Em cima da hora:
População detém suspeito de roubar menor no Centro de São Carlos, SP
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 29-09-2014


     

    Pesquisa
    O último levantamento da pesquisa Ibope, que mostra o detalhamento por estados, mostra que a candidata Dilma Rousseff (PT) venceria no 1º turno se dependesse dos baianos.Dilma aparece com 52%, à frente da sua principal adversária, Marina Silva (PSB), que aponta com 23%. Já o tucano Aécio Neves registrou 11% das intenções de voto. Luciana Genro (PSOL) pontuou 1%. Brancos e nulos somaram 6%. Não sabem ou não responderam, 7%. Em todo o país, Dilma computou 28%, Marina, 29% e Aécio, 19%. A margem de erro da pesquisa é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos.

    Crise
    O candidato a vice-presidente da República pelo PSB, Beto Albuquerque, cancelou a agenda de campanha que cumpriria ontem (26) em Minas Gerais ao lado da candidata Marina Silva para tentar resolver a crise instalada no partido desde que o presidente da legenda, Roberto Amaral, convocou o diretório nacional para eleger o novo comando da legenda, na próxima segunda. Albuquerque, vice-presidente do PSB, disse que a convocação é "inoportuna" e que o partido deve estar totalmente focado na disputa presidencial. Amaral, que tenta continuar à frente do PSB, argumenta que a data tinha sido marcada pelo ex-governador, candidato à Presidência da República e presidente do partido Eduardo Campos, que morreu em um acidente aéreo em 13 de agosto.

    Consciência
    Com o objetivo de conscientizar o eleitor na hora do voto, a OAB da Bahia lançou o vídeo da campanha “Vote Limpo”. A iniciativa foi criada no início do mês, pelo Conselho Federal da Ordem, e replicada com a cara e sotaque baianos pela seccional local. “Voto secreto”, “venda de votos” e “corrupção” são alguns dos temas abordados no vídeo, que apresenta um jingle feito especialmente para a campanha, interpretado por representantes da OAB-BA. “Nossa intenção é esclarecer e sugerir aos cidadãos que reflitam antes das eleições e que, desta forma, deem um voto de consciência livre”.

    Encontro
    Para celebrar os avanços e discutir os próximos passos do Poder Judiciário no Brasil, presidentes, vice-presidentes e representantes de tribunais de Justiça do Brasil estão reunidos, até hoje (27), no 100º Encontro do Colégio Permanente de Presidentes de Tribunais de Justiça do Brasil (CPPTJB). O governador Jaques Wagner, o presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA), desembargador Eserval Rocha, e a presidente em exercício do Superior Tribunal Federal (STF) e presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Carmen Lúcia, participaram, na noite da última quinta-feira (25), da abertura do evento, que está sendo realizado no Hotel Grand Palladium, em Imbassaí, no município de Mata de São João.

    Campanha acirrada
    Faltando nove dias para eleição que vai decidir a cadeira para o Senado, os candidatos Geddel Vieira Lima (PMDB), pela coligação Unidos pela Bahia, e Otto Alencar (PSD), pela coligação Pra Bahia Mudar Mais, ampliam o clima de acirramento em suas estratégias de campanhas. Ambos apareceram com empate técnico na última pesquisa do Instituto Ibope. O peemedebista apareceu com 33% das intenções de voto e o pessedista com 29%. Na terceira colocação foi apontada a ex-ministra do STJ, Eliana Calmon, da coligação Um Novo Caminho para a Bahia com 4%.

    Biometria
    Pelo menos 15% dos eleitores devem demorar mais tempo para escolher seus candidatos nas urnas este ano. Nas eleições que ocorrerão em dez dias, mais de 21 milhões de brasileiros usarão a biometria para se identificar. No Distrito Federal (DF), onde todos os eleitores serão identificados pelas digitais, a expectativa é que a votação seja concluída por volta das 19h, duas horas depois do horário oficial de fechamento dos portões das seções. O assessor de Planejamento do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Marcello Soutto Mayor, explicou que algumas medidas foram tomadas para minimizar os atrasos, como um número maior de seções.

    Condenado à prisão
    O prefeito do município de Sento Sé, Ednaldo dos Santos Barros (PSDB), foi condenado na última quinta-feira (25), pela 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Bahia, à pena de cinco anos de reclusão. Denunciado pelo Núcleo de Investigação de Crimes Atribuídos a Prefeitos do Ministério Público da Bahia (MP-BA), o gestor também foi condenado à perda do cargo, afastamento imediato das suas funções e inabilitação para o exercício de cargo público pelo prazo de cinco anos. Ednaldo foi acusado de, “acobertado por notas fiscais 'frias'”, desviar recursos públicos por meio de aquisições “fraudulentas” de medicamentos. O fato ocorreu durante o seu primeiro mandato, no ano de 1998.



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia