Em cima da hora:
População detém suspeito de roubar menor no Centro de São Carlos, SP
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 12/05/2020


    12.05.2020 12h40m
    Recomendar

    Sobe - A organização na campanha de vacina contra a gripe.


    Desce - Pessoas que fizeram jogo de futebol em tempo de pandemia da covid-19.


    Descaso


    Com quadro de 11.253 mortes provocadas pela Covid-19 e 164.384 casos confirmados até ontem (11), o vereador Edvaldo Lima (MDB) subiu à tribuna da Casa da Cidadania para dizer que a imprensa está causando terrorismo no caso, e as pessoas devem voltar às suas rotinas. “Vá trabalhar”, disse o edil, que ao realizar o pronunciamento, não usava a máscara, como recomendado pela Organização Mundial de Saúde. Feira de Santana também já decretou uso obrigatório de máscara.


    Churrasco e Jetski


    O vereador Isaías de Diogo (MDB) não ficou calado ao ouvir o pronunciamento de Edvaldo, e rebateu o vereador. “A imprensa não está fazendo terrorismo, está divulgando os casos que estão acontecendo. As pessoas estão morrendo, são eles que estão andando de jetski e fazendo churrasco?”, questionou Isaías.


    Responsabilidade


    Isaías pediu de Edvaldo responsabilidade, “A COVID-19 não é brincadeira, me economize, vereador Edvaldo Lima. Vamos ser responsáveis, porque não são nossos entes queridos, mas muitas pessoas estão chorando e sofrendo por causa do coronavírus”, clamou o edil.


    Exoneração


    O secretário Nacional de Justiça do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Vladimir Passos de Freitas, foi exonerado pelo governo federal. A mudança foi assinada pelo ministro chefe da Casa Civil, Braga Netto, e publicado no “Diário Oficial da União”, de ontem (11). A publicação não diz quem deverá substituir Freitas.


    Leilões


    A agenda dos leilões de concessão de ativos no setor de infraestrutura para 2020 será mantida, apesar da crise causada pelo novo coronavírus, informou ontem (11), o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, durante reunião de videoconferência online com investidores.


    Dólar


    O dólar operou em alta concentração contra o real ontem (11), o menor apetite por risco no exterior em um cenário agravado pela permanência de incertezas no campo político brasileiro. Às 10h08, o dólar avançava 0,87%, uma venda de 5.7898 reais. Na B3, o dólar futuro tinha alta de 0,69%, a 5.790 reais.


    Livro


    A advogada Rosangela Moro, esposa do ex-ministro Sergio Moro, planeja terminar em dois meses, o livro no qual conta a história do ex-juiz federal, no governo de Jair Bolsonaro. Moro deixou o Ministério da Justiça, em 24 de abril, após alegar pressão para trocar, sem justificativa, o diretor-geral da Polícia Federal.



  • 09/05/2020


    10.05.2020 20h54m
    Recomendar

    Sobe - Filhos que se reinventam para homenagear as mães mesmo estando distantes e isolados por conta da pandemia.


    Desce - Presidente Jair Bolsonaro por fazer festa em plena pandemia da Covid-19 quando as recomendações das autoridades de saúde é de isolamento social.


    IPTU


    Com informações do secretário da fazenda, Expedido Eloi, o site Bahia na Política apurou que a Prefeitura Municipal de Feira de Santana já tem os números financeiros do IPTU entre os meses de março e abril, período de maior arrecadação do tesouro municipal, com o advento da pandemia da Covid-19. Foram arrecadados R$ 453.757.99 em março R$ 27.007.716,53, em abril, um total de R$ 27.461.474,52. Em 2019, no mesmo período, a arrecadação total foi R$ 39.207.125,00.


    Rui Costa


    O governador Rui Costa (PT) afirmou ontem (8), que o pior mês no combate ao coronavírus será maio. Para o petista, após o começo de junho, o país já deve começar a voltar a planejar a volta à normalidade. “O pior mês vai ser o mês de maio e a primeira semana de junho. Se ultrapassarmos esse momento, vamos começar o planejamento da volta à normalidade, a geração de empregos. Vamos evitar o contato social, esse é o remédio agora”, disse.


    Fake News


    O Governo do Estado esclarece que um vídeo compartilhado em redes sociais e no qual aparece o governador Rui Costa, acompanhado por uma comitiva de empresários chineses, sendo cumprimentado pelo cantor Bell Marques, foi gravado no carnaval de 2017. Nas imagens, registradas em um dos circuitos da festa, o cantor faz menção sobre o Estado estar preparado para combater o zika vírus e não o novo coronavírus, como dizem as postagens que estão circulando no whatsapp, twitter e outras redes sociais. Cabe também ressaltar que o vírus da Zika é transmitido pela picada do mosquito Aedes Aegypti, por isso a festa popular foi mantida naquele ano.


    Centrão


    O pedido de aliados do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para que o Supremo Tribunal Federal (STF) determine a deposição do senador Angelo Coronel (PSD) da presidência da CPMI das fake news escolheu hora e local. Na avaliação de fontes de Brasília, a recente aproximação do centrão com o Planalto dará condições para que o grupo a favor do presidente forme maioria na eventual escolha de um novo presidente da comissão, caso a Justiça determine o afastamento de Coronel.


    Moro


    Ex-juiz e ex-ministro da Justiça, Sergio Moro foi convidado para dar aulas em universidades no Brasil e no exterior. Um dos convites surgiu do Centro Universitário de Brasília, o UniCeub, que planeja início das aulas para quando a pandemia do novo coronavírus passar. Nos EUA e na Argentina, instituições também querem o ex-magistrado ministrando aula.


    AGU


    A Advocacia-Geral da União (AGU) pediu hoje (8), que o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), reconsidere a decisão que suspendeu o decreto de nomeação e a posse do delegado Alexandre Ramagem como novo diretor-geral da Polícia Federal (PF) no mês passado. Ao suspender a nomeação, Moraes atendeu a um pedido feito pelo PDT por meio de um mandado de segurança.


    Saúde


    O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) defendeu, ontem (8), que academias fossem reabertas “porque o exercício físico melhora a saúde das pessoas”. Bolsonaro ouviu o pedido de um apoiador, professor de educação física, e concordou com o apelo feito. “Saúde não é vida? Porque as academias estão fechadas?”, questionou.


    Habeas corpus


    O superior Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou pedido de habeas corpus preventivo de um servidor público para derrubar a obrigação de uso de máscaras no Distrito Federal. No entendimento do autor da ação, a obrigação do uso de máscara causaria interferência no direito de ir e vir da população, estabelecido pela Constituição.



  • 08/05/2020


    10.05.2020 20h45m
    Recomendar

    Sobe - Campanha que estimula a compra em pequenos comércios em Feira de Santana.


    Desce - A população que ainda não entendeu a gravidade de contrair o vírus e permanece em locomoção permanente.


    Credenciamento


    O prefeito Colbert Martins (MDB) cobrou do Governo do Estado o credenciamento de laboratórios do Município para fazer testes da Covid-19. Colbert ressaltou que a gestão feirense tem feito o controle de todos os exames.


    Reabertura


    O vereador Luiz da Feira (Pros) defendeu na Câmara Municipal de Feira de Santana a abertura dos shoppings e galerias no Município. Alega que só no shopping Boulevard são 3 mil funcionários parados e o que é mês das mães, período em que o comércio está aquecido.


    Clériston II


    O vereador e líder do DEM na Câmara Municipal, Lulinha (DEM) cobrou do deputado federal Zé Neto (PT) quando o Governo do Estado vai entregar à população o Hospital Clériston Andrade II. Lulinha alega que o povo está precisando.


    Wagner


    O senador Jaques Wagner (PT) voltou a afirmar que não descarta se lançar numa candidatura ao governo do Estado em 2022, embora defenda uma renovação nos quadros políticos da base petista, com nomes “da idade” de Rui Costa, seu sucessor após oito anos, no Palácio de Ondina, entre 2006 e 2014.


    Transparência


    O governador Rui Costa (PT) anunciou a criação e instalação de um Comitê da Transparência para fiscalizar os atos estaduais relacionados a compra de equipamentos, contratação de profissionais e outras ações relacionada ao combate da Covid-19 na Bahia. Fazem parte do comitê a Procuradoria Geral de Justiça do Estado e o Tribunal de Contas.


    Dossiê


    Ainda na Secretaria de Cultura do governo bolsonaro, a atriz Regina Duarte deve ganhar uma oposição forte nas próximas semanas. Isso porque aliados do presidente prepararam um dossiê contra a artista.


    Cobrança


    Acompanhando de ministros e empresários, o presidente Jair Bolsonaro fez ontem (7), uma visita ao Supremo Tribunal Federal. Na corte, foi pedir ajuda para que restrições determinadas no combate ao novo coronavírus fossem diminuídas. Segundo o G1, Toffoli destacou que as medidas foram recomendadas por autoridades sanitárias e pela Organização Mundial de Saúde (OMS).


    Auxílio


    O pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 deve começar a ser pago na próxima semana. A informação foi anunciada ontem (7), pelo ministro Onyx Lorenzoni (Cidadania). O cronograma deve ser publicado até esta sexta (8).



  • 07/05/2020


    07.05.2020 10h09m
    Recomendar

    Sobe - A imprensa brasileira que desobedece o presidente Jair Bolsonaro na ordem que ele tentou impor: “Cala a boca!”. Ninguém calou.


    Desce - A prefeitura de Feira ao tentar contratar através de licitação engenheiros e arquitetos, por nove milhões/ano, apesar de ter nos quadros, 41 desses profissionais.


    MDB na Câmara


    O vereador Edvaldo Lima (MDB), ainda reclama da indicação do seu colega Gilmar Amorim para vice-liderança do MDB na Câmara, Amorim nada diz, e Edvaldo insiste. Para dar suporte a sua intenção, Edvaldo diz “Eu sou vereador de dois mandatos”.


    Ataque


    Depois de dez dias calado, o deputado estadual Targino Machado (DEM), postou mais um vídeo atacando o prefeito Colbert Martins (MDB). Usou como tema a saúde de Feira de Santana e o coronavírus.


    Silêncio


    O ex-prefeito José Ronaldo (DEM) se recolheu de forma mais profunda, o silêncio que sempre o acompanhou, quando se trata de tomar decisões. ACM Neto, líder do partido na Bahia, e do Brasil, já declarou desde dezembro que o seu candidato em Salvador é Bruno Reis. Em Feira de Santana, Ronaldo deixa Colbert e Targino Machado angustiados pelo resultado da decisão do líder local do DEM.


    Adivinhando


    Os vereadores da Câmara que fazem parte do grupo apenas exclamam “Até quando, meu Senhor, até quando?”. E sem terem respostas, ficam fazendo jogo de adivinhação. Uns dão como certo apenas a candidatura de Justiniano como vice de qualquer um. O difícil é acreditar, que a Secretaria de Serviços Públicos, que cuida do lixo, podas de árvore e coleta de entulhos, esteja vaga para ser cedida a algum partido político hostil.


    Tertius


    Ainda tem gente que fica torcendo para que o vice seja o ex-deputado Fernando de Fabinho, e ainda outros, que apostam que Fernando de Fabinho está guardado por Ronaldo como o tertius que servirá como o terceiro nome na tentativa de afastar Colbert e Targino. Fernando já chegou a dar entrevista, dizendo que está a disposição do partido.


    Chateada


    Incomodada, a vereadora Neinha Bastos subiu a tribuna ontem, para criticar o novo superintendente de Transportes e Trânsito, Euclides Arthur. “Como é que a pessoa assume um cargo tão importante e não nos procura, não vem à Câmara de Vereadores para se apresentar e se colocar à disposição? Quando as pessoas querem reclamar sobre algo relacionado à pasta, vem aqui, atrás de nós. É preciso ter parceria”, disse.


    Adiamento


    O governador Rui Costa (PT) declarou que seria prudente o adiamento das eleições municipais por 30 dias, por conta da pandemia de coronavírus. Rui condenou a prorrogação do mandato, mas defendeu o adiamento dentro do próprio período eleitoral. Pela sua proposta, seria o primeiro turno em novembro e o segundo em dezembro.


    Lealdade


    O grupo petista poderia não ter o senador Otto Alencar (PSD) em seus quadros, da forma que foi em 2010, quando saiu candidato a vice do então governador Jaques Wagner. Em entrevista, o parlamentar explicou que, àquela altura, devia lealdade a Antônio Carlos Magalhães. Como ACM já não estava mais vivo, Otto aceitou a disputa.


    Caminhos


    Ainda segundo Otto: “Se em 2010, quando Wagner me convidou para ser convidado a vice com ele, e Antônio Carlos estivesse vivo, eu não aceitaria, porque eu só devia satisfações a Antônio Carlos”, disse. Depois de 20 anos, ao lado de ACM, Otto fechou seu ciclo no carlismo para atuar no Tribunal de Contas dos Municípios, em 2004. Três anos depois, em 2007, ACM faleceu. Naquela época, ele lembrou que todos os seguidores do político seguiram um caminho, e não seria diferente com ele.



  • 06/05/2020


    07.05.2020 10h07m
    Recomendar

    Sobe - Voluntários que servem lanches para pessoas que estão nas filas da Caixa Econômica em busca do auxílio emergencial.


    Desce - O alto índice de homicídios em Feira de Santana, mesmo em tempo de isolamento social.


    Ônibus


    O vereador Zé Filé (PSD) criticou a redução da frota de ônibus nos bairros da cidade. “Tinha um micro-ônibus rodando na Gabriela, tiraram e agora tem só o ônibus do Jardim Cruzeiro para atender aos dois bairros. Secretário, o senhor está abusando da autoridade e ainda quer perseguir o ligeirinho. Como querem conter o ligeirinho se não tem ônibus suficiente e eficiente para atender à população?”, disse.


    Wagner


    O senador Jaques Wagner (PT) voltou a criticar o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido). Em seu perfil no Instagram, o petista afirmou que “ao produzir crises institucionais diárias e acenar constantemente para o autoritarismo, o presidente fragiliza cada vez mais a nossa democracia”.


    Fraude


    O juiz José Vidal Silva Neto deu 5 dias para que o presidente Jair Bolsonaro apresente as supostas provas de eventual fraude nas eleições de 2018. O despacho foi feito nessa segunda-feira (4).


    Repercussão

     

    O presidente Jair Bolsonaro é o terceiro líder mais citado do G7 na cobertura sobre o coronavírus na mídia internacional, segundo análise do Sistema Analítico Bites. No período de 1º de março a 4 de maio de 2020, o mandatário brasileiro ficou atrás apenas de Donald Trump (Estados Unidos) e Boris Johnson (Reino Unido).


    PSOL


    Sempre que possível o Psol tentará nacionalizar as discussões nas eleições municipais de 2020 e “criar uma clivagem muito clara e evidente entre quem apoia e quem é contra o governo Bolsonaro”. As declaração foram feitas pelo o presidente do partido, Juliano Medeiros.


    Ajuda


    O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) defendeu a aprovação da proposta de ajuda aos entes federados durante a pandemia do novo coronavírus, como veio do Senado com apenas duas emendas de redação. “Se ficarmos nesse ping-pong os prejudicados serão os brasileiros que precisam do atendimento de estados e municípios”, disse.


    Louças


    O Senado pretende gastar R$ 355 mil com pratos, xícaras e bandejas refinados, segundo a coluna de Guilherme Amado, da revista Época. O pregão eletrônico será hoje (6). O contrato valerá por um ano. De acordo com a publicação, as louças, de porcelana fina e cor branco esmaltado, devem ter a marca do Senado em “dourado e alto brilho”.


    Regina Duarte


    Secretária da Cultura do governo Bolsonaro desde o início de março, a atriz Regina Duarte mostrou preocupação quanto a sua permanência no cargo em conversa com uma assessora. A revista Crusoé teve acesso ao diálogo. Nele, Regina diz que o presidente Jair Bolsonaro está lhe dispensando após reconduzir Dante Mantovani à Presidência da Funarte.



  • 05/05/2020


    07.05.2020 10h00m
    Recomendar

    Sobe - Feira de Santana por ter sido elogiada pela grande imprensa e pelo prefeito da maior cidade da América Latina como exemplo de gestão na crise da covid-19.


    Desce - Populares que ignoram o uso de máscaras ao saírem de suas residências.


    Luiz da Feira


    O vereador Luiz Feira (PROS) denunciou a agressão que um vendedor ambulante sofreu, na última quinta-feira (30), de um fiscal que prestava serviço a SETTDEC. Ele explicou que o ambulante estava na fila de uma agência da Caixa Econômica Federal, esperando para receber o auxílio emergencial do governo, quando foi agredido. Ele chamou à atenção do titular da SETTDEC, Antônio Carlos Borges Júnior, e do prefeito Colbert Martins para ação do fiscal.


    Humildes


    O vereador Fabiano da Van (MDB), falou sobre o projeto “Humildes contra o Coronavírus”, que instalou pias em alguns pontos do distrito, como medida de combate ao coronavírus. Ele explicou que o projeto idealizado por Renilton Lima Gomes, em parceria com o seu mandato, contou com a colaboração de amigos, voluntários e empresários locais. Cinco tambores com lavatórios instalados foram colocados em locais que concentram maior fluxo de pessoas.


    Pimentel


    Diante das manifestações contra Sergio Moro deste fim de semana, a deputada federal ex-bolsonarista Dayane Pimentel (PSL) compartilhou uma mensagem em que afirma que o PT e Luiz Inácio Lula da Silva estão apoiando Bolsonaro ao lado de traficantes e ladrões.


    Centrão


    “Um domingo como outro qualquer”. Foi assim que a nova participação de Bolsonaro em ato antidemocrático, que culminou em agressão a jornalistas, foi vista por políticos do centrão. O grupo político é o novo aliado de Bolsonaro e está prestes a receber um lote de cargos públicos.


    Contradição


    O ministro da Saúde, Nelson Teich, afirmou que o distanciamento social segue como política oficial do governo federal para enfrentar a pandemia do novo coronavírus. A declaração, dada ontem (4), vem um dia após o presidente Jair Bolsonaro voltar a estimular aglomerações.


    Reprovação


    O percentual dos que veem como positivo o papel que o presidente Jair Bolsonaro tem desempenhado no combate à pandemia de coronavírus caiu para 23%, ao mesmo tempo que aumentou o temor com a Covid-19, que já infectou mais de 101 mil pessoas no Brasil e matou mais de 7 mil, mostrou pesquisa XP/Ipespe divulgada ontem (4).


    120 bilhões


    O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) indicou, em entrevista coletiva, que o texto do socorro de R$ 120 bilhões aprovado pelo Senado no último sábado (2), não deve sofrer alterações dos deputados na votação de segunda-feira (4). De acordo com Maia, há uma divergência sobre a regra de distribuição.


    Mudanças


    O governo trocou o responsável por comandar a Secretaria de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde. Após a exoneração de Denizar Viana do cargo, Antônio Carlos Campos de Carvalho foi anunciado em seu lugar. É o segundo nome confirmado na equipe do ministro da Saúde, que até então só tinha oficializado o general Eduardo Pazuello como secretário-executivo.



  • 02/05/2020


    04.05.2020 15h22m
    Recomendar

    Sobe - Câmara e Senado que apresentarão pacote de 120 bilhões para ajudar estados e municípios.


    Desce - Bolsonaro que contraria consenso científico e diz que isolamento foi inútil contra Covid-19.


    Gripezinha


    Em Porto Alegre, na visita de quinta pela manhã, o presidente Bolsonaro começou a admitir que se contraiu o coronavírus foi de forma fraca que ele nem sentiu. Mais fracos que o forte Bolsonaro, 23 pessoas da sua comitiva que viajaram juntos, deram positivo. Bolsonaro então, parece ser a raça pura defendida por Hitler.


    Falso


    O ex-ministro Sérgio Moro não gostou que o presidente o chamasse de mentiroso em um dos seus pronunciamentos e disparou: “Apresentei única e exclusivamente porque no pronunciamento do presidente ele afirmou falsamente que eu estava mentindo. Embora eu tenha um grande respeito pelo presidente, não posso admitir que ele me chame de mentiroso publicamente”, disse justificando que só apresentou as falas à imprensa porque o presidente apresentou uma versão falsa.


    Esperança


    Pré-candidatos a vereador de diversos partidos contam como certa, a possibilidade de eleger dois vereadores em suas chapas. Serão vinte e cinco partidos que apresentarão lista de candidatos para disputar o próximo pleito. Seguramente, dez deles não terão a mínima possibilidade de fazer.


    Vagas


    As informações, até o momento, sobre a composição de chapas indicam que nenhum dos partidos terão condições de eleger três vereadores. A única possibilidade é que as duas agremiações que podem chegar a quatro vagas tenham um deslize, com a possibilidade do potencial do voto de legenda, e um deles diminuir para três.


    Candidatos


    Depois de se especular que Feira de Santana poderia ter até mais de dez candidatos a prefeito, o novo cenário apresenta agora uma outra realidade, e Feira poderá ter oito candidatos, e os partidos que o representarão são: PT, MDB, DEM, Podemos, Republicanos, PSB, PSOL e NOVO.


    Depoimento


    O decano do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Celso de Mello, determinou na quinta-feira (30), que o ex-ministro da Justiça Sérgio Moro preste depoimento em um prazo de 5 dias para esclarecer as acusações feitas contra o presidente Jair Bolsonaro. O ministro havia fixado inicialmente um prazo de 60 dias para a oitiva.


    Salários


    O governador Rui Costa (PT) afirmou na sexta-feira (1º), que o Governo do Estado terá condições de pagar os salários dos servidores estaduais nos próximos meses durante a pandemia do coronavírus. O petista ressaltou que as contas do Estado estão equilibradas.


    Colapso


    A pergunta sobre onde os governadores estão comprando respiradores fora do Brasil, feita pelo ministro Nelson Teich em reunião na quarta (29), foi interpretada pelos gestores como a senha de que o colapso bate à porta. Segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, os chefes dos Executivos estaduais também perceberam que não há sinal de que o governo federal tenha planejamento algum para mudar o cenário diante da pandemia que já matou quase 6.000 pessoas no país.



  • 01/05/2020


    04.05.2020 15h17m
    Recomendar

    Sobe - STF que derrubou restrições à Lei de Acesso à Informação previstas em MP editada por Bolsonaro.


    Desce - Grande maioria da população em Feira, que teima em deslocamentos e aglomerações sem atender aos requisitos de segurança.


    Achatamento da curva


    O prefeito Colbert Martins (MDB) avaliou que o número de casos da Covid-19 em Feira de Santana está abaixo do esperado, por isso se fala em “achatamento da curva” de contágio. “Estamos com 54 dias após o registro do primeiro caso da Bahia e do interior do Nordeste e temos 86 casos. Temos um número reduzido ao esperado, e temos um certo controle. Estamos um pouco abaixo”, informa.


    Apoio


    Os vereadores da Câmara Municipal têm solicitado apoio a algumas classes de trabalhadores, sobre isso, o prefeito Colbert Martins (MDB) lembrou que os 21 vereadores ainda tem um valor para emenda impositiva. “Já que eles estão fazendo essas sugestões, eles podem indicar a emenda impositiva”, afirmou.


    Novo Líder


    Com a saída de Pablo Roberto (DEM) da Câmara Municipal para assumir a Secretaria de Desenvolvimento Social, a liderança da maioria agora fica com o vereador Cadmiel Pereira (DEM). A maioria na Câmara Municipal conta com 19 dos 21 vereadores.


    Sinalização


    A Câmara Municipal de Feira de Santana aprovou, em segunda discussão, o projeto de autoria do vereador Isaías de Diogo (MDB) que dispõe sobre a instalação de placas de sinalização em braille no município, ficando disciplinado a colocação de placas de nomes de ruas, praças e logradouros públicos.


    PV


    De acordo com informações do site Bahia na Política, o PV - que tem como maior liderança o ex-deputado federal Sérgio Carneiro - deve eleger no pleito desse ano, dois vereadores. Já para prefeito, o entendimento ainda é de apoio a Frente Progressista e Democrática que é liderada pelo PSB.


    Presidente assassino


    O senador Jaques Wagner (PT) disse que o Brasil não “precisa de nenhum milagre” do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido). Segundo o petista, o Brasil precisa que o presidente “tenha juízo” e respeite a ciência. “Que ele respeite a ciência, os médicos, os sanitaristas, ajude municípios e estados a fazer com que o povo vença essa briga contra a pandemia. Caso contrário, ele está concorrendo ao título de presidente assassino”, ressaltou.


    Fake News


    O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), rejeitou uma ação apresentada pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para impedir a prorrogação da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) das Fake News, em funcionamento no Congresso Nacional.


    Pegador com corona


    O filho 04 de Bolsonaro, Renan, fez graça sobre a Covid-19 e classificou a doença como “gripezinha”. “Pô, que pandemia, malandro? Isso é história aí da mídia, para trancar você em casa, para achar que o mundo está acabando. Pô, é só uma gripezinha, irmão, vai tomar no c… Peguei, passou. Prefiro morrer tossindo do que morrer transando”, diz o filho de Bolsonaro na gravação.



  • 30/04/2020


    04.05.2020 15h11m
    Recomendar

    Sobe - Ministro Alexandre Morais pela suspenção da posse de amigo pessoal de presidente, na Polícia Federal.


    Desce - Presidente Bolsonaro ao fazer descaso das mortes pelo coronavírus. “E daí?”.


    Violência


    O vereador Eli Ribeiro (Republicanos), falou sobre o aumento da violência na cidade durante a pandemia da Covid-19. “Devido a Covid-19, as pessoas esqueceram um pouco do que tem acontecido, em Feira de Santana, em relação a violência. Recebi do jornalista Danilo Guerra, do Professor Repórter, os dados e vou passar o que tem acontecido”, disse. De acordo com as informações lidas pelo parlamentar, até o dia 27 deste mês foram contabilizados 32 homicídios no município.


    Irmão Lázaro


    O deputado federal José Rocha (PL) afirmou que uma pré-candidatura do partido a prefeito de Salvador só depende do também ex-deputado federal Irmão Lázaro. Para Rocha, Irmão Lázaro reúne “todas as chances” para disputar o segundo turno nas eleições municipais. “Defendo que ele seja o pré-candidato do PL a prefeito da capital. Ele foi um excelente deputado federal, um grande artista, cantor, teve excelente votação para senador. Ele pode impulsionar essas eleições, só depende dele. Estamos evoluindo”, disse.


    Tourinho


    O vereador Roberto Tourinho (PSB) solicitou que a Comissão de Direitos Humanos escute as declarações e defenda o guarda municipal, Osvaldo Cruz, das ameaças e perseguições relatadas pelo servidor em suas mídias sociais. De acordo com Tourinho, o servidor denunciou que, “em decorrência de também ser um profissional da imprensa, possuir um blog e fazer críticas e denúncias da administração municipal, está, não apenas sendo perseguido na sua atividade profissional, como também, correndo risco de vida por estar contrariando através dos seus artigos e matérias”.


    Cestas básicas


    O vereador Edvaldo Lima (MDB) informou que já enviou a Prefeitura de Feira de Santana ofício solicitando a doação de cestas básicas para os motoristas de táxis do município, que tiveram a atividade laboral impactada pela Covid-19. “Ontem, solicitei na tribuna ao nobre prefeito Colbert Martins que pudesse atender nossos irmãos, desta categoria ímpar para Feira de Santana, os taxistas. E já encaminhei ofício para que ele possa atender a categoria com cestas básicas e também vendo condições de auxiliar com uma linha de crédito para categoria, para que eles tenham a dignidade reestabelecida”, explicou.


    Imprimir dinheiro


    O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) defendeu que o Banco Central (BC) imprima dinheiro durante a crise do novo coronavírus. “Sou favorável que o Brasil possa rodar dinheiro, aumentar a massa monetária do país para que as pessoas tenham como sobreviver”, disse, e explicou que a intenção, segundo ele, é dar às pessoas a oportunidade de ter dinheiro para ficar em casa durante a pandemia do novo coronavírus.


    Autonomia


    O senador cearense Eduardo Girão (CE) quer criar mandato para o cargo de diretor-geral da polícia federal, informa a Agência Senado. Em pronunciamento durante a sessão virtual de terça-feira (28), o parlamentar informou que vai formular uma PEC determinando que o comando da corporação seja decidido por uma lista tríplice formulada pelos policiais federais.


    Café da manhã


    O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) recebeu pouco mais de 20 deputados e ministros para um café da manhã, no Palácio do Alvorada, na quarta-feira (29). A informação é da coluna de Guilherme Amado, da revista Época. De acordo com a publicação, o presidente estava sem máscaras e não manteve distância dos parlamentares.


    Fies


    O plenário da Câmara concluiu na última terça-feira (28), a votação do projeto de lei que suspende os pagamentos devidos pelos estudantes ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) durante a vigência do estado de calamidade pública decretado por causa da pandemia da covid-19. A matéria segue para o Senado.



  • 29/04/2020


    04.05.2020 14h52m
    Recomendar

    Sobe - Câmara de Vereadores por doar 10 mil máscaras para o combate ao Coronavírus em Feira de Santana.


    Desce - O índice de homicídios em Feira, que segue em alta, mesmo em período de isolamento social.


    Coleiras


    Na manhã de ontem (28), o clima esquentou na Câmara de Vereadores. Após uma fala no pronunciamento do vereador Roberto Tourinho (PSB), fazendo uma rápida retrospectiva comparando políticos de Feira de Santana se referiu a alguns parlamentares da Casa sem citar nomes disse: “mudam-se as coleiras, mas os cachorros continuam os mesmos”. O comentário repercutiu a manhã inteira.


    Repúdio


    O vereador Cadmiel Pereira (DEM) se pronunciou: “Sou Cadmiel Pereira, tenho RG e formação. Quem não sabe ter vida pública e respeito público não deve entrar na atividade parlamentar, independentemente de formação. Não devemos nos julgar melhor que os outros. Quem sou eu para desrespeitar qualquer dos colegas que aqui estão? Quem sou eu para desqualificar alguém por posição política? A Constituição Federal não permite afronta de valores e sim de ideias. As palavras são espelho público para o sentimento da alma. Quem nasceu na Casa Grande e não conhece a senzala nunca pode ser vereador”, pontuou Cadmiel.


    Cachorros


    O vereador Isaías de Diogo (MDB) também comentou: “Graças a Deus, cheguei a esta Casa em 2012 e digo que não tem animais aqui. Hoje, temos uma linguagem de respeito, não existem cachorros aqui dentro. As pessoas não votaram em animais e cada um defende o que acredita. Tenho aprendido com Tourinho, mas não posso concordar com o que ele fala. Não somos cachorros. Aqui temos que respeitar nossos colegas e esquecer o calor da emoção. Se fossemos animais estaríamos num zoológico, merecemos respeito. Se, na sua opinião Tourinho, o prefeito não está trabalhando diga isso com respeito. Estamos aqui trabalhando”, afirmou.


    Paciência


    O vereador Marcos Lima (DEM) também comentou a fala de Tourinho: “Quando cobramos o retorno das audiências com o prefeito e o mesmo pede para que tenhamos paciência, é porque precisamos levar as demandas da população ao conhecimento do Executivo. Isso não significa que não temos união; estamos firmes na unidade. Não agimos como Tourinho, que age com agressividade para com os colegas, que os chama de cachorros, usa termos inadequados. Independentemente de lado político, temos que respeitar os colegas e ajudar a população neste momento delicado que estamos vivenciando”, afirmou.


    Transparência


    O vereador Roberto Tourinho (PSB) solicitou que os investimentos na saúde municipal, realizados por meio de verbas estaduais e federais, sejam apresentados, de forma transparente, às demais autoridades e sociedade feirense. Segundo ele, a Prefeitura já recebeu mais de R$ 10 milhões em repasses do Governo Federal e Estadual destinados ao enfrentamento da pandemia causada pelo novo coronavírus.


    Abandono


    O vereador Roberto Tourinho (PSB) criticou o posicionamento da Prefeitura em meio à pandemia causada pelo novo coronavírus. De acordo com o parlamentar, o Governo Municipal “abandonou” o Centro de Abastecimento e a associação de comerciantes foi a responsável por adotar as medidas de higiene e prevenção à COVID-19. Ele disse estar entristecido com a forma pela qual a “administração municipal relega o entreposto comercial” e denunciou que o local encontra-se em situação de abandono, visto que, os vendedores e clientes lidam diariamente com o mau cheiro e a escuridão do local.


    Título Net


    Para os novos eleitores e aqueles que ainda pretendem realizar algum tipo de alteração cadastral no título de eleitor, o desembargador Jatahy Júnior destacou o uso do Título Net, sistema disponibilizado pela Justiça Eleitoral para cadastro e revisão de eleitores (casos específicos), pode ser acessado por meio do site do TRE baiano: www.tre-ba.jus.br. “A ferramenta Título Net nos ajudará bastante a atender esses eleitores restantes garantindo, mais uma vez, o cumprimento do calendário”, completou.


    Pressão


    Com apenas três meses no governo Jair Bolsonaro, a secretária Regina Duarte lida com a pressão de seus familiares para que deixe o posto. Isso foi intensificado depois da demissão de Sérgio Moro, do Ministério da Justiça e Segurança Pública, no fim da semana passada. A leitura feita por críticos é a de que o movimento “lavajatista” que apoiou o governo até aqui vai abandonar a base política junto com Moro.



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia