Facebook
Em cima da hora:
GM investe US$ 500 milhões em rival do Uber
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 27/04/2018


    Sobe - A SUDENE por acreditar e investir no Plano de Desenvolvimento Econômico de Feira de Santana.


    Desce - Torcidas organizadas do Flu de Feira, por serem suspensas pela Justiça Desportiva, de assistirem jogo do time.


    Pedido familiar


    O vice-governador, João Leão (PP), revelou durante a inauguração da Estação do Aeroporto, realizada na quinta-feira (26), que foi influenciado por pedidos de sua família para que ele não concorresse à Senador, na chapa do governador Rui Costa. “Foi a primeira-dama e Felipão (seu filho), que me mantiveram no cargo de vice. Felipão me disse: ‘meu pai, você não pode ir para Brasília’”, afirmou Leão durante o evento. Leão estava sendo cotado tanto para o cargo de vice como o de Senador na chapa de Rui Costa, mas preferiu concorrer pelo cargo atual.

     

    Novo recurso contra Cunha


    Um terceiro recurso foi interposto pela defesa do ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, na noite desta quarta-feira (25), no Tribunal Regional da 4ª Região (TRF-4) contra a sentença que o condenou na Operação Lava Jato. Os chamados “embargos infringentes” foram utilizados, quando se contesta decisões que não são unânimes. Cunha foi condenado a 15 anos e 4 meses em primeira instância, pelo juiz Sérgio Moro, por lavagem de dinheiro, corrupção passiva e evasão de divisas. O TRF-4 deduziu a pena para 14 anos e 6 meses no mesmo caso, que investigou uma negociação para exploração de um campo de petróleo na República de Benin pela Petrobras.


    Bahia perde para o Rio


    Um projeto de lei que remaneja R$ 4,2 bilhões de investimentos gerais dos estados brasileiros para ampliar os recursos para a Segurança Pública foi aprovado nesta quarta-feira (25), pela bancada governista do presidente Michel Temer. Para que esse remanejamento seja realizado, diversos cortes em áreas importantes como saúde e educação tiveram que ser realizados. A maior parte do dinheiro “recrutado” para a Segurança Pública será utilizado para bancar a intervenção federal no Rio de Janeiro. Com isso, a Bahia perdeu R$ 212,4 milhões de investimentos federais previstos para este ano.


    Palocci assina delação


    Após meses de negociação, o ex-ministro Antonio Palocci firmou um acordo de delação premiada com a Polícia Federal (PF). Com o avanço do processo nos últimos dias, os investigadores fixaram as bases dos benefícios que serão concedidos a Palocci e concluíram a fase de depoimentos. A colaboração, no entanto, ainda não foi homologada pela Justiça. Além de ministro da Fazenda no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e de ministro da Casa Civil no governo de Dilma Rousseff (PT), Palocci é um dos fundadores do PT e foi prefeito de Ribeirão Preto.


    Mudanças na Coelba


    A Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) aprovou em sessão na terça-feira (24), um projeto de lei de autoria do presidente da Casa, deputado Ângelo Coronel (PSD), que obriga a Coelba a tornar subterrânea toda sua rede elétrica no estado. Apesar de reclamações da empresa, que ameaçou subir a tarifa cobrada dos consumidores, o social-democrata não fez mudanças na proposta e, com isso, o projeto foi votado na forma original. De acordo com o texto, a concessionária terá prazo de cinco anos para concluir o processo em Salvador e de dez no interior do estado.


    Regalias em dúvidas


    Quase 20 dias depois de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ser preso, o governo ainda não decidiu o que fazer com os assessores a que ele tem direito como ex-presidente da República, de acordo com a Coluna do Estadão. A tendência é manter os secretários pessoais e dispensar os quatro seguranças. O petista terá de devolver os dois carros oficiais. Desde a prisão, o cartão combustível não foi usado.


    PTB pode decidir hoje


    O PTB vai se reunir nesta sexta-feira (27), com os pré-candidatos da oposição ao governo do Estado para decidir de quem será o apoio da sigla por aqui. Após cumprir agenda em Brasília, o deputado federal Benito Gama, vice-presidente nacional e presidente estadual do partido, disse que irá sentar com os candidatos nesta semana. As reuniões, que podem se converter em apoio e reforçar as candidaturas de José Ronaldo (DEM) ou de João Gualberto (PSDB) nas eleições estaduais, acontecem depois da última convenção nacional do PTB, realizada no sábado (21). 



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia