Em cima da hora:
Família em Barbacena tem casa furtada enquanto viajava
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 14/02/2015


    Sobe - Iniciativa de escola municipal ao utilizar a rádio escolar como estratégia educomunicativa.

    Desce - Obra na Conceição I por voltar a por transeuntes em risco.

    Carnaval

    Após três dias intensos de votações na semana de pré-carnaval, os deputados terão 11 dias de folga na Câmara e só voltarão a Brasília no dia 24. Nos primeiros de presidência na Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) impôs um ritmo de votações acelerado e intolerância aos deputados faltosos. O quórum vem se mantendo alto e na segunda-feira (09), mesmo sem sessões deliberativas, 464 estiveram presentes. O pico da semana foi na terça-feira (10), com 492 deputado.

    O Retorno

    A presidente Dilma Rousseff embarcou ontem (13), para a Base Naval de Aratu, em Salvador (BA), onde passa o feriado de carnaval. Dilma deve retornar para Brasília na quarta-feira de cinzas. O ministro da Defesa, Jaques Wagner, acompanha a presidente na viagem. No mês passado, Dilma descansou durante cinco dias no local, depois de tomar posse.

    Boato

    A Secretaria de Imprensa da Presidência notificou que a presidenta não indicou o novo ministro do Supremo Tribunal Federal e publicações sobre o tema não passam de especulações. Alguns sites chegaram a divulgar o nome de Mauro Campbell, ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), como o indicado de Dilma ao STF, antigo cargo de Joaquim Barbosa.

    Mulher

    Foi instalada de quarta (12) a subcomissão de Autonomia Econômica das Mulheres, na Comissão dos Direitos da Mulher, presidida por Fabíola Mansur (PSB) na Assembleia Legislativa. A reunião discutiu questões relacionadas com o preconceito que existe no mercado de trabalho quanto à remuneração das mulheres e outras questões relacionadas a discriminações de caráter econômico. O requerimento elaborado e será presidido por Neusa Cadore (PT), eleita em pleito contabilizado pelo deputado Bira Corôa (PT).

    Resposta

    Em resposta ao "Ou o Bahia melhora ou nós, torcedores, vamos sofrer o ano todo" publicado pelo prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), no Twitter, sobre a situação do time Bahia dentro de campo, o presidente da agremiação, Marcelo Sant'Ana, tuitou: "Bom ver a Prefeitura preocupada com o Bahia e nossa necessidade de melhora. Espero que agora o assunto Transcon/sede de praia seja resolvido", alfinetou. A Prefeitura deve ao Bahia R$ 36 milhões em Transcons (Transferência do direito de Construir) referentes à desapropriação da sede de praia do clube, na Boca do Rio, onde hoje existe uma praça.

    Procon

    A Superintendência de Proteção do Consumidor irá realizar ações de fiscalização para combater práticas que não estejam em conformidade com o Código de Defesa do Consumidor. O órgão também irá realizar ações educativas junto aos foliões e empresas envolvidas com a festa. Ontem (13) o órgão realizou vistoria nas entregas de abadás no Shopping da Bahia e também nos circuitos. Para denúncias, o consumidor tem à disposição o telefone (71) 3116-0567 ou o e-mail [email protected]

    Cuidado

    O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa delatou ao Ministério Público que a Odebrecht, na mira da força-tarefa da Lava Jato, fez depósitos "a cada dois ou três meses" em suas contas no exterior entre 2008 e 2013 a título "política de bom relacionamento". Costa contou que os pagamentos eram realizados por sugestão do diretor da empreiteira, Rogério Araújo, que lhe disse: "Paulo, você é muito tolo, você ajuda mais os outros que a si mesmo. E em relação aos políticos que você ajuda, a hora que você precisar de algum deles eles vão te virar as costas", relatou.

    Repartição

    O executivo da Odebrecht teria indicado o operador Bernardo Freiburghaus, dono da empresa Diagonal Investimentos que teve a prisão decretada na nona fase da Lava Jato, como responsável por abrir e operar as contas do ex-diretor de Abastecimento no exterior. Costa admitiu que possuía cerca de US$ 26 milhões em contas na Suíça vindos da Odebrecht, valor que o Ministério Público Federal está negociando a repatriação com as autoridades suíças.

    Voou

    O doleiro Youssef delatou que emprestou um helicóptero para o político Luiz Argolo (SDD-BA) usar na campanha eleitoral de 2014. Na época, Argolo era candidato a deputado federal, teve 63.649 votos e tornou-se suplente. Segundo Youssef, Argolo comprou a aeronave em 2012, mas não teve dinheiro para quitar as prestações, pedido dinheiro emprestado ao doleiro para fazer os pagamentos. Youssef propôs quitar as prestações e emprestar a aeronave a ele, pagando, à vista, R$700,00 por meio da empresa GFD, em nome da qual foi registrado o bem, sem contrato entre Argolo e o vendedor da aeronave.

    Propina

    O doleiro informou que "João Argolo fazia parte do rol de parlamentares do PP que recebia repasses mensais a partir dos contratos da Diretoria de Abastecimento da Petrobras". Argolo deixou o PP no fim de 2013 e transferiu-se para o Solidariedade. A Diretoria de Abastecimento foi comandada por Paulo Roberto Costa, entre 2004 e 2012. Segundo a PF, ele atuava como parceiro nos negócios de Youssef na Petrobras. Preso no ano passado, o ex-diretor da estatal fez delação premiada e hoje cumpre prisão domiciliar no Rio.  



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia