Em cima da hora:
Família em Barbacena tem casa furtada enquanto viajava
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 14/11/2018


    Sobe - Estádio Joia da Princesa por ser cartão postal de Feira de Santana há 52 anos.


    Desce - Homens que não cuidam da saúde e fazem com que número de câncer de próstata aumente em Feira de Santana.


    Blitz de IPVA


    No uso da tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana, na sessão ordinária de ontem (13), o vereador João Bililiu (PPS) criticou as blitzen do IPVA realizadas na última segunda-feira (12), em diversos pontos da cidade.


    Repercussão


    O vereador Gilmar Amorim (PSDC) repercutiu o assassinato das feirenses Francirleide Assis Barbosa e sua filha Bruna Carla Assis, de apenas 5 anos, no município de Silvianópolis, interior de Minas Gerais. O crime foi cometido pelo produtor rural Luiz Carlos Martins, marido de Francirleide e padrasto da criança.


    Crítica


    Luiz Augusto de Jesus (DEM), o Lulinha, voltou a criticar o fechamento de escolas do ensino fundamental da rede estadual em Feira de Santana e afirmou que a medida é uma retaliação do governador reeleito Rui Costa em resposta a votação que obteve no município no último pleito.


    Sobre reunião


    Cadmiel Pereira (PSC) informou que esteve em reunião com o prefeito Colbert Martins Filho e expôs suas ideias sobre engenharia de tráfego e mobilidade urbana. Segundo ele, alguns locais de Feira de Santana podem ser interligados e melhores assistidos pelo transporte público urbano.


    Comemoração


    Zé Curuca (DEM) comemorou a transferência hospitalar do paciente Yan Lucas Almeida Nascimento, de três anos, que tem problemas cardíacos e precisa realizar uma cirurgia de urgência. O vereador explicou que o procedimento não pode ser feito no Hospital Estadual da Criança (HEC), por isso vereadores, familiares e profissionais da imprensa local se mobilizaram para conseguir uma vaga no Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA).


    Sobre ENEM


    Edvaldo Lima (PP) voltou a criticar a questão aplicada na prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2018) sobre o “dialeto secreto” de gays e travestis. O edil cobrou mais respeito às famílias e aos princípios bíblicos.


    Reajuste do STF


    O vice-presidente eleito, general Hamilton Mourão, disse na última segunda-feira (12), que o atual presidente, Michel Temer, “terá de vetar” o reajuste de 16,38% aos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) aprovado pelo Congresso. Se Temer sancionar o reajuste, o salário dos ministros do STF passará de R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil, o que causará o chamado “efeito cascata” nas contas públicas, porque o valor representa o teto do funcionalismo público. Segundo cálculos de consultorias da Câmara e do Senado, o reajuste poderá causar um impacto de R$ 4 bilhões nas contas públicas.


    Inconsistências


    Um relatório técnico da Assessoria de Exame de Contas Eleitorais e Partidárias do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apontou “inconsistências” na prestação de contas da campanha do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). O parecer foi entregue ao ministro Luís Roberto Barroso na última segunda-feira (12). No relatório, os técnicos do TSE pediram a Barroso que notifique a campanha de Bolsonaro a apresentar, em até três dias, as notas, os contratos e o detalhamento de contas. Ao todo, foram apontadas 23 “inconsistências” que envolvem impropriedades (erros formais ou dados inexatos) ou suspeitas de irregularidades na prestação, além da falta de documentos.



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia