Facebook
Em cima da hora:
Baile Municipal de Bezerros vende ingressos para show de Araketu
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 09/01/2018


    Sobe - O poder de renovação do Reisado de Tiquaruçu ao propor encontro entre as diferentes gerações.


    Desce - Mais da metade dos servidores expulsos do governo federal em 2017 por terem praticado atos de corrupção.


    Huck recruta


    Não mais visto como presidenciável, o apresentador Luciano Huck afirmou que seu papel nas eleições deste ano será mais como recrutador de novos candidatos. Em entrevista ao programa Domingão do Faustão, o marido de Angélica disse que continuará mobilizando a geração, independentemente de ideologia (direita ou esquerda) e de partidos políticos. "Minha missão esse ano é tentar motivar as pessoas a que votem com muita consciência e que a gente traga os amigos que estão a fim para ocupar a política, senão não vai ter solução. Eu nunca, jamais, vou ser o salvador da Pátria, e o que vai acontecer na minha vida eu também não sei. Amo o que faço, amo estar todo sábado na televisão, gosto muito de estar com as pessoas e contar as histórias. O que o destino e o que Deus esperam para mim, vou deixar rolar", disse Huck, que ainda disse acreditar no Brasil.


    Comitê em Salvador


    A senadora Gleisi Hoffmann estará em Salvador na próxima quarta-feira (10) para a inauguração do Comitê Popular em Defesa da Democracia e do Direito de Lula ser Candidato, que será realizada às 18h no auditório do Teatro Jorge Amado, na Pituba. No dia seguinte, a congressista também participará do cortejo do Bonfim. "As atividades contarão com as presenças de outros partidos de esquerda e representantes de movimentos sociais da Bahia e do Brasil", afirma o presidente estadual do PT, Everaldo Anunciação. O comitê que será instalado coordenará a organização de caravanas que irão à capital do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, para acompanhar o julgamento do ex-presidente Lula no dia 24 de janeiro, quando será realizado um ato público.


    Esquema de Lúcio


    O dono da Propeg, Fernando Barros, poderia detalhar o esquema do deputado Lúcio Vieira Lima (MDB-BA) para proteger empresários de uma eventual delação do seu irmão, o ex-ministro Geddel Vieira Lima. A informação chegou na Procuradoria-Geral da República (PGR), de acordo com a coluna Radar Online, da Veja. O empresário, por sua vez, disse que não possui informações sobre Lúcio Vieira Lima, nem mesmo qualquer proximidade com o parlamentar.


    Saúde e educação perderam


    O fundo eleitoral bilionário criado para bancar as campanhas políticas com recursos públicos retirou R$ 472,3 milhões originalmente destinados pelos parlamentares para educação e saúde neste ano. Deputados federais e senadores, quando aprovaram a destinação de verbas para as eleições, haviam prometido poupar as duas áreas sociais de perdas. Levantamento feito pelo jornal O Estado de S. Paulo mostra que o fundo receberá R$ 121,8 milhões remanejados da educação e R$ 350,5 milhões da saúde. O valor corresponde à transferência de dinheiro das emendas de bancadas - que seria destinado a esses setores - para gastos com as campanhas eleitorais deste ano.


    Espaço no SBT


    O presidente Michel Temer gravará duas entrevistas no SBT, no próximo dia 18, para explicar a reforma da Previdência. A participação ocorrerá nos programas Silvio Santos e do Ratinho, após acerto no domingo (7) em um almoço na casa do empresário dono do SBT. De acordo com a coluna Painel, a visita servirá para o presidente emedebista esclarecer os pontos. "Eu não entendo o que vai ser votado. Quero que vocêvá lá e me explique. Se eu entender, o povo entende", teria dito Silvio. No almoço da família dona do SBT com Temer, também participaram o ministro Moreira Franco e o deputado Fábio Faria (PSD-RN), genro do apresentador.


    Sugeriu agenda


    O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), acredita que o ministro da Fazenda e possível candidato à Presidência da República, Henrique Meirelles (PSD), deveria apresentar à sociedade uma agenda que avance além da reforma da Previdência. "Na minha opinião, a agenda do ministro Meirelles, e não estou aqui querendo criticar... Ela comete (um erro), do meu ponto de vista, e já disse (isso) a alguns assessores dele. Ela vai só na primeira parte do processo. A sociedade quer saber como você faz a segunda", disse o deputado, em entrevista ao programa Canal Livre, da TV Bandeirantes.


    Patrimônios multiplicados


    O deputado federal e pré-candidato à Presidência, Jair Bolsonaro (PSC), e seus três filhos com mandato parlamentar tiveram patrimônio multiplicado depois que entraram na política. Os quatro são donos de 13 imóveis com preço de mercado de pelo menos R$ 15 milhões, a maioria em áreas valorizadas do Rio de Janeiro, como Copacabana, Barra da Tijuca e Urca. Os bens incluem ainda carros que variam entre R$ 45 mil e R$ 105 mil, um jet-ski e aplicações financeiras que totalizam R$ 1,7 milhão. Os dados foram levantados pela Folha na Justiça eleitoral e em cartórios.  



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia