Em cima da hora:
População detém suspeito de roubar menor no Centro de São Carlos, SP
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 16/10/2018


    Sobe - Feira de Santana por ter uma lei que prioriza o atendimento a crianças autistas nas repartições públicas e privadas da cidade.


    Desce - Pessoas que abandonam veículos pelas ruas de Feira e estes acabam sendo criadouros de mosquito da dengue além de servir também de escoderijo de marginais.


    Para o Nordeste


    O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, gravou vídeos direcionados ao Nordeste. Segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, ele falou sobre o pagamento do 13º salário para o Bolsa Família e propostas para o semiárido. As peças serão incluídas nas propagandas do candidato na TV.


    Pronunciamento


    O candidato à Presidência da República, Fernando Haddad (PT), disse no último domingo (14), em São Paulo, que a liberdade religiosa no país tem que ser garantida e que sua preocupação é manter o Estado brasileiro aberto a todas as crenças. As declarações foram feitas pelo candidato ao ser confrontado sobre suas recentes afirmações sobre Edir Macedo, líder da igreja Universal, após encontro com representantes de entidades ligadas a pessoas com deficiência, em um hotel da capital paulista.


    Indicação de nomes


    Uma pasta que agregaria os atuais ministérios da Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento Agrário, idealizada pelo candidato à Presidência do PSL, Jair Bolsonaro, já é alvo de uma corrida por indicação de nomes por parte de entidades do setor. Segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo, o presidente da União Democrática Ruralista (UDR), Luiz Antônio Nabhan, até então preferido para ocupar o posto, passou a ter concorrentes, após a Frente Parlamentar da Agropecuária e a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) resolverem entrar no páreo. Integrantes da bancada ruralista que apoiam o capitão da reserva e deputado federal já o informaram que o nome de Nabahn divide o grupo.


    Bancada feminina


    A Câmara dos Deputados terá, na legislatura que se inicia dia 1º de fevereiro, a maior bancada feminina das últimas três legislaturas, mas o Brasil ainda continuará abaixo da média da América Latina em número de mulheres no Legislativo. Uma das características do grupo de deputadas eleitas é o parentesco com políticos tradicionais: 10,4% das 77 eleitas. Na bancada feminina, o Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap) identificou oito integrantes de famílias de políticos.


    Começou ontem


    Os eleitores já podem emitir pela internet, no site do Tribunal Superior Eleitoral, a certidão de quitação eleitoral. O documento comprova que o eleitor está em dia com a Justiça Eleitoral, e é exigido na hora de tirar o passaporte ou para assumir cargos públicos. A certidão também pode ser obtida pessoalmente, em qualquer cartório eleitoral. Para isso, é necessário apresentar o canhoto entregue no dia da votação do primeiro turno. Caso o eleitor prefira, ele ainda pode baixar o aplicativo E-titulo no celular ou no tablet e emitir o documento.


    Articulação


    A ex-candidata à Presidência da República, Marina Silva, articula para fundir o seu partido, a Rede, com outras legendas. Segundo a Coluna do Estadão, Marina já conversou com o presidente do PPS, Roberto Freire, sobre a possibilidade de fusão entre as duas siglas. Além disso, de acordo com a coluna Radar, da revista Veja, a ex-senadora discutiu a hipótese também com Eduardo Jorge, do PV, na última semana da campanha presidencial. A Rede não vai receber fundo partidário a partir do próximo ano.


    Possibilidade


    Guru econômico da chapa de Jair Bolsonaro (PSL) à Presidência da República, o economista Paulo Guedes afirma que há a possibilidade de integrantes da atual equipe econômica do presidente Michel Temer (MDB) fazerem parte do governo em 2019, no caso de uma vitória. No entanto, não haverá um convite a quem não sinalizar que queira continuar na gestão. “Alguns são muito bons. Mas terão de manifestar clara intenção de continuar. Porque nós temos também um time excelente”, disse Guedes, em entrevista a Andreia Sadi, colunista do portal G1. Durante a campanha presidencial, o economista manteve conversas com integrantes do Ministério da Fazenda e do Banco Central. O objetivo foi discutir propostas de uma eventual transição, como a reforma da Previdência.



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia