Em cima da hora:
Motociclista fica ferido após bater de frente com ônibus em Ribeirão Preto
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 23/05/2018


    Pediu palanque


    O PSL está prestes a desistir da sua candidatura própria ao governo do estado e partir para um novo plano na Bahia. A legenda, que já havia apresentado o advogado Wank Medrado como pré-candidato ao Palácio de Ondina, fala agora em unir forças com o bloco de oposição encabeçado por José Ronaldo (DEM) ou João Gualberto (PSDB) em troca de um palanque para Bolsonaro no estado. “Nós sabemos que a mídia só abre espaço para os grandes partidos. A gente quer posições de poder para levar o nome de Jair Bolsonaro (PSL) para dentro da Bahia”, discursou a presidente do PSL baiano, a professora Dayane Pimentel.


    Se entregou


    Após a 13ª Vara Federal de Curitiba determinar a prisão do ex-tesoureiro do PP, João Claudio Genu, ele se entregou a polícia na segunda-feira (21). Genu está no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, para cumprir a pena de nove anos e quatro meses. No ano passado, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) aumentou a pena dada pelo juiz Sérgio Moro, de oito anos e oito meses de prisão, pelos crimes de corrupção passiva e associação criminosa no âmbito da Operação Lava Jato.


    Biometria em presos


    O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) firmou um acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) para permitir o voto de presos provisórios e adolescentes internados em estabelecimentos do estado. O documento foi assinado pelo Presidente do TJ-BA, desembargador Gesivaldo Britto, e pelo Presidente do TRE-BA, desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano. O TRE-BA realizou a biometria de aproximadamente 400 presos provisórios e menores infratores, na Fundac, na Comunidade de Atendimento Socioeducativo de Salvador (Case), no Presídio Feminino, no Presídio de Segurança Máxima e na Cadeia Pública. Ações também foram feitas no interior, a exemplo de Feira de Santana.


    Lista de repasses


    O ex-diretor da empresa Desenvolvimento Rodoviário (Dersa), de São Paulo, tido como operador do PSDB, Paulo Vieira de Souza, conhecido como Paulo Preto, afirmou ter uma lista com repasses para pelo menos 90 políticos, a maioria do PSDB, que foram candidatos em eleições passadas. De acordo com a colunista Mônica Bergamo, o engenheiro pensou em fazer delação quando ficou preso e teria desistido quando foi solto, no dia 11.


    Candidatura própria

     

    Em meio às conversas que podem colocar o empresário Josué Alencar (PR) como candidato à Presidência da República, a bancada do partido na Câmara fará no próximo dia 29 uma reunião na qual, a depender do resultado, deve ensejar a construção da participação dele na disputa eleitoral. De acordo com o líder da sigla na Casa, deputado federal Zé Rocha (BA), o encontro não servirá apenas para que ele exponha suas ideias em relação ao Brasil, mas também quais suas pretensões futuras na política.


    PDT reivindica suplência


    Se PCdoB e PR pretendem se digladiar pelas vagas de suplência ao Senado na chapa majoritária do governador Rui Costa, acabaram de ganhar mais um oponente. Após abrir mão de espaço na majoritária e anunciar apoio a Ângelo Coronel (PSD) na disputa por uma vaga ao Senado na chapa da candidatura à reeleição de Rui Costa (PT), o PDT quer manter a suplência para a Casa Alta do Congresso Nacional. Em entrevista ao Bahia Notícias, o presidente estadual da sigla, Félix Mendonça Jr., disse que a prioridade é dos pedetistas, que detêm atualmente a 1ª suplência da senadora Lídice da Mata (PSB), eleita em 2010. O suplente da parlamentar é o atual secretário de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap), Nestor Duarte, na época no PDT. 



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia