Facebook
Em cima da hora:
População detém suspeito de roubar menor no Centro de São Carlos, SP
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 30/05/2018


    Sobe - Prefeito Colbert Martins Filho, por acertar na tomada de decisões durante greve dos caminhoneiros.


    Desce - Falsa juíza, que tentou furar fila de posto de combustível, em Feira, com carro atribuído ao TJ-BA.


    Pesquisa mostra desinformação

     

    O pré-candidato a governador da Bahia pelo DEM, José Ronaldo, disse, em entrevista ao Bahia Notícias, que a pesquisa Paraná Pesquisa, divulgada terça-feira (29), mostra claramente “uma grande desinformação do eleitorado”. O levantamento mostrou que o democrata tem 9,5% das intenções de voto e, além disso, apontou também que 11,2% dos entrevistados acreditam que o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), vai apoiar o atual governador Rui Costa à reeleição. “As pessoas não sabem o quadro total. Acredito que isso vai acontecer com a campanha tomando corpo indo para as ruas, nas carreatas, na TV. Numa maior visibilidade. Agora estamos em ambiente fechado”, afirmou.


    Apoia saída de Temer


    Com parte dos manifestantes pedindo intervenção militar em meio ao protesto dos caminhoneiros, o governo de Michel Temer (MDB) ficou ainda mais instável. Pelo menos um parlamentar da base aliada defendeu a saída do emedebista da Presidência da República, de acordo com o blog Painel, da Folha de S. Paulo. Coube ao presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), a ponderação de que logo mais, em outubro, haverá uma nova eleição e que, portanto, era preciso manter a estabilidade do Brasil até lá. Quem também se manifestou contra a ideia foi a senadora Lídice da Mata (PSB-BA).


    Rejeição de Henrique


    A maior taxa de rejeição dentre os principais candidatos à Governador é de João Henrique (PRTB), de acordo com o pesquisa do Instituto Paraná Pesquisas. Mais da metade dos eleitores (56,9%) “não votariam de jeito nenhum” em João Henrique para governador do estado. O democrata José Ronaldo aparece em segundo lugar, com 46,3% de rejeição, seguido de Rui Costa, com 25,1%. A pesquisa considerou os três candidatos que mais tiveram intenção de voto na pesquisa. Rui, por outro lado, é o governador que concentra o maior número de certeza nos votos.


    Suspensão por tempo indeterminado


    O Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT-BA) manteve a suspensão do expediente em todas as unidades administrativas e judiciais da Bahia “até ulterior deliberação”. Em nota, a presidente da Corte, desembargadora Maria de Lourdes Linhares, citou que outros órgãos da Justiça decidiram retomar o expediente na terça-feira (29), “atendendo ao ‘clamor’ dos advogados, dos juízes e dos servidores”, mas disse que a paralisação do TRT5 se mantém “em razão dos transtornos causados pela mobilização nacional dos caminhoneiros”.


    Apoios poderosos

     

    O apoio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do prefeito ACM Neto pode aumentar as chances de voto em pré-candidatos ao governo do estado. Foi o que a pesquisa divulgada nesta terça-feira, pelo Instituto Paraná Pesquisas apontou. De acordo com o levantamento, o apoio do ex-presidente Lula a um candidato ao governo aumentaria a vontade de 49% dos ouvidos de votar nesse candidato. Com o apoio do prefeito ACM Neto, a porcentagem é de 40,2%. Um movimento contrário acontece com o presidente Michel Temer. O apoio do emedebista diminuiria a vontade de voto no candidato estadual de 52,7% dos ouvidos pelo Instituto.


    Regime de urgência


    O plenário do Senado aprovou nesta segunda-feira (28), em votação simbólica, requerimento que coloca em regime de urgência o projeto da reoneração da folha de pagamento. Com essa medida, a proposta não precisa passar por comissões e pode ser colocada na pauta de votação imediatamente. Ainda assim, o base do governo tem evitado dizer se irá apreciar o texto ainda esta semana ou se vai deixar para a próxima, devido ao feriado de Corpus Christi. O projeto que reduz neste ano a desoneração da folha de pagamento para 28 setores da economia, aprovado na quarta-feira, na Câmara dos Deputados. A proposta também prevê zerar, até o final deste ano, a PIS-Cofins que incide sobre o óleo diesel.



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia