Corrida Kids
Facebook
Em cima da hora:
Projeto contra corrupção do MPF já coletou mais 31 mil assinaturas na PB
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 29/03/2018


    Sobe - Mototaxistas, por conseguirem o tão sonhado alvará de funcionamento, em Feira de Santana.


    Desce - Ex-prefeito de Coração de Maria, por ter contas de convênio rejeitadas e ter que devolver R$ 588 mil aos cofres públicos.


    Ponto Facultativo


    O Presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana, José Carneiro Rocha (PSDB), considerando o período da Semana Santa, estabeleceu, através da Portaria nº 262/2018, ponto facultativo na repartição nesta quinta-feira (29). As atividades do Legislativo feirense serão retomadas na próxima segunda-feira (02 de abril).


    Comemorou homenagem a guarda


    Edvaldo Lima parabenizou o prefeito José Ronaldo de Carvalho, pelo anúncio da construção da sede da Guarda Municipal de Feira de Santana. O equipamento receberá o nome do ex-comandante da Guarda Municipal, Marcos Vinícius Alves, assassinado no dia 02 de maio de 2014. "No dia 03 de maio de 2017 cobrei uma homenagem para esse guerreiro, que morreu exercendo o seu papel de defensor da sociedade. Solicitei a construção de um monumento ou que nomeasse uma praça como forma de homenagem. Mas, o nosso prefeito fez mais que isso, irá construir a sede que levará o nome do nosso querido guerreiro Marcos Vinícius Alves", agradeceu.

     

    Rebateu críticas


    Zé Filé rebateu às críticas do vereador Cadmiel Pereira (PSC) sobre o atraso de quatro anos nas obras da Lagoa Grande. Segundo Cadmiel, o Governo do Estado já gastou R$ 68 milhões e está longe de concluir as obras. Para Zé Filé, "o Governo do Estado só perde para o Governo Municipal quando se trata de obras inacabadas". "O que dizer de um governo que demora cinco para construir uma quadra poliesportiva? Eu estou pedindo há muito tempo por uma limpeza do córrego do Feira X. O prefeito prometeu uma reforma na escola do bairro Nova Esperança e até hoje não voltou lá. Os vereadores não têm respaldo para cobrar do Governo do Estado, pois o Governo Municipal também leva anos para concluir uma obra, lamentavelmente os dois estão brincando com o dinheiro do povo. Quem tem direito de cobrar do governo estadual sou eu, porque não defendo o governo do município", finalizou.


    Parabenizou instituições centenárias


    Roberto Tourinho continuou a tratar sobre as instituições seculares de Feira de Santana. O edil lembrou que o Azilo Nossa Senhora de Lurdes e a Santa Casa de Misericórdia completam mais de 100 anos de existência neste mês de março. "Durante todo esse tempo o Azilo tem se preocupado em assistir crianças carentes do sexo feminino em regime de internado, onde inúmeras receberam orientação religiosa, familiar e hoje são mães de família e profissionais inseridas na sociedade. Por isso, honro e parabenizo o trabalho que a direção dele faz aqui em Feira. Vale lembrar que é gerido pelas Irmãs Sacramentinas, ligadas à Igreja Católica, que participam ativamente do progresso e desenvolvimento da cidade", pontuou Tourinho.


    Discussão do autismo


    A Câmara Municipal de Feira de Santana aprovou, em votação única e por unanimidade dos presentes, na quarta-feira (28), o Requerimento de nº 075/2018, de autoria do vereador Cadmiel Pereira, que solicita do Legislativo feirense convocação de sessão especial, para o dia 05 de abril (quinta-feira), às 09 horas, com a finalidade de discutir com a sociedade civil, juntamente com os órgãos competentes e afins, questões pertinentes ao autismo, em alusão a Semana de Conscientização ao Autismo. De acordo com o edil, os palestrantes do evento supracitado serão Cíntia Souza de Almeida, presidente do Instituto Família Azul; Ildes Ferreira de Oliveira, secretária municipal de Desenvolvimento Social; Jayana Ribeiro, secretário municipal de Educação; e Denise Mascarenhas, secretária municipal de Saúde.


    Concursos e eleições


    Marcos Lima tratou do concurso da Polícia Militar da Bahia, PL para destinação de recursos da Embasa e eleições de 2018. "Alguns candidatos que fizeram o concurso não tiveram suas provas corrigidas. Um grupo já foi à Assembleia, outro já procurou o governador e o que conversou com Rui Costa ouviu dele a promessa de que o problema será solucionado, mas até agora nada as provas não foram corrigidas e percebemos que, tanto os candidatos quanto a PM precisam de mais soldados. Fica registrado aqui nosso pedido", solicitou Marcos. Ainda no uso da tribuna, Marcos informou que está estudando a criação de um Projeto de Lei, que visa investir em Feira de Santana cerca de 50% a 60% dos recursos arrecadados mensalmente pela Embasa na cidade. 



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia