Classivendas
Em cima da hora:
Projeto contra corrupção do MPF já coletou mais 31 mil assinaturas na PB
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 05/04/2017


    Sobe - Secretaria de Saúde por realizar mutirão de vacinação em bairros onde foram econtrados macacos mortos com febre amarela


    Desce - Donos de sons apreendidos durante operação Feira quer silêncio cujos aparelhos estão sob o dominío da polícia 

     

    Em defesa das mulheres


    Os últimos casos de violência e assédio contra mulheres foi tema do discurso da vereadora Gerusa Sampaio, na sessão de ontem (5), na Câmara Municipal. Gerusa chamou a atenção para a importância da denúncia e disse que um grande número de mulheres ainda sofre calada, por medo de sofrer represálias ou perderem os seus empregos. "Isso tem acontecido também nas classes altas, não só nas baixas. As mulheres precisam se unir, buscar os seus direitos. Vai acontecer uma caminhada dia sete de abril no Largo Nordestino, onde as mulheres vão se unir e protestar contra tanta violência. Feira tem um centro de referência para a mulher que realiza um excelente trabalho e a mulher que tem a coragem de denunciar tem o nosso respeito", disse.


    Grato ao vereador


    O vereador Zé Curuca agradeceu ao governador Rui Costa, que esteve em Feira de Santana, na manhã de terça (04). Curuca parabenizou Rui pela entrega de uma viatura da Polícia Militar para o distrito de Humildes. "Pertenço ao grupo político do prefeito, mas isso não me impede de agradecer. Não podemos cobrar a resolução da violência só do governo do estado, vários problemas nós começamos a evitar de casa, com respeito e educação, certamente as pessoas não irão para o mau caminho", finalizou.

     

    Agradecimentos e cobranças

     

    Isaias de Diogo aproveitou o seu discurso para agradecer à Secretaria de Serviços Públicos e ao secretário Justiniano França, que disponibilizou dois veículos para fazer a reposição de diversas lâmpadas queimadas no bairro do Feira X, o vereador ainda afirmou que em tempos de chuva, as lâmpadas tendem a queimar com maior facilidade. Mudando de assunto, o edil pediu para o líder do governo Zé Carneiro avisar ao prefeito que evite inaugurações de obras nos horários em que as sessões na Câmara estiverem acontecendo. "Tenho certeza de que não é o prefeito que está fazendo isso, quem cuida da agenda dele é Paulo Aquino e a secretária Jayana. Isso é muito inconveniente, quero estar presente nas inaugurações e não vou me calar, peço que coloquem estas festividades em sintonia com o funcionamento desta Casa", cobrou. 

     

    Greve dos professores

     

    A greve dos professores municipais mais uma vez foi abordada pelo vereador Zé Filé. O edil fez um apelo para que seja marcada uma audiência com o prefeito sobre a paralisação. "As crianças precisam estudar, muitas estão fora da sala e estão sem se alimentar, pois faziam isso na escola. Visitei amigos em alguns distritos e a situação é crítica, o professor precisa ganhar bem, mas não podemos ficar calados, devemos ajudar, estamos no meio do ano e os alunos e professores vão ficar sem férias. Peço que o governo se sensibilize e que os professores entrem em um acordo", disse.

     

    Ruas sem CEP


    O vereador Roberto Tourinho confirmou a ida de alguns vereadores na tarde de hoje (06) para Salvador, onde participarão de uma reunião com a diretoria dos Correios, para tentar resolver o problema de inúmeras ruas em Feira de Santana que ainda não possuem CEP. "Estive em contato com o secretário de planejamento Carlos Brito que passou uma lista das ruas que já foram solicitadas aos Correios, mas eles ainda não resolveram e continuam prejudicando a população", disse. O edil ainda citou o bairro Três Riachos, que segundo ele, nenhuma rua tem CEP e as pessoas estão privadas de receberem correspondências e realizarem compras pela internet.


    Ainda sobre a APLB


    O líder do governo, Zé Carneiro afirmou que leu em um site, o comentário do vice-prefeito Colbert Martins sobre a vinda do governador Rui Costa à Feira de Santana, onde ele lamentou a APLB não ter ido protestar contra o governo do estado. Carneiro ainda afirmou que o governo municipal dá reajuste todos os anos e que Zé Filé em todos os seus pronunciamentos não faz um comentário sobre o "descaso" do governo do estado com os servidores. Em aparte, Zé Filé disse que defende os professores e o município, e que se a APLB está calada em relação ao estado, é porque deve estar ganhando bem e os professores estão satisfeitos.

     

    Mobilidade urbana


    Cadimiel Pereira falou sobre o trânsito na cidade. Segundo ele, quando grande parte dos moradores dos bairros com grande número de população se deslocam para o centro, que o fluxo de trânsito fica tenso, principalmente nas vias de acesso, destacando a Artêmia Pires e a Avenida João Durval. Cadimiel pediu que os estudos de mobilidade urbana sejam agilizados, pois a população está perdendo muito tempo no trânsito, pediu ainda novos projetos e grandes intervenções aos engenheiros e ao prefeito. O edil solicitou também pavimentação asfáltica da rua do México, no Tomba e de bairros próximos ao centro", finalizou. 



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia