Em cima da hora:
Motociclista fica ferido após bater de frente com ônibus em Ribeirão Preto
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 17/02/2017


    Sobe - O bom início de Campeonato Baiano do Fluminense de Feira


    Desce - O fraco desempenho nas vendas da Feira de Livros Usados


    Terão salários descontados


    Na sessão de votação da Assembleia Legislativa da Bahia desta terça (15), o presidente Ângelo Coronel (PSD) observou a ausência de sete colegas e avisou que, se as faltas não fossem justificadas, os parlamentares perderiam 4% do salário - que equivale a R$ 1 mil. Os faltosos foram Antônio Henrique Júnior (PP), Augusto Castro (PSDB), Luiza Maia (PT), Manassés (PSL), Maria del Carmem (PT), Roberto Carlos (PDT) e Samuel Júnior (PSC).


    Vereador suspeito


    Preso com mais de 270 kg de drogas após um dia da eleição em Ubaitaba, no sul baiano, o vereador Messias Aguiar (PMDB) foi aplaudido na Câmara de Vereadores do município. O fato ocorreu nesta quarta-feira (15), durante o início dos trabalhos na Casa Legislativa. Vários eleitores compareceram à sessão. Detido no presídio de Valença, o edil foi solto após conseguir um habeas corpus, na sexta-feira (10). Messias Aguiar passou a responder em liberdade pelo crime de tráfico de drogas. À TV Santa Cruz, o vereador se defendeu, afirmando que foi vítima de uma armação e disse que vai provar a inocência. Conforme a Polícia, o material foi encontrado em uma fazenda que pertence ao vereador.


    Financiamento


    O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles afirmou que o limite de imóvel financiado com FGTS subirá para R$ 1,5 milhão. A informação foi confirmada em entrevista à GloboNews "Estamos aumentando esse limite, de cerca de R$ 850 mil ou R$ 950 mil, dependendo da cidade, para R$ 1,5 milhão, para permitir a compra da casa própria. O que significa que a classe média vai ser extremamente beneficiada porque pode não só sacar as contas inativas como pode usar recursos das contas ativas para financiar e comprar a casa própria", afirmou o ministro.


    Combate à corrupção


    O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quinta-feira (16), que vai esperar a decisão do plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a tramitação do projeto de lei que trata de medidas de combate à corrupção para dar andamento ao processo na Casa. O projeto foi devolvido hoje à Câmara pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE). Maia reiterou que acredita que a decisão do ministro do STF Luiz Fux, que suspendeu a votação do projeto na Câmara, é um tipo de interferência do Poder Judiciário no Legislativo, mas declarou que não vai criticar nem desobedecer a decisão da justiça.


    Cabral será transferido


    A Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) deve transferir em março o ex-governador do Rio Sérgio Cabral (PMDB) para um presídio que está sendo reformado para receber presos da Lava Jato, de acordo com o Estadão. A unidade, em Benfica, na zona norte, funcionava como Batalhão Especial Prisional (BEP), onde ficavam policiais presos. Segundo o jornal, famosa pelas mordomias concedidas aos detentos, a cadeia foi desativada em 2015, após uma juíza da Vara de Execuções Penais ter sido agredida no local.


    Teatro em sabatina


    Peemedebistas presentes na sabatina informal de Alexandre de Moraes, na liderança do PMDB no Senado, na última terça (14), se irritaram com a encenação, informou a Coluna Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo. De acordo com a publicação, apenas Garibaldi Alves, Waldemir Moka e Kátia Abreu falaram, lançando mão de fazer pressão sobre o indicado ao STF. Moraes também passará pela sabatina na CCJ do Senado, na próxima terça-feira, para ir para o Supremo. 



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia