Em cima da hora:
Enchente atinge bananais em três cidades do Vale do Ribeira, SP
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 24/04/2014


    Sobe - A Micareta de Feira de Santana que promete manter brilhantismo tradicional.
     
    Desce - A falta de doadores de sangue em Feira de Santana. 
     
    Má notícia 
     
    Os admiradores do policial e vereador de Salvador, Marco Prisco, podem ficar privados de votar no policial na sua eleição para deputado estadual. Mantida a prisão temporária, por questão de segurança nacional por 90 dias, Prisco ficará impossibilitado de participar da convenção do seu partido no mês de junho e com isso existe a impossibilidade do registro da candidatura.  
     
    Boa notícia 
     
    Prisco ainda tem uma esperança. O partido ou a coligação, que de fará parte pode reservar uma data e depois da liberdade, até o dia 06 de agosto, a agremiaão poderá, conforme determina a lei eleitoral, encaminhar uma lista de remanescente, para completar o quadro com o nome do detido. Ai sim ele poderá ser candidato. 
     
    Notícia 

    O policial militar Francisco Ubiracy, o Bira, filho do ex-presidente da Câmara de Feira, Ribeiro, se desfiliou esta semana do PSD. O policial está encaminhando o pedido de filiação para o dia da convenção partidária ao Partido Ecológico Nacional- PEN.   
     
    Cemitério 

    Entendido de mortos, o vereador Roque Pereira (PTN) usou a tribuna na manhã de ontem (23), para criticar a atitude da direção do Cemitério São Jorge, que está cobrando o pagamento do IPTU para os parentes de pessoas enterradas no local. "Isso parece piada. Não é possível que a direção do cemitério queira cobrar de parentes de pessoas enterradas o pagamento do IPTU. O que está acontecendo naquele lugar? Vou acionar o Ministério Público para que este absurdo seja vetado", disse.    
     
    Micareta

    A afirmação do vereador Isaias de Diogo (PPS) de que a Micareta está comprometida por falta de investimentos do Governo do Estado obrigou o petista Pablo Roberto a usar a tribuna para tirar do Governo do Estado a responsabilidade pelo possível insucesso da festa momesca. "Se a Micareta não for boa, quero dizer que a culpa é do governo municipal. O Governo Estadual investiu como investe todos os anos, mas se for um fracasso não é culpa da Estado e sim do Município. Acredito e gosto muito da festa e espero que ela seja muito boa", disse Pablo.
     
    Micareta

    Buscando valorizar a Micareta de Feira, o vereador Ronny (PSDB) lembrou que além de toda a estrutura para a festa, também já estão prontas as equipes de saúde que estarão de plantão durante toda a festa. A novidade na saúde este ano é a presença de um especialista bucomaxilar pronto e apto para a realização de cirurgias. "Também teremos o teste de HIV e um setor de desintoxicação. Isto mostra que a Prefeitura, em nome da Secretaria de Saúde, está atenta e empenhada na realização desta grande festa que é a Micareta de Feira", finalizou.
     
    Micareta I

    Ainda sobre a Micareta 2014, o líder do governo na Casa, Carlito do Peixe (DEM), leu ontem (23), na tribuna o contrato de algumas atrações com a Prefeitura para se apresentarem na Micareta, dentre elas a cantora Cláudia Leita com o cachê de R$ 260 mil e a banda Chiclete com Banana, já sem Bell Marques, com o cachê de R$ 100 mil.  
     
    HC de Marco Prisco

    O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, foi sorteado relator do habeas corpus que pede a libertação do vereador e líder da greve da PM da Bahia Marco Prisco (PSDB), depois que a colega que recebeu a ação no plantão, Carmem Lúcia, não emitiu a decisão. Segundo a assessoria do tribunal, Lewandowski tem uma série de processos em seu gabinete a analisar, motivo porque não teria prazo para decidir sobre Prisco. O ministro é acusado de ter votado sempre a favor dos petistas acusados de participação no mensalão, a exemplo de José Dirceu. 
     
    Domésticas 

    Depois de mais de nove meses tramitando na Câmara, os deputados aprovaram esta semana a urgência para votação do projeto de lei do Senado que regulamenta os direitos e deveres do empregado doméstico, estabelecidos pela Emenda Constitucional 72. O projeto foi aprovado pelo Senado em julho do ano passado. Entre os direitos estão seguro-desemprego, indenização por demissão sem justa causa, Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), pagamento de horas extras, adicional noturno e seguro contra acidente de trabalho.
     
    Na suplência

    Depois da novela que cercou a oposição e a situação na composição das chapas que deverão concorrer  às eleições deste ano, novos cargos deverão ser preenchidos antes do início da campanha eleitoral. Com sua agremiação fechada e em sintonia, segundo informações de bastidores, os governistas agora miram no PDT como possível indicador da suplência de Otto Alencar (PSD) ao Senado. Seria uma forma de aliviar a tensão causada com a sigla, após a protelação do governador Jaques Wagner (PT) na vaga de vice, almejada pelo presidente da Assembleia Legislativa, Marcelo Nilo (PDT), e entregue de bom grado ao PP, do deputado federal João Leão (PP). 
     
    URV

    Portando faixas, cartazes e camisetas com mensagens ao Governo do Estado cobrando o pagamento da URV, servidores da Saúde se manifestaram em frente ao Fórum Ruy Barbosa no início da tarde de ontem (23), liderados pelo Sindsaúde-Ba. O ato foi durante a devolução do processo Nº 0178238-87.2004.805.0001, que tramita há 10 anos no TJ-BA, já com a inclusão dos cálculos dos valores devidos aos trabalhadores. Com isso o sindicato cumpriu a determinação da 7ª Vara da Fazenda Pública, que no dia 21 de março notificou a entidade, por meio de despacho publicado no Diário Oficial do Judiciário, a anexar ao processo a planilha de cálculos dos valores devidos aos servidores. 
     
    Expulsão

    Em reunião ocorrida em Brasília na manhã da última terça-feira, 21, dirigentes do PT avisaram o deputado licenciado André Vargas (PT-PR), que se ele não renunciar ao mandato, será expulso do partido. Vargas resistiu e desafiou a cúpula petista. "Não renuncio. Agora vou até o fim e vou fazer o meu sucessor na vice-presidência da Câmara", afirmou, numa referência ao deputado Luiz Sérgio (RJ). O presidente do PT, Rui Falcão, disse a Vargas que as denúncias de irregularidades envolvendo o nome dele desgastam ainda mais a imagem do partido, já abalada com o escândalo do mensalão.


Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia