PMFS Arraia
Em cima da hora:
População detém suspeito de roubar menor no Centro de São Carlos, SP
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 08/05/2018


    Sobe - O Flu de Feira, por ser o melhor entre os vice-líderes na Série D do Campeonato Brasileiro.


    Desce - STF por reduzir exclusão do foro privilegiado a deputados e senadores.


    Cobrou junta médica para Feira


    Repercutindo a matéria “Falta de Junta Médica poderá dificultar processo de habilitação de deficientes”, publicada na edição de domingo (06), do jornal Folha do Estado, o vereador Roberto Tourinho (PV), durante discurso na tribuna da Casa da Cidadania, ontem (07), cobrou providências por parte do Governo do Estado no sentido de viabilizar o atendimento aos portadores de deficiência física que precisam tirar a primeira Carteira Nacional de Habilitação (CNH) ou renovar o documento. Criticando as dificuldades enfrentadas pelos candidatos e condutores para concluir o processo de habilitação em Feira de Santana, o edil lamentou a realidade. “Fui procurado por cadeirantes que= reclamaram da falta de junta médica nesta cidade, para tirarem ou renovarem a Carteira de Habilitação. É lamentável que, em um município onde existem políticas propositivas de apoio às pessoas com deficiência, existam tantas dificuldades para concluir um processo de habilitação”, criticou.


    Flu de Feira


    Um grupo de conselheiros e ex-diretores do Flu de Feira convidaram o advogado Hércules Oliveira, ex-presidente para se candidatar a um novo mandato encabeçando uma nova diretoria do clube na próxima eleição.


    Preocupado com H1N1


    O vereador Isaias de Diogo revelou preocupação com o surgimento de pacientes com suspeita de gripe H1N1, nas unidades de saúde do município de Feira de Santana. O edil, alertando a população para a gravidade da doença, criticou a falta de leitos em unidades especializadas para o tratamento dos pacientes. “Tive conhecimento de dois casos suspeitos de gripe H1N1. Um paciente está na Policlínica do Feira X e outro na UPA do Clériston Andrade. Várias pessoas estão sendo infectadas pelos vírus dessa gripe e precisam ser tratadas em unidades especializadas, mas o sistema de Regulação do SUS dificulta a transferência desses pacientes que estão nas UPAs e nas policlínicas sem terem o tratamento necessário para combater a doença”, reclamou.


    Criticou transferência de CIPM


    A transferência da sede da 67ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), da avenida João Durval Carneiro para o conjunto Fraternidade, foi tema do discurso do vereador Ewerton Carneiro - Tom, na sessão de ontem (07), na Câmara Municipal de Feira de Santana. Para o edil, a mudança, anunciada pelo deputado estadual e líder do governo Zé Neto (PT), compromete a segurança pública da população e dos policiais militares. “O líder do governo, deputado Zé Neto informou que a sede da 67ª CIPM vai sair da Avenida João Durval e vai para um imóvel na divisa Feira/São Gonçalo dos Campos. Estamos vivendo um caos na segurança pública, fui procurado por colegas policiais militares reclamando da segurança da Companhia com essa transferência para aquela área. Quero saber quem foi o inteligente que fez esse estudo para transferir a sede daquela Companhia”, criticou.


    Defendeu readmissão de funcionários


    O vereador Marcos Lima repercutiu a decisão do Ministério Público do Trabalho (MPT), que determina a readmissão dos 1.700 funcionários da Empresa Baiana de Alimentos (Ebal) demitidos em 2014. Para o vereador, o Governo do Estado não irá acatar a ordem judicial. “O governador Rui Costa não se importa com a Bahia, ele deixou 1.700 pessoas sem emprego, sem ter o que comer. O desemprego é só mais uma das proezas de Rui Costa, sem contar a saúde e a segurança pública que gritam por socorro. A Bahia nunca esteve tão abandonada como está agora. Duvido muito que o govenador irá readmitir esses funcionários e não será a primeira vez que ele desobedece a justiça. Deixo aqui a minha indignação com o governo que só despreza o nosso estado”, finalizou.


    Campanha da Fraternidade 2018


    Cadmiel Pereira parabenizou a Câmara, pela realização audiência pública, na última quinta-feira (03), para discutir a abrangência da Campanha da Fraternidade 2018, que tem como tema “Fraternidade e Superação da Violência”. O edil lembrou que esta é a sétima vez que a Igreja Católica discute a violência na referida campanha e revelou preocupação com os dados referentes à violência apresentados pelo Arcebispo Metropolitano de Feira de Santana, Dom Zanoni Demettino Castro. “Os dados deixam qualquer um em pânico. Dom Zanoni demonstrou em números a realidade preocupante da segurança pública do Brasil. A Bahia é o 5º estado mais violento do país. O Arcebispo trouxe para esta Casa a preocupação com a violência que está assolando o mundo”, afirmou.


    Comemorou chegada das chuvas


    Luiz da Feira (PPL), no uso da tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana, na sessão ordinária de ontem (07), comemorou a chegada do período de chuvas em Feira de Santana e região. O edil destacou a satisfação dos moradores da zona rural, que já iniciaram o plantio se sementes com grandes expectativas para a colheita. “Chuva é motivo para comemoração, principalmente para o homem do campo. Com certeza, os trabalhadores dos nossos distritos estão todos felizes na certeza de que esse ano teremos uma boa colheita com muita fartura”, disse. 



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia