Em cima da hora:
População detém suspeito de roubar menor no Centro de São Carlos, SP
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 04/09/2020


    Sobe - Prefeitura por oferecer linhas de crédito a prestadores de serviços turísticos no município.


    Desce - O grande volume de prefeitos no interior condenados a ressarcirem recursos públicos aos respectivos municípios além de pagarem multa.

     

    Apoio


    O ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo de Carvalho (DEM), foi indagado a respeito da posição do deputado estadual Targino Machado (DEM) que anunciou apoio ao pré-candidato Carlos Geilson (Podemos) para disputar a prefeitura feirense. “É uma questão democrática, é um direito dele escolher”. A informação é do Bahia na Política através do programa Levante a Voz.


    Chapa de Isidório


    A decisão entre a alta cúpula do PSD e do Avante ensejou a composição da chapa encabeçada pelo Pastor Isidório (Avante) completada com a indicação de Eleusa Coronel (PSD), esposa do senador Angelo Coronel para disputar a Prefeitura de Salvador. Eleusa retirou sua candidatura à prefeitura da capital e aceitou a composição.


    Contas rejeitadas


    O Tribunal de Contas dos Municípios rejeitou, na sessão de ontem (03/09), realizada por meio eletrônico, as contas da prefeitura de Ipirá, relativas ao exercício de 2017, da responsabilidade do prefeito Marcelo Antônio Santos Brandão. O relator do parecer, conselheiro Francisco Netto, aplicou multa R$6 mil em razão das irregularidades apontadas no relatório técnico. Além disso, a relatoria determinou o ressarcimento de R$98.093,05, valor referente ao pagamento de juros e multas por atraso no adimplemento de obrigações junto à Receita Federal, INSS e Coelba.


    Irregularidades


    Em razão da ausência de dotação orçamentária para a celebração de contrato com o Instituto de Pesquisa Saúde e Educação e a terceirização ilegal de serviços públicos, foi julgado procedente as denúncia formulada contra o prefeito de Água Fria, Manoel Alves dos Santos envolvendo irregularidades cometidas no exercício de 2019. Os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão de quinta-feira (03/09). O conselheiro Francisco Netto, relator do processo, multou o gestor em R$10 mil.


    Vai ter que devolver


    Foi julgado no último dia 2, no TCM como procedente o termo de ocorrência formulado contra o prefeito de Caetité, Aldo Ricardo Cardoso Gondim, pelo pagamento de R$91.662,63 em juros e multas, com danos ao erário, decorrentes do atraso no adimplemento de obrigações previdenciárias, no período de janeiro a dezembro de 2019. O relator do processo, conselheiro José Alfredo Rocha Dias, multou o gestor em R$ 3 mil. Além disso, foi imputado o ressarcimento, com recursos pessoais, no valor de R$ 91.662,63.


    Boquinha


    Em nota publicada no site Bahia Notícias, o prefeito ACM Neto (DEM) respondeu ontem (3), durante inauguração do terceiro elevado do BRT na capital baiana, questionamentos sobre a nomeação da filha do ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo de Carvalho. Segundo o gestor da capital, a nomeação de Natália foi motivada exclusivamente pela competência técnica e não como “boquinha” do político feirense.



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia