Em cima da hora:
Queda de energia em Brotas deixa serviço da Defesa Civil fora do ar
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 04/01/2018


    Sobe - Operação do Batalhão da Polícia Rodoviária Estadual por contribuir na redução de acidentes nas estradas baianas


    Desce - A presidência do TRE Bahia por falta de planejamento estratégico no recadastramento biométrico e prejudica eleitores que poderão ficar sem títulos

     

    Caminha pró Lula


    O PT baiano e movimentos sociais aproveitarão o próximo dia 11, data da Lavagem do Bonfim, uma das festas religiosas mais tradicionais da Bahia, para fazer um ato político contra o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4). Segundo o presidente estadual da sigla, Everaldo Anunciação, será feita uma caminhada em defesa do direito de que o petista possa disputar as eleições de 2018. Caso a sentença condenatória do juiz Sergio Moro seja mantida pelo TRF-4, Lula pode ficar inelegível, já que seria enquadrado pela Lei da Ficha Limpa. Em entrevista ao Bahia Notícias, Anunciação também confirmou a criação de um comitê estadual para acompanhar o julgamento.


    Novo presidente


    A Agência Nacional de Cinema (Ancine) tem novo presidente, após quase um ano com cargo vago. Na terça-feira (2) o presidente Michel Temer elegeu Christian de Castro Oliveira para ocupar a função. Quem estava à frente da Ancine, como interina, era Débora Ivanov. A vaga de substituto ficou com Alex Braga Muniz, que também era cotado para a presidência, segundo a Veja.


    Veto


    Por recomendação do Ministério da Fazenda, o presidente Michel Temer avalia a possibilidade de vetar o parcelamento de débitos tributários (Refis) para micro e pequenas empresas. A sanção da lei que autoriza o parcelamento está ainda sob análise do Palácio do Planalto. A decisão deverá ser tomada na próxima sexta-feira, segundo apurou o Estadão/Broadcast. Contrária ao parcelamento, a Receita Federal encaminhou ao Planalto o argumento de que não há previsão de renúncia fiscal com o parcelamento, o que é vetado pela Lei de Responsabilidade Fiscal. O Refis para micro e pequenas empresas foi aprovado pelo Congresso em meio às negociações para a aprovação a reforma da Previdência.


    Subindo mais um degrau


    O prefeito ACM Neto deve ser escolhido novo presidente nacional do Democratas, durante convenção da legenda marcada para 6 de fevereiro. A informação é da Coluna Estadão, desta quarta-feira (3). Com isso, o senador Agripino Maia (RN) deixaria em definitivo a presidência do partido. Segundo ele, não há crise. "O clima é de entendimento e diálogo. Tudo será definido por consenso com integrantes do DEM", disse. O deputado José Carlos Aleluia, presidente do DEM na Bahia, disse que ainda não há nada certo, o que deve acontecer apenas no dia 6 de fevereiro.


    Negociações para vice


    O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), sinalizou a dirigentes partidários que está disposto a ceder sua vaga de vice na chapa presidencial e oferecer o apoio do partido a outras legendas, em troca de apoio. Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, ele se encontrou nas últimas semanas com líderes do DEM, do PP e do PTB - no caso do primeiro, ele demonstrou que pode deixar com o partido a definição de seu candidato à vice-presidente. O movimento representa uma tentativa de evitar o isolamento de sua candidatura e de dissolver o bloco partidário que apoia o presidente Michel Temer.


    Limites ampliados


    A Caixa Econômica Federal retomou nesta terça-feira (2) a linha de empréstimo imobiliário Pró-Cotista, uma das mais baratas praticadas do país, e que foi suspensa em junho do ano passado. O limite de financiamento para imóveis usados também foi ampliado de 50% para 70%, o que reduz a entrada de 50% para 30% nestes casos. O limite para unidades novas foi mantido em 80%. A linha pró-cotista perde apenas, em juros, para o programa Minha Casa Minha Vida. O Banco do Brasil também é o que oferece a linha pró-cotista. Para 2018, foi disponibilizado R$ 4 bilhões para a linha de empréstimo - no ano passado, foram R$ 6,1 bilhões.


    Inspeção urgente


    A presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármen Lúcia, determinou na terça-feira (2) que o Tribunal de Justiça do Estado de Goiás faça uma inspeção no prazo máximo de 48 horas na Colônia Agroindustrial do Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, na região metropolitana da capital, onde ocorreu uma rebelião na tarde desta segunda (1º). O motim deixou nove mortos e 99 presos estão foragidos. Segundo informações do Blog da Andréia Sadi, Cármen Lúcia encaminhou um ofício no qual pede o "envio urgente" ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) dos dados referentes aos fatos registrados no presídio e inspeção. 



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia