.



  • 21/03/2019


    21.03.2019 15h31m
    Recomendar

    Sobe - A iniciativa privada que já inaugurou o shopping Portal, que começou a ser construído depois do vizinho, que está sendo erguido por uma parceria público privada, ainda sem data definida para inauguração.

     

     

    Desce - Brasil por perder o selo de erradicação do Sarampo.


    Preocupação


    No uso da tribuna, na sessão ordinária de ontem (20), na Casa da Cidadania, o vereador Cadmiel Pereira (PSC) pediu atenção do Governo Municipal para a criação de órgão público para atender animais e cobrou leis mais rígidas para os autores de maus tratos a eles. Ele falou, ainda, que solicitou do Município a construção de uma Clínica Municipal Veterinária e Farmácia Básica. Segundo o vereador, hoje, praticamente todas as pessoas têm um animal de estimação, mas nem todas com condições de cuidar bem deles, por isso a necessidade de criar um órgão público para cuidar dos animais.


    Elogios


    Ele, Cadmiel, também elogiou o projeto Ação Global, Saúde e Comunidade promovido pela Prefeitura através da Secretaria de Saúde, no distrito Jaguara, no último sábado (16). No local foram realizados testes rápidos, orientações nutricionais e odontológicas. Além disto, um stand do Programa Bolsa Família foi montado e técnicos da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedeso) prestaram orientações e realizaram encaminhamentos.


    Crítica


    Zé Filé (PROS) criticou a atuação do Executivo na cidade e sugeriu a construção de um Centro Administrativo. Para o edil, o Executivo deve construir um Centro Administrativo para comportar as secretárias e órgãos municipais e não mais pagar aluguel. Por fim, Zé Filé pediu que os demais vereadores fizessem a sugestão dessa construção ao prefeito Colbert Martins que, para ele, está “perdido” na gestão. Informação Carlito do Peixe (DEM) informou a realização de reunião para traçar estratégias no combate à dengue em bairros de Feira de Santana e informou também sobre uma outra reunião que moradores dos bairros Brasília, Jomafa e Serraria Brasil irão realizar para combater a proliferação do mosquito aedes aegypti.


    Solicitação


    Edvaldo Lima (PP) utilizou a tribuna da Casa para reivindicar a instalação de caixas eletrônicos e agências bancárias no bairro do Tomba. Ele informou que os moradores do bairro fizeram uma manifestação na praça principal com este objetivo. Edvaldo salientou que o Tomba possui mais de 50 mil moradores e, é um bairro extremamente comercial, citando também o Centro Industrial Subaé (CIS).


    Questionamento


    A cobrança de taxa de estacionamento no Centro de Abastecimento voltou a ser tema do discurso do vereador João Bililiu (PPS). Ele questionou o destino do dinheiro, que é cobrado tanto de quem vai ao local comprar, quanto dos caminhoneiros que vão descarregar as mercadorias. Bililiu voltou a sugerir que uma comissão de vereadores vá ate o Centro de Abastecimento verificar a situação e cobrou uma solução do governo Municipal.


    Comissão avaliadora


    O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais) nomeou ontem (20), uma comissão para fazer uma avaliação ideológica das questões do Enem 2019, de acordo com o jornal Folha de S. Paulo. A comissão terá apenas dez dias para a conclusão dos trabalhos. A criação do grupo foi noticiada em fevereiro. O governo Jair Bolsonaro (PSL) decidiu criar a comissão com o principal objetivo de expurgar itens que abordem uma suposta “ideologia de gênero”, termo nunca usado por educadores. Na portaria do Inep, órgão do MEC (Ministério da Educação) responsável pelo Enem, a comissão fará uma “leitura transversal” das questões que compõem o Banco Nacional de Itens com o objetivo de verificar “sua pertinência com a realidade social, de modo a assegurar um perfil consensual do Exame”.


    Repasse


    A personal trainer Nathália Melo de Queiroz, ex-assessora de Jair Bolsonaro na Câmara, repassou 80% do salário que recebeu entre junho e novembro do ano passado ao pai, Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). As informações constam em um novo relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), obtido pelo jornal O Globo. Dos R$ 36,6 mil que recebeu como assessora, Nathália transferiu R$ 29,6 mil para seu pai.



  • 20/03/2019


    20.03.2019 10h28m
    Recomendar

    Sobe - Cooperativa de Pescadores do Vale de Pedra do Cavalo por atrair o olhar de 14 países da América Latina e do Caribe, ao desenvolver Projeto Peixe na Rede, no distrito de Ipuaçu.


    Desce - Homem que criava cobra dentro de oficina em condições completamente inadequadas.


    Convite


    A Igreja Messiânica Mundial do Brasil, região Nordeste, convida a todos para a inauguração da Nova Sede da Igreja Bahia Interior. O evento acontece, no próximo domingo, 24 de março, às 9h, na Rua Barão do Rio Branco, nº 574, bem no Centro de Feira de Santana. O convite é assinado pelo Diretor Regional marco Antônio Franco Rocha e por Antonio Luiz Banhol Junior, responsável Igreja Bahia Interior. Quem quiser obter maiores informações sobre o ato inaugural deve entrar em contato através do email [email protected]


    Elogios


    Durante a sessão ordinária de ontem (19), o vereador Edvaldo Lima (PP) teceu elogios ao Ministério Público por notificar o Google e o WhatsApp exigindo a remoção dos conteúdos que exibam imagens da Boneca Momo. Segundo Edvaldo, a boneca, que tem olhos esbugalhados, pele pálida e um sorriso sinistro, ficou famosa em diversos países, depois de ser disseminada em um vídeo convencendo crianças e jovens a praticarem automutilação e suicídio.


    Parabenizou


    Ele, Edvaldo, também parabenizou a deputada federal Dayane Pimentel por se tornar membro titular das comissões de Educação e da Mulher na Câmara dos Deputados. De acordo com o edil, a parlamentar baiana também integra as comissões de Seguridade Social e Família e de Turismo como suplente.


    Cobrança


    Bililiu (PPS), que voltou a criticar a cobrança de estacionamento no Centro de Abastecimento, solicitou a formação de uma comissão de vereadores para buscar informações sobre a arrecadação de valores e pediu ao secretário de Desenvolvimento Urbano, Antônio Carlos Borges Júnior, que adote providência em relação à cobrança.


    Pedido


    Líder do governo na Câmara Municipal, o vereador Paulo Magalhães (PV) pediu um maior consenso entre os taxistas para viabilizar a aprovação do projeto que pretende regulamentar transporte por aplicativos em Salvador. Em entrevista à Rádio Metrópole, ontem (19), o edil disse que o texto não está em discussão somente na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), mas também em toda a Casa.


    Promessa


    Como tentativa de obter apoio para a reforma da Previdência, o ministro da Economia, Paulo Guedes, prometeu a parlamentares que vai ajudá-los com repasses para as regiões que os elegeram. As informações são da Folha de S.Paulo. Lideranças do Congresso afirmaram que não há confiança no presidente Jair Bolsonaro (PSL) até agora. Eles temem impulsionar um governo que usa como trampolim o ataque à classe política e, por isso, não reconhece o esforço feito por aliados.


    Preso novamente


    O ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB) voltou a ser preso na manhã de ontem (19), desta vez em uma operação do Ministério Público do Paraná (MP-PR) que investiga desvio de recursos que deveriam ser usado na construção de escolas. Parte desse dinheiro, segundo as investigações, teria ido parar em campanhas eleitorais do tucano. Segundo o portal G1, esta é a terceira vez que o tucano é detido. Ele também já havia sido preso em uma outra investigação do MP paranaense e em um desdobramento da Operação Lava Jato, mas foi solto por ordem da Justiça.


    Processo


    O PSL do Rio de Janeiro apresentou à Corregedoria Geral do Ministério Público fluminense representações disciplinares contra o procurador-geral de Justiça do Estado do Rio, Eduardo Gussem, e o promotor Cláucio Cardoso da Conceição. De acordo com o Estadão, o motivo é a suposta atuação irregular dos dois na investigação aberta a partir da descoberta da movimentação atípica de R$ 1,2 milhão em uma conta de Fabrício Queiroz, ex-assessor do hoje senador Flávio Bolsonaro (PSL) na Assembleia Legislativa do Rio. Gussem e Conceição repudiam as acusações.



  • 19/03/2019


    20.03.2019 10h26m
    Recomendar

    Sobe - Policiais da RONDESP Leste por doarem cadeira de rodas a mulher necessitada.


    Desce - Embasa por ser convocada pelo Ministério Público para explicar os transtornos causados pela falta de água em Feira de Santana.


    Novo superintendente


    O advogado Ícaro Ivvin é o novo superintendente do Procon de Feira Santana. Ivvin substitui Suzana Mendes. O advogado já atuou como secretário municipal de Serviços Públicos e como Procurador Jurídico da Câmara de Vereadores. A nomeação foi publicada na edicão do último sábado (15), do Diário Oficial do Município.


    Aprovação


    Na manhã de ontem (18), a Casa da Cidadania aprovou, em primeira discussão e por unanimidade dos presentes, o Projeto de Lei de nº 010/19, de autoria da vereadora Aldney Bastos Marques - Neinha (PTB), que considera de utilidade pública a Associação de Moradores do Vila Verde (AMAV), fundada em 07 de fevereiro de 2018, com sede no caminho C, IX, nº 06, no conjunto Feira X.


    Capacitação


    A Câmara aprovou, em discussão única e por unanimidade dos presentes, o Projeto de Decreto Legislativo de nº 003/19, de autoria da Mesa Diretiva, que concede licença às vereadoras Eremita Mota (PSDB) e Gerusa Sampaio (DEM) para participarem do 963º Curso de Capacitação para Vereadores, Prefeitos, Vice-Prefeitos, Secretários Municipais, Gestores, Assessores e servidores Públicos a ser realizado no período de 19 a 23 deste mês, na cidade de Aracaju, estado do Sergipe.


    Solicitação


    Foi aprovado o Requerimento de nº 059/19, de autoria do vereador Roberto Tourinho (PV), que solicita a realização de sessão solene, no dia 17 de abril do ano corrente, às 19h30, no plenário da Casa da Cidadania, para comemorar o Dia Municipal do Livro dos Espíritos, com palestra do orador espírita Marcel Mariano, que discorrerá sobre o tema: Espiritismo ontem, hoje e sempre.


    Solicitação I


    O Requerimento de nº 057/19, de autoria do vereador Zé Curuca (PDEM), fo aprovado. O mesmo solicita do diretor da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) a manutenção do sistema de abastecimento de água, com o reforço da tubulação na rede que liga as comunidades de Doutor, Fulô e Pindobal, no distrito de Humildes, totalizando 600 metros de tubo PVC 110. De acordo com o vereador, mais de 150 famílias estão necessitando do serviço supracitado.


    Condenação


    O ex-governador Nilo Coelho foi condenado, por improbidade administrativa, à perda dos direitos políticos por cinco anos. Cabe recurso. A decisão é da 1ª Vara da Justiça Federal de Guanambi, cidade natal do político, que também foi prefeito do município três vezes. Conforme a Justiça, Coelho causou danos à administração pública como gestor municipal, com irregularidades na contratação de caminhões para transporte de material. Coelho também foi condenado ao pagamento de multa equivalente a três vezes o seu último salário como prefeito.


    Líder de gastos


    Cassada há quase três anos, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) apresentou uma fatura de mais de meio milhão de reais em 2018, ao Palácio do Planalto, segundo levantamento de reportagem do jornal O Estado de S. Paulo. Segundo a publicação, o dinheiro pagou viagens de assessores mantidos à sua disposição pelo governo. A petista gastou mais do que a soma de despesas dos ex-presidentes José Sarney, Fernando Collor, Fernando Henrique Cardoso e Luiz Inácio Lula da Silva - que também têm direito ao benefício.


    Neto e Bolsonaro


    O presidente do DEM, ACM Neto, disse que ainda não recebeu nenhum convite para conversar com o presidente Jair Bolsonaro. De acordo com a coluna do Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo, o deputado Alberto Fraga informou que o chefe de Estado quer encontrar o democrata para conversar sobre a reforma da Previdência.



  • 16/03/2019


    18.03.2019 14h39m
    Recomendar

    Sobe - Prefeitura e parceiros por levarem aos distritos Ação Global Saúde e Comunidade.


    Desce - Empresas que lesam consciência do consumidor para obter vantagens desonestas.


    Crítica


    O deputado federal Isidório (Avante) voltou criticar a reforma da Previdência. Em uma gravação, que foi divulgada na última quinta-feira (14), o parlamentar diz que não vai permitir que a proposta prejudique os “mais pobres e lascados da nação”. No vídeo, ele ainda afirma que o projeto vai se aproveitar para tirar direitos já conquistados dos trabalhadores. O deputado define a reforma como “vampira” e “sanguessuga”.


    2º escalão


    Com os ânimos apaziguados, o governador Rui Costa (PT) e prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), agora se concentram em terminar de montar as equipes do segundo escalão dos governos municipal e estadual. Inclusive, o governador deve finalizar as escolhas para o Detran, Embasa e Fundação Luís Eduardo Magalhães (Flem), também nos próximos dias. Para a chefia do Detran, um dos mais cotados é o ex-deputado estadual Carlos Geilson. A direção da Embasa deve ser assumida por um nome da cota pessoal do governador, provavelmente um técnico.


    Fim das cotas


    A deputada federal Dayane Pimentel (PSL-BA) apresentou na Câmara um projeto que revoga a chamada Lei de Cotas, que obriga as universidades, institutos e centros federais a reservar 50% de suas vagas para estudantes oriundos de escolas públicas. O dispositivo assegura que metade das vagas deve ser reservada aos estudantes cujas famílias tenham renda igual ou inferior a 1,5 do salário mínimo por pessoa (R$ 1.497 mil, no momento). As cotas raciais também entram nessa conta e são proporcionais à população de pretos, pardos e indígenas de cada unidade da federação, conforme censo do IBGE.


    Cotação


    O nome do ex- ministro Mendonça Filho (DEM) voltou a ser cotado para reassumir o comando do Ministério do Educação. De acordo com a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, a especulação acontece por causa da crise entre o escritor Olavo de Carvalho e o titular da pasta, Ricardo Vélez. O número 2 do ministério chegou a ser demitido para tentar acalmar o conflito.


    Perda de comando


    Em meio à disputa pelo segundo escalão da nova gestão do governador Rui Costa (PT), os embates ainda não cessaram e o PT pode perder o comando da Agência Reguladora de Saneamento Básico do Estado da Bahia (Agersa) para o PP do vice-governador João Leão. Com os rumos das exigências modificados pelo próprio governador, o partido que mirava em cargos de alta competitividade, como o Detran e a Embasa, utiliza a máxima de que precisam ter os espaços perdidos na reforma administrativa compensados, que seriam as extintas Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial (Sudic) e Bahia Pesca.


    Inquérito


    Após a saída de Michel Temer da Presidência, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), liberou o inquérito dos Portos para a primeira instância, segundo informações da colunista Mônica Bergamo, da Folha. O emedebista perdeu o foro privilegiado ao deixar o cargo. Temer foi denunciado em dezembro pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, sob acusação de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Para Dodge, o ex-presidente era o epicentro de um esquema que configurava um “sistema institucionalizado de corrupção”. Temer nega todas as acusações.


    Fim dos vistos


    Em viagem aos Estados Unidos a partir de amanhã (17), o presidente Jair Bolsonaro deverá anunciar o fim da exigência de vistos de entrada de visitantes do país no Brasil. A medida também deve beneficiar cidadãos do Canadá, Japão e Austrália. À época da Olimpíada Rio-2016, os mesmos países já haviam sido isentos da necessidade de visto, temporariamente. Em janeiro, o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio disse ao jornal O Globo que a medida poderia atrair mais visitantes e potencializar o turismo no Brasil.


    Reinauguração


    Na noite da última quinta-feira (14), o deputado federal Zé Neto (PT-BA) reinaugurou o escritório político do seu Mandato, em Feira de Santana, localizado na Rua Domingos Barbosa de Araújo, nº 333, Kalilândia há anos, próximo ao famoso Edifício Petrópolis e em frente ao Salão Casal 20. O escritório foi inaugurado com Robinson Almeida, deputado estadual, que periodicamente estará fazendo atendimento no mesmo local. Os deputados se conhecem desde os anos 80, do movimento estudantil da Universidade Federal da Bahia (UFBA), quando Zé Neto estudava Direito e Robinson Almeida estudava Engenharia Elétrica.



  • 15/03/2019


    18.03.2019 11h51m
    Recomendar

    Sobe - Bahia de Feira por realizar projeto de prevenção a incêndio com time profissional e categoria de base.


    Desce - Deputada Dayane Pimentel que mesmo depois da campanha continua apontado dedo simulando arma.


    TRE em Feira


    Com o objetivo de aproximar a Justiça Eleitoral dos cidadãos baianos, a sede administrativa do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) será transferida, na próxima segunda-feira (18), para o município de Feira de Santana. A Corte Eleitoral realizará, às 10h30, sessão de julgamento, no Cajueiro Convenções. Esta será a terceira vez que o TRE-BA transfere sua sede para município do interior. A primeira ocorreu em agosto de 2017, no município de Ilhéus e a mais recente foi em março de 2018, no município de Vitória da Conquista. A ação faz parte do projeto de interiorização da Justiça Eleitoral baiana, idealizado pelo presidente do TRE-BA, desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano.


    Cobrança do deputado


    O deputado estadual Robinson Almeida (PT), cobrou na Comissão de Infraestrutura da Assembleia Legislativa da Bahia, na última terça-feira (12), a duplicação da BR 101, no trecho entre Feira de Santana e Santo Antônio de Jesus. Segundo o deputado, a duplicação deve ser prioridade. O deputado afirmou que devem ter cerca de 100 municípios ao longos dos 100 quilômetros de estrada e que adensam aquela rodovia, responsável por um número muito grande de acidentes, além de provocar congestionamentos frequentes. Para ele, a capacidade está saturada.


    Lídice em comissão


    A deputada federal Lídice da Mata (PSB-BA) foi eleita na manhã de ontem (14), por 12 votos, a nova presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa da Câmara. Entre as atribuições do colegiado estão receber, avaliar e investigar denúncias relativas à ameaça ou à violação de direitos da pessoa idosa; fiscalizar e acompanhar programas governamentais relativos à proteção dos direitos da pessoa idosa; e tratar do regime jurídico de proteção à pessoa idosa.


    2º escalão de Neto


    O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), pretende terminar de ajustar, na próxima semana, a composição de cargos do segundo escalão do Palácio Thomé de Souza, segundo o jornal Tribuna da Bahia. A principal mudança deve acontecer no comando da Empresa de Limpeza Urbana (Limpurb). O atual presidente, Leonardo Oliveira, indicado do deputado estadual Tiago Correia (PSDB), deixará o cargo e, provavelmente, dará espaço para o ex-secretário de Ordem Pública Marcus Vinicius Passos.


    Grupos reativados


    Liderados por eleitores de Bolsonaro, grupos de WhatsApp que tinham sido desativados após a campanha voltaram a operar, informa a coluna Painel, da Folha. Segundo o jornal, a retomada coincidiu com o apelo da cúpula do Congresso para que o presidente religasse, em nome da reforma da Previdência, a rede de contatos que o ajudou a chegar no Planalto. Além de textos de defesa da medida, as comunidades elegeram um alvo comum: o Supremo. Montagens pedem o “fim do STF”, apontam “a toga contra o povo” e chamam os ministros de criminosos.


    Moro sobre Justiça Eleitoral


    O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, afirmou na última quarta-feira (13), que a Justiça Eleitoral não é “materialmente estruturada” para julgar casos criminais “mais complexos” como corrupção ou lavagem de dinheiro. Moro deu a declaração ao comentar o julgamento em que o Supremo Tribunal Federal (STF) decidirá se crimes eleitorais cometidos em conexão com outros crimes, como corrupção ou lavagem, devem ser analisados pela Justiça Eleitoral ou pela justiça comum.


    Encontro


    O deputado federal Marcelo Nilo (PSB) registrou em sua página do Instagram um encontro que teve, na manhã de ontem (14), com o ministro da Economia, Paulo Guedes, durante uma caminhada, em Brasília. Segundo o parlamentar, o encontro foi rápido. Nilo ressaltou que queria ter tido tempo para questioná-lo sobre a reforma da Previdência.


    Negação


    O ministro da Justiça, Sérgio Moro, negou qualquer relação entre o presidente Jair Bolsonaro (PSL) e o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ), que completou um ano ontem (14). Em entrevista publicada pelo jornal Valor Econômico, o ex-juiz federal afirmou que há uma movimentação no governo para manter a investigação e a busca pelos nomes do mandantes do crime.



  • 14/03/2019


    14.03.2019 13h45m
    Recomendar

    Sobe - Pirelli por patrocionar a produção do plano de Mobilidade Urbana Sustentável de Feira de Santana.


    Desce - Fragilidade da segurança em escolas que já contribuiu para que houvesse 8 atentados nos últimos 8 anos nestas instituições.


    Crítica


    Zé Filé (PROS), na manhã de ontem, criticou a educação ofertada pelo Município de Feira de Santana. Segundo ele, já são 49 mil alunos fora da sala porque o prefeito “não chama os professores para conversar e pagar o que é de direito da categoria”. Para ele, parece que o prefeito não se incomoda.


    Representação protocolada


    Edvaldo Lima (PP) informou que protocolou, ontem, no Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) uma representação contra a Empresa Baiana de Águas e Saneamento. Ele solicita que o MP-BA ingresse com uma ação civil pública para que a Embasa normalize o fornecimento de água no município.


    Requerimento aprovado


    O requerimento nº 53/2019, de autoria do vereador Edvaldo Lima, foi aprovado na Câmara. A proposta do requerimento é de que representantes da Embasa deem explicações sobre a constante falta d’água na cidade. A aprovação foi por unanimidade, o que fez Edvaldo agradecer aos seus pares.


    Lima sobre chineses


    O líder do governo na Câmara Municipal, vereador Marcos Lima (PRP), refutou a possibilidade de comerciantes chineses possuírem lojas no Centro Comercial Popular de Feira de Santana - Shopping Popular. Ele apresentou a Lei Municipal nº 3774 de novembro de 2017 que destina os espaços comerciais (boxes) do Shopping Popular, exclusivamente, a brasileiros natos ou naturalizados devidamente cadastrados junto a Secretaria Municipal de Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico. A lei também veda a transferência dos espaços comerciais, em favor de terceiros, que não sejam brasileiros natos ou naturalizados.


    Afirmação do senador


    O senador Major Olímpio (PSL-SP) disse ontem (13), que o massacre na escola Professor Raul Brasil, em Suzano (SP), teria sido evitado se os professores da unidade de ensino estivessem armados. Dois adolescentes mataram pelo menos oito pessoas e cometeram suicídio.


    Kannário tranquilo


    Após ser denunciado no Conselho de Ética da Câmara por quebra de decoro parlamentar, o deputado federal Igor Kannário (DEM) afirmou que recebeu a notícia “com tranquilidade”. Para ele, representar as classes menos favorecidas no parlamento “incomoda muita gente”.


    Bolsonaro e jornalistas


    O presidente Jair Bolsonaro (PSL) pode adotar como rotina receber grupos de jornalistas para encontros e conversas no Palácio do Planalto. A informação é da colunista Mônica Bergamo, da Folha. Segundo a publicação, a ideia de assessores é distensionar a relação do presidente com a imprensa, convidando grupos de profissionais para conversar com ele de acordo com o tipo de veículo em que trabalham.


    Opinião de Freixo


    O deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ) diz não ver indícios que relacionem Jair Bolsonaro (PSL) ao assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) e de seu motorista Anderson Gomes. O duplo homicídio completa um ano hoje (14) - dois dias após a prisão dos dois supostos executores, dentre eles um policial militar reformado que residia no mesmo condomínio onde o presidente mora atualmente. O parlamentar, por outro lado, afirma não descartar a ligação do clã Bolsonaro com as chamadas milícias.



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia